site da FAPESP
URL curto
Foto do(a) Antonio Paulo Benatte
Fonte: Currículo Lattes

Antonio Paulo Benatte

Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH)  (Instituição-sede da última proposta de pesquisa)
País de origem: Brasil
Apoio FAPESP em números
2Bolsas no país concluídas 
*Quantidades atualizadas em 25/03/2017

Colaboradores mais frequentes em auxílios e bolsas FAPESP

Contate o Pesquisador

Possui graduação em História pela Universidade Estadual de Londrina (1993), mestrado em História pela Universidade Federal do Paraná (1996) e doutorado em História pela Universidade Estadual de Campinas (2002). Tem experiência docente na área de História, com ênfase em Teoria e Metodologia da História e com publicações na área. Realizou pesquisas em história regional, história do Brasil República e, em pós-doutorado na Unicamp, investigou a história da leitura e recepção da Bíblia no pentecostalismo brasileiro. Foi bolsista do CNPq, da Capes e da Fapesp. Atuou como professor estagiário na área de Teoria da História na UNICAMP. Atuou como professor adjunto na Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE), na área de Teoria da História. É concursado na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), na área de Teoria da História. Professor do Programa de Pós-Graduação em História da UEPG. Pesquisa atualmente a história da historiografia paranaense. (Fonte: Currículo Lattes)

Bolsas no país concluídas (mais recentes)

  • O espírito e a letra: a leitura pentecostal da bíblia no ABC dos proletários (1970-2007), BP.PD

    O espírito e a letra: a leitura pentecostal da...

    O objetivo desta pesquisa e analisar historicamente as praticas culturais de leitura religiosa em grupos pentecostais da região operária do abc paulista, da década de 1970 aos dias atuais. A partir do estudo de dois grupos representativos de duas diferentes denominações - a assembléia de deus e a igreja pentecostal deus é amor - busca-se compreender a especificidade desses hábitos de l...

  • A cidade lúdica: boemia, prostituição e jogo em Londrina (1930-1970), BP.DR

    A cidade lúdica: boemia, prostituição e jogo e...

    Este projeto tem como objetivo a escrita de uma história dos marginais na cidade de Londrina (PR), no período de 1930 a 1970. Mais especificamente, uma história dos personagens que gravitavam em torno do mundo da boêmia, da prostituição e do jogo em uma região de colonização recente que, nos anos 50, era conhecida como o novo "eldorado" da cafeicultura no país. Esses fenômenos de margi...

Por favor, reporte erros na informação da página do pesquisador escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema: