Busca avançada
Ano de início
Entree
X

Criar um alerta por e-mail


Novos resultados para a sua pesquisa em seu e-mail, semanalmente.

Seu e-mail:

Tamanho do e-mail:



Seu endereço de e-mail não será divulgado.
Refine sua pesquisa
Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Publicações científicas
Excel (CSV)Alerta por e-mail   RSS
6 resultado(s)
|
Resumo

Objetivo: O objetivo do estudo é comparar a prevalência do uso de álcool e outras drogas observado em uma amostra de travestis (TR) com o observado em uma amostra de transexuais femininos (TSF) e analisar os fatores de risco e proteção associados a este uso. Métodos: Serão entrevistadas 100 travestis e 100 transexuais femininos que serão convidadas a participar por abordagem direta em locais públicos ou em salas de espera de ambulatórios especializados na assistência médica a esta parcela da população. Durante a entrevista serão aplicados o instrumento de triagem Alcohol, Smoking and Substance Involvement Screening Test (ASSIST) e questionários para obtenção de dados sócio-demográficos e avaliação das situações de risco para uso de álcool (ISB) e outras drogas (ISUD). Será realizada uma entrevista clínica para coleta de dados qualitativos, com ênfase nas razões de uso e não uso de substâncias psicoativas. Àquelas consideradas usuárias com uso de risco de álcool ou de outras drogas, de acordo com a pontuação do ASSIST, será oferecida Intervenção Breve e para aquelas com pontuação sugestiva de dependência será feito encaminhamento para tratamento especializado. Será realizada análise qualitativa e quantitativa dos dados, comparando os dados obtidos com a amostra de travestis com os da amostra de transexuais, com a finalidade de avaliar se há diferença na prevalência do uso de substâncias e nas situações de risco associadas ao uso de álcool e outras drogas. (AU)

Resumo

A umidade de sólidos após o processo de secagem é uma variável importante para processos industriais, determinando a qualidade do produto final. Apesar disso, ela não é uma variável facilmente controlável, devido à falta de equipamentos para a sua medição. Atualmente, os controladores industriais em uso em secadores são, em sua maioria, manuais e baseados na experiência dos operadores. Entretanto, com o desenvolvimento tecnológico em aquisição de dados e simulações numéricas, é possível a utilização de modelos físico-matemáticos em conjunto com estratégias de controle, melhorando a precisão e a robustez do controle de secadores. Sendo assim, propõe-se o estudo de estratégias de controle avançado na secagem de pastas em leito de jorro. Serão feitos experimentos preliminares para a caracterização do equipamento, a ser reconstruído no Centro de Secagem (DEQ/UFSCar), com posterior identificação da dinâmica do processo de secagem, e finalizando com a proposição e implementação de estratégias de controle avançado, dentre as quais o controle inferencial, utilizando-se de leis de conservação de massa e de energia e de redes neurais artificiais para o ajuste de modelos a dados experimentais. Será verificada a robustez e a precisão das estratégias de controle analisadas, apontando-se as vantagens e desvantagens de cada estratégia analisada. Com isso, espera-se contribuir para uma melhor compreensão de estratégias avançadas de controle aplicadas a processos de secagem. (AU)

Resumo

Na obesidade, o aumento nos níveis de estresse oxidativo pode ser uma das causas da redução de adiponectina por meio da ativação de Akt. Dada a importância do estresse oxidativo na patogênese da disfunção do tecido adiposo, estratégia terapêutica usando licopeno, um potente antioxidante, pode ser relevante na tentativa de reduzir a superprodução de ROS e minimizar as consequências da disfunção do adipócito. O objetivo desse estudo é analisar o efeito da suplementação com licopeno sobre os níveis de adiponectina, via Nox4 e Akt, no tecido adiposo de animais submetidos à dieta hipercalórica. Serão utilizados ratos Wistar machos (n=28), divididos em dois grupos para receberem dieta controle (C) e hipercalórica (H) por 6 semanas. Após este período, os animais serão divididos em 4 grupos: C (n=7), C suplementado com licopeno (C+L; n=7), H (n=7), e H suplementado com licopeno (H+L; n=7). Será utilizado o Licopeno óleo-resina misturado com óleo de milho (10 mg licopeno/Kg peso do animal/dia); os grupos não tratados (C e H) receberão óleo de milho em volume equivalente ao oferecido aos grupos tratados com licopeno (~0,5mL/kg peso/dia), ambos via gavagem, por 6 semanas. O consumo das dietas e a ingestão calórica serão registrados diariamente, o peso corporal será aferido semanalmente. Amostras de sangue serão coletadas para as determinações séricas bioquímicas e hormonais. Os níveis de adiponectina, Nox 4 e Akt serão mensurados por meio de suas expressões gênica pela técnica de PCR em tempo real. Os dados serão expressos por meio de medidas descritivas de posição e variabilidade. A comparação entre os grupos será realizada pela técnica ANOVA complementada com o teste de Tukey. O nível de significância considerado para todas as variâncias será de 5%. (AU)

Resumo

Este estudo tem como objetivo avaliar in vitro, através da Tomografia por Coerência Óptica (OCT), a progressão de lesões de erosão em esmalte dental humano após o tratamento da superfície com o laser de CO2, associado ou não ao flúor. Serão utilizadas 75 amostras de esmalte dental, distribuídas aleatoriamente em 5 grupos (n=15): G1 - controle (nenhum tratamento); G2 - aplicação tópica de flúor (flúor fosfato acidulado - FFA); G3 - irradiação com laser de CO2 (10,6 ¼m); G4 - irradiação com laser de CO2 (10,6 ¼m) + aplicação tópica de FFA; G5 - aplicação tópica de flúor (FFA) + irradiação com laser de CO2. Antes e após os tratamentos de superfície, as amostras serão submetidas a ciclagens ácidas com solução de ácido cítrico 0,05M (pH 2,3), em temperatura ambiente, durante 20 minutos, 2 vezes ao dia, ao longo de 5 dias. As leituras por OCT serão realizadas antes do primeiro desafio ácido (baseline), e ao final de todos os dias de desafio erosivo. As imagens de OCT possibilitarão a medição da quantidade de tecido dental alterado/perdido ao longo dos 10 ciclos. Os dados obtidos na análise por OCT serão submetidos aos testes de premissas para determinação da homogeneidade e normalidade da amostra. A partir desta análise será escolhido o teste estatístico mais adequado para a comparação entre os grupos experimentais realizados, com nível de significância de 5%. (AU)

Resumo

O Exercício Resistido (ER) promove adaptações importantes em portadores de Doença Arterial Coronariana (DAC). Entretanto, a maioria dos estudos utiliza como prescrição de ER o percentual da repetição máxima sem considerar as mudanças autonômicas e hemodinâmicas nesta intensidade de exercício. O Limiar Anaeróbio (LA) no ER mostra-se uma intensidade segura considerando as modificações autonômicas e hemodinâmicas. No entanto, se esta intensidade de exercício resistido produz adaptações musculares permanece a ser esclarecida. Objetivos: Avaliar os efeitos do treinamento resistido progressivo nas funções cardíaca, musculares e metabólicas em portadores de Doença Arterial Coronariana (DAC). Desenho do Estudo: Estudo prospectivo, longitudinal, controlado e randomizado. Sujeitos: 20 pacientes do sexo masculino, com diagnóstico de DAC, estáveis clinicamente, com pelo menos 12 meses do evento agudo, após revascularização cirúrgica ou percutânea e após 6 meses de reabilitação cardiovascular e capacidade funcional >7,5 Mets. Estes pacientes serão randomicamente alocados em dois grupos, sendo controle (não treinado) e treinamento resistido (submetido ao treinamento no limiar aeróbio -LA). Métodos: Os participantes serão submetidos a um teste de 1RM no leg-press 45°. Adicionalmente, será aplicado um Protocolo de exercício físico resistido (PEFR) em diferentes percentuais de 1RM, onde serão avaliadas as respostas da variabilidade da freqüência cardíaca (VFC), da lactacidemia e dos gases expirados. Hipótese do Estudo: O treinamento resistido baseado na transição aeróbia-anaeróbia adicionaria benefícios de melhora da endurance e da força muscular, é seguro e modifica o controle autonômico da frequência cardíaca. Relevância do Estudo: A fundamentação prática para a prescrição de exercícios resistidos baseado nas respostas fisiológicas e clínicas obtidas no LA poderá ser um método útil de prescrição do exercício, permitindo maior segurança, podendo produzir adaptações musculares e autonômicas nos portadores de DAC. (AU)

Resumo

O Chrysobalanus icaco ou guajiru é uma planta do bioma amazônico cujo extrato das folhas é extensamente utilizado na Medicina Popular como hipoglicemiante, diurético, antiangiogênico e antioxidante. A polpa do guajiru, entretanto, ainda é pouco estudada. Graças à presença de antocianinas neste fruto, estima-se que o mesmo possua capacidade antioxidante e propriedades funcionais. Além disso, não se sabe se os mesmos efeitos do extrato da folha desta planta podem ser observados in vivo ao utilizar-se do fruto. Este projeto tem como objetivo avaliar a antigenotoxicidade, genotoxicidade, antimutagenicidade, mutagenicidade, o estresse oxidativo e a expressão gênica, utilizando modelo experimental in vivo, da polpa liofilizada do guajiru. Ratos machos da linhagem Wistar serão tratados por gavagem com três doses da polpa do C. icaco por 14 dias consecutivos. Ao 14º dia, os animais receberão doxorrubicina 15 mg kg-1 p.c. (i.p.) ou NaCl 0,9% (i.p.). Decorridos 24 horas da aplicação, os animais serão eutanasiados para a coleta de sangue, medula óssea, rim, fígado, coração e cérebro. O ensaio do cometa será realizado em sangue e nos órgãos para a avaliação da genotoxicidade e antigenotoxicidade. A fim de avaliar a mutagenicidade e antimutagenicidade, será realizado o teste de micronúcleos em medula óssea e sangue periférico. Para o estresse oxidativo, serão avaliados os seguintes parâmetros: malonaldeído, glutationa e catalase (nos órgãos) e burst oxidativo (em sangue). Finalmente, será avaliada a expressão dos genes SOD-1 e COX-2 em rim, fígado e coração, utilizando PCR em tempo real. Paralelamente, na FEA-UNICAMP, a polpa de guajiru será caracterizada, através da determinação dos principais compostos bioativos (compostos fenólicos, carotenóides, ácido ascórbico, tocoferóis). (AU)

6 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s)
Marcar todos desta pagina | Limpar seleção