site da FAPESP
 

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Publicações científicas
Bolsas
Programas voltados a Temas Específicos
Programas de Pesquisa direcionados a Aplicações
Programas de Infraestrutura de Pesquisa
Área do conhecimento
Situação
Ano de início
9.403 resultado(s)
|

Investigation of the mechanism of transition metal-catalyzed multicomponent reactions by Mass Spectrometry

Processo:16/03036-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência: 16 de julho de 2018 - 15 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Antônio Eduardo Miller Crotti
Beneficiário:
Anfitrião: Jason Scott Mcindoe
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Victoria (UVic) (Canadá)
Assunto(s):Espectrometria de massas
Resumo
O conhecimento sobre mecanismos de reações fornece a base para o desenvolvimento de processos químicos mais sustentáveis, sendo de suma importância para melhorar os rendimentos dos produtos desejados e reduzir a produção de resíduos e o consumo de energia. Na última década, a espectrometria de massa por ionização por eletrospray (ESI-EM) e a sua versão sequencial (ESI-EM/EM) têm emergido como poderosas ferramentas para a investigação dos mecanismos de várias reações químicas. Estas técnicas têm permitido a análise de intermediários com tempos de vida muito curtos, o que seria impossível de alcançar por outras técnicas (por exemplo, NMR, IR e UV/visível). O uso de etiquetas carregadas ou carregáveis em reagentes e/ou catalisadores, bem como os avanços no campo da espectrometria de massas (por exemplo, o desenvolvimento da fonte V-EASI e da infusão da amostra pressurizada (PSI)) têm permitido o monitoramento on-line e em tempo real de reagentes, produtos e até mesmo espécies com tempo de vida na escala de milissegundos - essas etiquetas e as técnicas tornam possível a transferência direta das espécies químicas do meio reacional para a fase gasosa. Apesar do considerável número de artigos que relatam a utilização de ESI-EM/EM para detectar e caracterizar intermediários de reações orgânicas catalisadas por organometálicos, esta técnica tem sido pouco explorados para estudar os mecanismos de reações multicomponentes catalisadas por metais de transição (RMC). Este projeto propõe o estudo mecanístico de uma RMC mediada por cobalto. Recentemente, foi demonstrado que esta RMC constitui um método rápido e eficaz para a síntese de 3-metoxicarbonil-gama-lactonas 2,3-di- e 2,2,3-tri-substituídas a partir de itaconato de dimetilo, um aldeído aromático e um haleto aromático. O estudo mecanístico proposto combinará dados de ESI-EM/EM em tempo real com os dados obtidos por técnicas espectroscópicas, tais como RMN, IV, e UV/VIS. Dependendo do andamento do projeto, outras RMC catalisadas por metais de transição poderão também ser investigadas. (AU)

Análise econômica da mudança de uso da terra na Amazônia: contabilizando as externalidades das queimadas

Processo:16/15833-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência: 01 de setembro de 2017 - 31 de maio de 2018
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Economia - Economias Agrária e dos Recursos Naturais
Pesquisador responsável:Thiago Fonseca Morello Ramalho da Silva
Beneficiário:
Anfitrião: Ian J Bateman
Instituição-sede: Centro de Engenharia, Modelagem e Ciências Sociais Aplicadas (CECS). Universidade Federal do ABC (UFABC). Santo André, SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Exeter, Exeter (Inglaterra)
Assunto(s):Análise custo-benefícioQueimadaAmazônia
Resumo
De 2004 a 2015, o desmatamento anual da Amazônia foi reduzido em mais de 80%. No entanto, a degradação das florestas pela exploração madeireira e incêndios continua a gerar danos para a conservação e o desenvolvimento regionais cujas magnitudes são comparáveis aos danos evitados pelo controle do desmatamento. A percepção de que a mudança do uso da terra na Amazônia está acima do nível socialmente desejável permanece entre os cientistas. Qual deve ser a prioridade da política ambiental? Investir na redução adicional do desmatamento é mais compensador do que investir na transição das áreas já desmatadas para usos menos degradantes? Surpreendentemente, a literatura científica não dá uma resposta clara, mas oferece uma grande quantidade de informação sobre impactos específicos de alterações igualmente específicas do uso da terra. Uma avaliação integrada é necessária a fim de revelar os benefícios sociais marginais líquidos de mudanças no uso da terra e como eles variam ao longo do heterogêneo território amazônico. Este é o objetivo do projeto, o qual será perseguido com um procedimento de dois estágios. Na primeira etapa, os custos e benefícios da mudança do uso da terra são estimados com dados primários, secundários e SIG dentro do alcance espacial da amostra de dados primários. Como resultado, serão obtidas funções de beneficios sociais marginais líquidos para seis grandes categorias de mudança de uso da terra. Com base em tais funções, será realizada, no segundo estágio, a extrapolação para estados da Amazônia brasileira, visando-se elaborar mapas prioritários para a intervenção do governo. (AU)

Ação de um novo derivado tiazolidínico (GQ-11) no processo de reparo tecidual em modelo experimental de isquemia

Processo:16/19737-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência: 01 de setembro de 2017 - 28 de fevereiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia
Pesquisador responsável:Dulcineia Saes Parra Abdalla
Beneficiário:
Supervisor no Exterior: Domenico Palombo
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Local de pesquisa: Università degli Studi di Genova (Itália)
Assunto(s):IsquemiaInflamaçãoProcedimentos cirúrgicos vasculares
Resumo
As tiazolidinadionas (TZDs) compreendem uma classe de fármacos hipoglicemiantes que reduzem a resistência à insulina pelos tecidos periféricos. Evidências indicam que o efeito hipoglicemiante das TZDs é mediado via ativação das isoformas gama, alfa e/ou beta/delta de receptores ativados por proliferador de peroxissoma (PPARs). Inicialmente, três TZDs foram aprovadas para uso clínico: troglitazona, rosiglitazona e pioglitazona. Recentemente, estes fármacos vêm sendo associados a importantes efeitos adversos tais como hepatotoxicidade, risco cardiovascular e alterações no perfil lipídico. Desse modo, impulsionou-se a busca por novos derivados tiazolidínicos, que compartilhem dos efeitos benéficos acompanhado da minimização de efeitos adversos. Como resultado, vários novos derivados têm sido desenvolvidos e muitos outros se encontram em estágios pré-clínicos e clínicos de desenvolvimento. Dados preliminares in vivo obtidos em nosso grupo de pesquisa mostraram que um dos novos derivados tiazolidínicos, GQ-11, além de aumentar a resposta à insulina, pode modular citocinas que participam do processo inflamatório e da angiogênese, indicando assim, que esta possa ter efeitos que a tornem uma alternativa terapêutica promissora no reparo tecidual, em especial, nos casos de descompensação metabólica - como ocorre na resistência à insulina - e também como um agente preventivo de complicações provenientes do processo inflamatório na cirurgia vascular. Nesse contexto, propõe-se o aprofundamento desses estudos para investigar os efeitos da GQ-11 nas diversas etapas do processo de reparo tecidual e elucidar seu mecanismo de ação. Dessa maneira, neste projeto propõe-se duas importantes colaborações necessárias com duas distintas instituições. Na primeira etapa, em colaboração com Dr. Timothy Koh, na University of Illinois at Chicago - Estados Unidos -, prevê-se a utilização de camundongos db/db, modelos animais de resistência à insulina, onde será possível avaliar os efeitos da GQ-11 no processo de reparo tecidual (FAPESP 2016/16850-1). Numa segunda etapa, em colaboração com Dr. Domenico Palombo, na Università degli studi de Genova - Itália -, prevê-se a utilização de ratos Wistar num modelo de isquemia, onde será possível avaliar por técnicas de imagem (PET/MRI), os efeitos da GQ-11 no processo inflamatório no pós-cirúrgico. A utilização desses modelos animais é necessária e prevista para a exequibilidade do projeto de doutorado vinculado aprovado previamente. (AU)

Desempenho funcional e modularidade morfológica: como seleção no desempenho contribui para as interações entre caracteres

Processo:16/22159-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência: 01 de agosto de 2017 - 31 de julho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Quantitativa
Pesquisador responsável:Gabriel Henrique Marroig Zambonato
Beneficiário:
Supervisor no Exterior: Stevan J. Arnold
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Local de pesquisa: Oregon State University (OSU) (Estados Unidos)
Resumo
Um dos grandes desafios da biologia evolutiva é entender como evoluem fenótipos complexos compostos de múltiplos caracteres que interagem entre si. A teoria de modularidade fenotípica representa as interações entre caracteres como covariâncias ou correlações genéticas e fenotípicas. Uma questão fundamental em estudos de modularidade é elucidar quais processos evolutivos moldaram um determinado padrão de correlação entre caracteres em populações naturais. A hipótese de Riedl advoga que a modularidade genética e de desenvolvimento evoluíram para mapear as interações funcionais entre caracteres por meio de seleção estabilizadora. Nessa proposta, nosso objetivo é testar a hipótese de Riedl comparando o padrão de covariância fenotípica entre caracteres com o padrão de seleção estabilizadora e correlativa associado a desempenhos funcionais específicos em lagartos. Trabalharemos com quatro espécies de lagartos tropiduríneos que apresentam divergência morfológica e ecológica. A maior parte dos espécimes já foi escaneada com um micro-CT para acessarmos os ossos do crânio e dos membros e todos os espécimes foram mensurados para força de mordida e desempenho locomotor. Colocaremos marcos 3D nos ossos para extraírmos comprimentos lineares com os quais construíremos matrizes de covariância fenotípicas para todas as espécies. Posteriormente, estimaremos os coeficientes de regressão não-lineares dos comprimentos dos ossos na força de mordida e no desempenho locomotor, para construirmos as matrizes gamma funcionais (seleção estabilizadora e correlativa). Nós esperamos que o padrão de covariãncia entre caracteres do crânio e dos membros seja similar ao padrão de seleção contido na matriz gamma de força de mordida e desempenho locomotor, respectivamente. (AU)

Divisões e representações sociais de leitores no Brasil: uma análise de discursos da mídia sobre as práticas de leitura de políticos brasileiros

Processo:16/06724-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência: 01 de agosto de 2017 - 31 de janeiro de 2018
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Linguística - Teoria e Análise Lingüística
Pesquisador responsável:Luzmara Curcino Ferreira
Beneficiário:
Anfitrião: Jean-Claude Yon
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Local de pesquisa: Université de Versailles Saint-Quentin-en-Yvelines (UVSQ) (França)
Assunto(s):Análise do discurso
Resumo
Com o presente projeto temos por objetivo analisar textos da mídia que exploram certas representações sociais da leitura no âmbito da política brasileira, mais precisamente, na construção do perfil de importantes figuras políticas do cenário nacional da atualidade, a saber, os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva e da atual presidente Dilma Rousseff. Dado o valor simbólico e distintivo de que goza essa prática, não são raros os textos da mídia que têm feito referência, direta ou indireta, a práticas letradas, em especial à leitura, para a promoção ou crítica dessas personalidades políticas. Com vistas a depreender e analisar os discursos sobre a leitura que circulam na atualidade e a refletir sobre as divisões sociais e culturais que esses discursos naturalizam, pretendemos analisar um corpus constituído de textos dos principais jornais e revistas brasileiros, de modo a responder a questões como: o 'quê' e 'como' a mídia brasileira fala das práticas letradas de políticos? Quais são e de quais campos provêm os enunciados que são retomados, reformulados ou apagados quando a mídia se pronuncia sobre as competências leitoras de políticos? Como são produzidos os efeitos de identificação e de distanciamento entre os hábitos de leitura distintos, manifestos e avaliados nesses textos, e aqueles das diferentes comunidades leitoras desses veículos? Para isso, nos subsidiaremos teoricamente na Análise do Discurso derivada de Michel Pêcheux e em contribuições de Michel Foucault, e por princípios da História Cultural da leitura, conforme estudos de Roger Chartier e outros. Esses dois campos de estudo são reconhecidos por suas reflexões e considerações sobre a leitura, sobre a relação entre as representações discursivas e as práticas, sobre, enfim, as hierarquias sociais, históricas e culturais que se naturalizam graças ao modo como são expressas e reiteradas simbolicamente. (AU)

Reparametrização de funcionais de troca - correlação baseada no teorema de potenciais de ionização de Bartlett

Processo:16/18704-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência: 01 de agosto de 2017 - 31 de março de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Roberto Luiz Andrade Haiduke
Beneficiário:
Anfitrião: Rodney J. Bartlett
Instituição-sede: Instituto de Química de São Carlos (IQSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos, SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Florida, Gainesville (UF) (Estados Unidos)
Assunto(s):Química teórica
Resumo
A Teoria do Funcional de Densidade (TFD) fornece uma das maneiras mais eficientes de acessar a estrutura eletrônica de sistemas moleculares moderados a grandes. Entretanto, a performance da TFD está intrinsecamente relacionada ao funcional de troca-correlação escolhido. Recentemente, funcionais de troca-correlação têm sido desenvolvidos através do ajuste ao teorema de potenciais de ionização de Bartlett e esta proposta tem se mostrado especialmente vantajosa para cálculos com a TFD dependente do tempo. Assim, o objetivo deste projeto é aplicar o teorema de Bartlett na reparametrização de funcionais híbridos, com correções de longa distância e/ou duplo-híbridos, os quais serão avaliados por meio de cálculos de química quântica relativística. Ênfase especial será dedicada ao estudo de compostos de metais de transição. As propriedades principais empregadas para esta finalidade são potenciais de ionização (de autovalores orbitais e cálculos SCF) e energias de excitação eletrônica. Em seguida, os valores resultantes de outras quantidades como geometrias, momento de dipolo, frequências vibracionais, barreiras de ativação reacionais, afinidades protônicas e eletrônicas também serão analisadas. Adicionalmente, as densidades eletrônicas dadas por estes funcionais serão cuidadosamente escrutinadas para identificar o efeito da reparametrização sobre tal propriedade crucial para a TFD. Neste caso, a Teoria Quântica de Átomos em Moléculas será útil para simplificar as análises de densidade eletrônica necessárias, que serão concentradas nas características dos pontos críticos dos estados fundamental e excitados. (AU)

Estresse celular na modulação da angiogênese: o papel das vesículas extracelulares

Processo:16/19968-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência: 10 de julho de 2017 - 09 de julho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Vanessa Morais Freitas
Beneficiário:
Anfitrião: Luisa Iruela-Arispe
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Local de pesquisa: University of California, Los Angeles (UCLA) (Estados Unidos)
Assunto(s):Células endoteliaisVesículas extracelularesAngiogênese
Resumo
O câncer de mama representa o 2º câncer mais letal em todo o mundo, sendo a malignidade mais frequente e mortal na população do sexo feminino. Durante a progressão tumoral, a angiogênese é estimulada por células tumorais e garante o aporte de nutrientes e oxigênio garantindo o crescimento sustentado das células tumorais. Antes da formação desses novos vasos, as condições presentes no microambiente tumoral incluem acidose, hipóxia, limitação de nutrientes e em células metastáticas, ausência de substrato adesivo. Acreditamos que somente células resistentes à essas condições inóspitas podem sobreviver e dar continuidade ao crescimento do tumor. Em contrapartida, o modelo in vitro convencionalmente utilizado no estudo do câncer não reproduz fielmente o microambiente tumoral, pois apresenta pH neutro, normóxico, com meios nutritivos e substratos bidimensionais plásticos tratados para facilitar a adesão celular. Nosso laboratório, utilizando PCR array, avaliou a expressão gênica de células tumorais de mama em diferentes situações de estresse e observamos o aumento da expressão de genes envolvidos na angiogênese quando as células tumorais são cultivadas em pH ácido. Além disso, observamos que células tumorais resistentes ao pH ácido, produzem mais vesículas extracelulares do que as células controle. Essas vesículas podem levar informações específicas para células do microambiente tumoral, incluindo as células endoteliais. Temos o intuito de investigar se a diminuição no pH em culturas de células tumorais poderia induzir a formação de novos vasos por células vizinhas (endoteliais). Essa informação vai contribuir para o entendimento da angiogênese em tumores, o que pode aumentar as chances de conseguirmos novas terapias para barrar a progressão dos tumores de mama. (AU)

Associação de ansiedade e estresse com autoestima e senso de coerência em alunos de graduação em odontologia: um estudo quali-quantitativo em dois países

Processo:16/17070-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência: 03 de julho de 2017 - 02 de julho de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Odontologia Social e Preventiva
Pesquisador responsável:Rosana de Fátima Possobon
Beneficiário:
Anfitrião: Scott L Tomar
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba, SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Florida, Gainesville (UF) (Estados Unidos)
Assunto(s):Estresse psicológicoAnsiedadeSenso de coerênciaPsicologia aplicada
Resumo
Introdução: Ansiedade e estresse entre universitários das áreas de saúde são cada vez mais frequentes e podem ser gerados ou agravados por diversas situações do ambiente acadêmico e social, sendo um dos possíveis precursores da síndrome do esgotamento profissional, que afeta muitos profissionais. O senso de coerência e a autoestima poderiam estar associados ao maior ou menor grau de ansiedade e estresse. Objetivo: investigar nível de ansiedade e estresse entre alunos de Odontologia no Brasil e nos EUA e verificar se há associação com senso de coerência e autoestima, além de identificar fatores relacionados à vida acadêmica e social que possam desencadear estes processos e as formas de enfrentamento. Metodologia: Os participantes serão alunos de Odontologia da Faculdade de Odontologia de Piracicaba-Unicamp (Brasil) e do College of Dentistry da Universidade da Flórida (EUA), que responderão instrumentos de pesquisa para as variáveis ansiedade, estresse, autoestima e senso de coerência. Serão coletados dados socioeconômicos e demográficos, além de informações sobre as situações sociais e acadêmicas percebidas como ansiogênicas ou estressantes e as formas de enfrentamento. A análise qualitativa utilizará a metodologia da Análise de Conteúdo Temático (Método de Gomes) e será feita estatística descritiva e análises individuais pelo teste Q2 ou exato de Fisher, no nível de significância de 5%, para testar a associação entre as variáveis dependentes (ansiedade e estresse) e as independentes (socioeconômicas, demográficas, autoestima e senso de coerência). As variáveis que apresentarem pd0,20 nas análises individuais serão testadas no modelo de regressão múltipla. Odds ratios ajustados e intervalos de 95% de confiança serão estimados para as variáveis que permanecerem no modelo de regressão no nível de 5%. (SAS 9.2). (AU)

Carga do câncer atribuível ao estilo de vida no Brasil

Processo:16/21390-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência: 01 de julho de 2017 - 30 de junho de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Epidemiologia
Pesquisador responsável:José Eluf Neto
Beneficiário:
Supervisor no Exterior: Edward Giovannucci
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Local de pesquisa: Harvard University (Estados Unidos)
Assunto(s):Modo de vidaNeoplasias
Resumo
Trata-se de uma proposta para Estágio de Pesquisa no Exterior na Escola de Saúde Pública da Universidade de Harvard entre julho de 2017 a junho de 2018, sob supervisão do Professor Edward Giovannucci. O plano de trabalho visa o desenvolvimento do projeto de pesquisa, aprofundamento de conhecimento em epidemiologia de câncer, análises estatísticas sobre estimativas de casos de câncer potencialmente preveníveis, o aperfeiçoamento da escrita científica em língua inglesa e a elaboração de manuscrito para publicação em periódico científico em uma parceria dos dois centros de pesquisa. Também há intenção de realizar outras atividades acadêmicas como a participação em cursos e seminários, e o desenvolvimento de outras investigações científicas. O projeto de pesquisa do estágio propõe o aprofundamento das análises sobre o impacto da inatividade física na carga de câncer no Brasil, tema central do projeto maior de doutorado, contextualizado aos demais fatores de risco relacionados ao estilo de vida. Dessa maneira, o objetivo do presente projeto de pesquisa é estimar a carga do câncer atribuível a fatores de risco relacionados ao estilo de vida no Brasil. Serão obtidas informações sobre prevalência dos fatores de risco (inatividade física, baixo consumo de frutas e hortaliças, excesso de peso, consumo de álcool e tabagismo) por meio da Pesquisa Nacional de Saúde de 2013. A magnitude da associação entre os fatores de risco relacionados ao estilo de vida e os tipos de câncer serão obtidos por meio de revisão de literatura. Serão revisados as monografias e os livros texto de prevenção da International Agency for Research on Cancer, os relatórios da World Cancer Research Fund, e realizadas buscas nas bases de dados Medline, Embase e Web of Science para obtenção dos riscos relativos. Por meio desses dados serão estimadas frações de câncer atribuíveis a fatores de risco relacionados ao estilo de vida considerando cenários contrafactuais baseados na eliminação (fração atribuível populacional - FAP) e redução (frações de impacto potencial - FIP) dos fatores de risco, individualmente e combinados. Finalmente, para estimar o número dos casos de câncer que poderia ser evitado eliminando/reduzindo os fatores de risco, serão aplicadas as estimativas de FAP/FIP ao número de casos de câncer no Brasil, obtido por meio do Globocan 2012. (AU)

Estudo sobre a percepção da sinalização viária por parte do condutor utilizando simulador de direção

Processo:16/02948-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência: 24 de junho de 2017 - 03 de outubro de 2017
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Transportes - Veículos e Equipamentos de Controle
Pesquisador responsável:Ana Paula Camargo Larocca
Beneficiário:
Anfitrião: Mohamed A. Abdel-Aty
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos, SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Central Florida (UCF) (Estados Unidos)
Resumo
Os simuladores de direção são ferramentas de pesquisa que permitem estudar o comportamento do condutor em diversos cenários de direção, de forma rápida, segura e econômica. Este estudo faz parte de um projeto de pesquisa que visa utilizar essas ferramentas na avaliação de projetos de sinalização, antes da sua implantação na rodovia. Em particular, o objetivo deste trabalho foi analisar como os condutores percebem a sinalização vertical dentro de um ambiente simulado de direção, apoiado no uso de um sistema de rastreio do olhar. O andamento da pesquisa abrangeu a montagem do simulador e do sistema de rastreio do olhar, a geração do ambiente simulado de direção, o experimento no simulador para medir a percepção da sinalização dentro do ambiente virtual, e por último, a análise e validação dos resultados. No experimento, 21 condutores dirigiram em um trecho de 10 quilômetros da rodovia BR-116 que possui 31 sinais de trânsito, para mensurar a distância de percepção, o número de fixações e o tempo de observação da sinalização, assim como a variação da velocidade após percepção da mesma. A percepção da sinalização dentro do ambiente virtual foi semelhante à reportada na literatura para estudos em estradas: em média, os condutores perceberam um de cada três sinais, o tempo de observação foi de 360 milissegundos, a distância de percepção foi de 100 metros e somente a percepção dos limites de velocidade foi relevante no comportamento dos condutores. Adicionalmente, obteve-se uma validade relativa entre as velocidades no simulador e as velocidades de operação medidas no trecho estudado. Nesse sentido, os resultados deste estudo poderão sustentam a viabilidade e a validade do simulador de direção na avaliação de projetos de sinalização. Finalmente, como contribuição adicional, espera-se propor medidas para aprimorar a sinalização no trecho estudado e o realismo do simulador de direção. (AU)
9.403 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s) | Limpar seleção
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP