site da FAPESP
 

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Auxílios à Pesquisa
Bolsas
Área do conhecimento
Situação
Ano de início
9 resultado(s)
|

Corantes naturais do cerrado para a produção do design de superfícies têxteis desenvolvidos com teares manuais: região de Carmo do rio claro- FURNAS

Beneficiário:
Instituição: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Antonio Takao Kanamaru
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:12/03800-5
Vigência: 01 de junho de 2012 - 31 de outubro de 2014
Resumo
Trata-se de proposta de estudo de caso a partir da abordagem do design de superfícies têxteis sobre a tecelagem manual, baseada em corantes naturais do Cerrado, na região de Carmo de Rio Claro-FURNAS. Observa-se nesse contexto grande aplicação da tecnologia tradicional do tear manual aliado ao uso de fibras. Esse saber-fazer, transmitido oralmente, representa fração significativa da economia regional e, em grande medida, a identidade cultural nesse contexto. No entanto, observa-se a perda do conhecimento específico relacionado ao uso de corantes naturais baseado em vegetais do Cerrado, apesar de espécies existentes nesse contexto. Assim como objetivo geral, pretende-se estudar e analisar os corantes naturais nativos dessa região e suas respectivas aplicações com vistas ao desenvolvimento dessa produção baseada em tecelagem manual, processo fundamental para a população da região e experiência importante como referência em políticas públicas locais e regionais. (AU)

Design têxtil e as mulheres na Bauhaus: estudo de caso sobre a metodologia de design têxtil de Gunta Stolzl, 1920-1931

Beneficiário:
Instituição: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Antonio Takao Kanamaru
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Desenho Industrial
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:10/10488-2
Vigência: 01 de março de 2011 - 29 de fevereiro de 2012
Resumo
Trata-se de estudo de caso sobre a obra de Gunta Stolzl como diretora da Oficina de Tecelagem da Bauhaus (1919-1933). A oficina era constituída basicamente por estudantes do sexo feminino e apesar das adversidades, legaram grandes contribuições conceituais e metodológicas modernas ao campo do design têxtil. A tecelagem era considerada uma arte feminina e inferior, e recebeu ao longo do tempo, menor atenção em relação às outras linguagens de projeto. Não obstante, sob orientação de Gunta Stolzl e o trabalho cooperado de suas estudantes, tornaram a oficina uma das mais bem sucedidas, revolucionando a tecelagem por meio da constante experimentação técnica, estética e metodológica, que resultaram em tecidos modernos, desde o uso de novos materiais, funções, até a sua forma visual. Para tanto, Gunta Stolzl enfrentou muitas adversidades e precariedades no início da operação da oficina, mas as enfrentou exemplarmente até alcançar o reconhecimento interno e externo à Bauhaus. Ex-estudantes tornaram-se novas mestras nessa especialidade. Logo, propõe-se como objetivo de estudo, investigar e analisar o trabalho de Gunta Stolzl na condição de mestra e designer na Oficina de Tecelagem da Bauhaus, entre 1920-1931, principalmente quanto à metodologia de design, partindo da premissa de que a cooperação, interdisciplinaridade e experimentalismo na direção de Gunta, auxiliou diretamente a superação das dificuldades encontradas na incipiente Oficina de Tecelagem. A dinâmica empreendida de trabalho impulsionou a formação de novas mestras de reconhecida contribuição na especialidade e o desenvolvimento moderno da tecelagem no campo do design têxtil, cujo conhecimento pode contribuir ao desenvolvimento ao do design têxtil brasileiro. (AU)

A criação da imagem têxtil: processos construtivos em design de superfície

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Marizilda dos Santos Menezes
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Desenho Industrial - Programação Visual
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:10/10562-8
Vigência: 01 de setembro de 2010 - 31 de agosto de 2011
Assunto(s):DesignDesign gráfico
Resumo
O Design de Superfície é uma área ainda incipiente no Brasil, sendo pesquisado e ensinado em poucas unidades de ensino superior no país. Entretanto, é um campo do design que apresenta um grande potencial de pesquisa nas diversas instâncias, desde a iniciação científica. É uma atividade técnica e criativa que tem por objetivo o projeto de texturas visuais e/ou tácteis, destinadas à solução de problemas de materiais e processos de produção, considerando-se seus aspectos estéticos, simbólicos e funcionais. Com esse trabalho de iniciação científica, pretende-se contribuir para a formação do bolsista, mediante uma vivencia geométrica diferenciada daquela estudada no presente, iniciando o aluno em atividade de pesquisa sistematizada na tecnologia de produtos têxteis. A criação de imagens em materiais têxteis decorre de processos de produção (fiação e tecelagem - variação da cor e direcionamento dos fios do tecido) e/ou alterações tecnológicas, com criação de padronagem por meio de tingimento, pintura, estampagem, bordados, lavagens. A partir dessa premissa a questão da pesquisa a ser investigada é: "Em decorrência dos processos de produção do tecido e técnicas diferenciadas de padronagem, quais os tipos de imagens podem ser gerados?" Assim sendo, o foco desta pesquisa incidirá sobre o Design de Superfícies Têxteis, onde se aliarão conceitos de Design Gráfico, Design de Moda e Design de Superfície, e será investigada a construção da imagem nos produtos têxteis a partir dos diferentes modos de produção. (AU)

Tecendo a memória - imprensa política e panfletaria dos operários têxteis (inventário deosps/sp - 1920-1980)

Beneficiário:
Instituição: Pró-Reitoria de Graduação. Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). São Caetano do Sul, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Priscila Ferreira Perazzo
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação - Jornalismo e Editoração
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:06/61308-9
Vigência: 01 de abril de 2007 - 30 de setembro de 2007
Assunto(s):ImprensaIndustrializaçãoJornalismoPolícia políticaTecelagem

Análise das áreas residuais da Cidade de São Paulo. propostas de intervenção no bairro Belém

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Magda Adelaide Lombardo
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Planejamento Urbano e Regional
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:06/05061-4
Vigência: 01 de janeiro de 2007 - 31 de dezembro de 2007
Resumo
Muitas cidades de passado industrial, e que nas últimas décadas experimentaram transformações na sua estrutura produtiva, levando ao fechamento de inúmeras unidades fabris, deparam-se atualmente com o problema das áreas residuais. Por áreas residuais, entende-se que são locais deteriorados que se encontram total ou parcialmente subutilizados e degradados por atividades industriais, nos quais existe o legado de passivos ambientais, onde novos usos nestes espaços só se tornam possíveis após intervenções. Passivo Ambiental pode ser entendido como obrigações presentes originadas de eventos passados, como por exemplo, a presença de áreas contaminadas, e nesse estudo será usado como sinônimo de resíduos. É importante identificar as áreas residuais e possíveis passivos ambientais, para o correto planejamento da sua descontaminação, que deve ser avaliado em função do novo uso da área. A melhor maneira de se evitar os passivos ambientais são as medidas preventivas, porém, é uma situação bastante comum, encontrar locais com atividades encerradas existindo o simples abandono das áreas contaminadas. É preciso ter em mente que a durabilidade de empreendimentos, obras, objetos é finita e determinada pela deterioração por intempéries, pela substituição por estruturas mais eficientes e modernas, entre outros fatores. Existe portanto, a necessidade de acompanhar todo o ciclo de vida das instalações, indo desde á sua construção até seu encerramento, que deve ser feito de forma ordenada e com o mesmo cuidado e atenção dispensada na sua construção. Na cidade de São Paulo, a industrialização foi marcada pela presença principalmente de imigrantes, que investiram no setor industrial, diversificando a economia e contribuindo para o rápido crescimento econômico da região, devido á disponibilidade capital e de mão de obra.As fábricas pioneiras na Zona Leste de São Paulo, foram as têxteis prevalecendo ainda metalúrgicas, fábricas de calçados, produtos alimentares e bebidas. Em 1911, no bairro do Belém, por exemplo, foi estabelecido o terceiro núcleo das fábricas Matarazzo com a Tecelagem Belezinho, com a finalidade de produzir tecidos de qualidade. De acordo com Andrade (1991:123), no centro das aglomerações urbanas localizavam-se as indústrias de chapéus, roupas, calçados, artes gráficas, produtos alimentares, enquanto que junto às estradas de ferro Inglesa e Sorocabana, foram estabelecidas aquelas com maiores concentrações de operários, como as têxteis, metalúrgicas, fundições, serralherias, cervejarias, e vários depósitos e armazéns. Posteriormente, várias fábricas foram fechadas ou ainda transferidas para o interior de São Paulo e outros estados, devido aos altos preços dos terrenos, restrições de ordem ambiental, busca de vantagens fiscais, entre outros fatores, que contribuíram para a desconcentração industrial seguido da transferência das industrias para o interior, dando origem á locais disfuncionais, conhecidos nos Estados Unidos como Brownfields, que podem representar uma ameaça á saúde publica, e á economia local. A transformação dessas áreas residuais em usos ativos atrai pessoas e novos investimentos para o local, contribuindo para uma melhora da qualidade de vida, com a redução do potencial de riscos á população e ao meio ambiente, criação de novos empregos, e ainda possibilitando a utilização do local para atividades sociais, culturais e/ou turísticas. É nesse contexto, que esta pesquisa objetiva conhecer algumas das áreas residuais do Bairro do Belém, localizado na Zona Leste de São Paulo, elaborando planos para sua refuncionalização e propostas para subsidiar intervenções. (AU)

Avaliação das taxas de alteração e influenciass antropogênicas na bacia do alto Sorocaba (SP)

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Daniel Marcos Bonotto
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:06/54884-3
Vigência: 01 de setembro de 2006 - 30 de junho de 2008
Assunto(s):Bacia hidrográficaDegradação ambientalElementos químicosQualidade da água
Resumo
A determinação da taxa de intemperismo das rochas é um dos fenômenos fundamentais geoquímica de superfície e de grande interesse na caracterização geomorfológica dos continentes. Esse fenômeno aplica-se diretamente a estudos relacionados a várias disciplinas, subsidiando parâmetros necessários a uma melhor orientação na distribuição das culturas? Exploração melhor dirigida dos solos, viabilidade da ocupação humana e suas atividades, podendo ainda, intervir diretamente em problemas relacionados com a construção de barragens, rodovias, fundações, etc. A região de Sorocaba é considerada como uma das mais desenvolvidas do estado, com economia predominante industrial (metalúrgica, mineração, mecânica, tecelagem e alimentícia), fato que pode estar gerando uma ampla gama de problemas ambientais, provocados principalmente pela ocupação, desordenada do solo e despejos de efluentes domésticos e industriais. Assim, este trabalho tem como principal objetivo realizar a avaliação da taxa de intemperismo e influências antrapogênicas na bacia hidrográfica do Ato Sorocaba (SP), utilizando uma abordagem que integra diversos elementos do meio físico e da qualidade da água. Assim, os conhecimentos gerados por esse projeto indicarão o intervalo de tempo necessário para alterar 1 m de rocha nesta região nas condições climáticas atuais, além de fornecer subsídios necessários para as ações voltadas ao planejamento, diminuição da degradação ambiental e gerenciamento integrado desta importante bacia hidrográfica, localizada no interior paulista. (AU)

Cultura material e dinâmica cultural: um estudo etnoarqueológico sobre os processos de manutenção e transformação de conjuntos tecnológicos entre os Asuriní do Xingu

Beneficiário:
Instituição: Museu de Arqueologia e Etnologia (MAE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Fabíola Andréa Silva
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:05/60226-6
Vigência: 01 de junho de 2006 - 31 de julho de 2008
Resumo
O projeto visa a realização de um estudo etnoarqueológico sobre diferentes conjuntos artefatuais (cerâmica, trançados, armas, tecelagem, adornos corporais) dos Asurini do Xingu. O objetivo é pesquisar os processos de produção e uso destes objetos e seus significados, bem como o processo de transmissão destes conhecimentos às gerações mais novas. A partir disso pretendo, por um lado, verificar como a sociedade Asurini vem (re)produzindo o seu modo de viver frente aos processos de transformação internos e externos pelos quais vem passando nos últimos anos; e, por outro, como este estudo de caso pode auxiliar nas teorizações antropológicas e arqueológicas sobre manutenção e mudança de tradições tecnológicas ao longo do tempo e quais os possíveis resultados disso em termos da variabilidade artefatual encontrada nos contextos etnográficos e arqueológicos. (AU)

A tecelagem da vida com fios partidos: um estudo das relações de gênero/classe/etnia e geração entre os migrantes brasileiros no Japão

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Ciências e Letras (FCL). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Maria Aparecida de Moraes Silva
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:02/02769-5
Vigência: 01 de dezembro de 2002 - 30 de novembro de 2005
Assunto(s):Sociologia da culturaTrabalho femininoRelações de gêneroImigraçãoJapão
Resumo
O presente projeto dá continuidade aos estudos anteriores desenvolvidos na graduação e no mestrado acerca da problemática dos dekasseguis. Estes dois estudos objetivaram a análise da migração desses trabalhadores brasileiros para, o Japão a partir dos condicionantes estruturais e também dos elementos subjetivos, aí incluídos os culturais. O atual projeto busca a compreensão das estratégias de aceitação e recusa, que envolvem não somente os trabalhadores que partem como também aqueles que ficam, produzidas no bojo do processo migratório. O eixo teórico/metodológico gira em torno das relações de gênero/classe/etnia e geracionais. Com base nas pesquisas anteriores, verificou-se que o processo migratório gera profundas modificações nas subjetividades dos trabalhadores e também de seus familiares. O peso das relações patriarcais, ancoradas na cultura japonesa, determina que as mulheres, em particular as avós, assumam a matemagem de muitas crianças, para que seus país possam migrar. Ademais destes arranjos, muitas famílias se desestruturam, sem contar as discriminações de gênero e etnia existentes no local de destino. O enfoque analítico centrado nas categorias- gênero/classe/etnia/geração- pretende contribuir pára os estudos da Socióloga do Trabalho e também para uma Sociologia das Migrações. (AU)

Um estudo para implantação do controle da qualidade em processo

Beneficiário:
Instituição: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luiz Cesar Ribeiro Carpinetti
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Produção - Gerência de Produção
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:98/00650-3
Vigência: 01 de abril de 1998 - 30 de setembro de 1999
Resumo
Este projeto de pesquisa tem como proposta o estudo do setor de fiação de uma indústria têxtil (Tecelagem São Carlos S/A), com o objetivo de avaliar o impacto da variabilidade excessiva de um parâmetro crítico do resultado do processo de fiação nos processos subseqüentes e propor soluções, através de técnicas estatísticas e gerenciais, para a redução da variabilidade do resultado do processo. (AU)
9 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s) | Limpar seleção
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP