site da FAPESP
 

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Auxílios à Pesquisa
Bolsas
Programas voltados a Temas Específicos
Programas de Pesquisa direcionados à Aplicação
Programas de Infraestrutura de Pesquisa
Área do conhecimento
Situação
Ano de início
Página 22 de 729 resultado(s)
|

Filtragem de ruído em imagens tomográficas com baixa taxa de contagem utilizando uma abordagem Bayesiana contextual

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Nelson Delfino D'Avila Mascarenhas
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Metodologia e Técnicas da Computação
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:10/09248-7
Vigência: 01 de setembro de 2010 - 28 de fevereiro de 2013
Assunto(s):Campos aleatórios markovianos
Resumo
Imagens de tomografia computadorizada, em diversos casos, precisam ser adquiridas com baixa contagem de fótons devido ao baixo tempo de exposição aos raios do tomógrafo, fazendo com que as projeções obtidas sejam corrompidas por ruído Poisson. Invocando o Teorema Central do Limite, as imagens reconstruídas tendem a ser corrompidas por ruído gaussiano. Desta forma, este trabalho propõe a filtragem de ruído da imagem obtida adotando um modelo a priori contextual pela utilização de Campos Markovianos, a fim de melhorar a qualidade visual da imagem reconstruída. (AU)

Enxertos ósseos homólogos em humanos: avaliação imunológica, tomográfica, histológica e histométrica de sua incorporação e capacidade de osseointegrar implantes

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Odontologia (FOAr). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Elcio Marcantonio Junior
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Periodontia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:09/06397-4
Vigência: 01 de maio de 2009 - 31 de março de 2010
Assunto(s):Implantes osseointegradosMateriais biocompatíveisRegeneração óssea
Resumo
O uso de enxertos ósseos provenientes de bancos de tecidos, também conhecidos como enxertos homólogos, tem aumentado nos últimos anos, e seu uso é indicado na ausência de osso autólogo para captação, ou em casos aonde o paciente apresenta resistência frente à necessidade de manipulação de um segundo leito cirúrgico para captação do biomaterial autólogo. O objetivo deste projeto de pesquisa será avaliar, em humanos, a incorporação do enxerto ósseo homólogo e sua capacidade de osseointegrar implantes de titânio, de maneira tomográfica, histológica e histométrica, além de fazer uma avaliação imunológica sistêmica, buscando fatores que indiquem a ocorrência de resposta imune contra esses enxertos, seguindo suaimplantação. Para tal serão avaliados 30 pacientes, sendo que 15 serão submetidos a enxertos ósseos autólogos e 15 a enxertos ósseos homólogos, que serão tomografados antes, imediatamente após e até seis meses depois da realização desses enxertos, passarão por exames imunológicos (hemograma associado às dosagens séricas de TNF-±, IFN-³, IL-1² e IL-10) anteriormente e até 6 meses após a realização dos enxertos e do quais serão removidas biópsias, tanto do tecido ósseo (no momento da reabertura dos enxertos para instalação dos implantes) e do tecido ósseo com um mini-implante instalado (biopsiado no momento da reabertura da região para instalação de cicatrizadores). (AU)

Comparação entre a tomografia de coerência óptica e o eletrorretinograma de padrão reverso (de campo total e multifocal) na detecção da perda neural na atofia em banda do nervo óptico

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Mário Luiz Ribeiro Monteiro
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Processo:07/54142-0
Vigência: 01 de setembro de 2007 - 31 de agosto de 2010
Assunto(s):Transtornos da visãoHemianopsia
Resumo
A mensuração da integridade da retina e do nervo óptico é importante no estudo de várias afecções da via óptica. Sendo assim, várias tecnologias de medida destas estruturas foram desenvolvidas incluindo a tomografia por coerência óptica (TCO) e o eletrorretinograma de padrão reverso (PERG). A TCO produz imagens bidimensionais de corte coronal da retina através das quais estima a espessura da camada de fibras nervosas retiniana (CFNR) e da mácula. O eletrorretinograma de padrão reverso (PERG) é outra técnica de estudo da integridade neural da retina. A capacidade destes métodos em avaliar tais estruturas já foi verificada por vários estudos clínicos e experimentais. No entanto, a maioria destes estudos foi realizada em pacientes com glaucoma, uma condição onde a perda neural não segue um padrão específico. O padrão de perda dos pacientes com compressão quiasmática é um modelo importante para avaliar a capacidade de mensuração de novas tecnologias desenvolvidas para análise da CFNR e espessura macular. Nestes pacientes, portadores de hemianopsia temporal, ocorre perda da CFNR predominantemente no setor nasal e temporal do disco óptico, um padrão de perda denominado atrofia em banda (AB) do nervo óptico. Em estudos recentes, documentamos que a TCO é capaz de estimar a perda neural em pacientes com AB, seja pela medida da CFNR, seja pela medida da espessura macular. Poucos são, no entanto, os estudos que avaliam os métodos eletrofisiológicos para este fim. O objetivo deste trabalho é determinar se há correlação entre os achados da TCO e do PERG de campo total e multifocal em pacientes com AB e se estes testes eletrofisiológicos podem diferenciar tais pacientes de controles normais. (AU)

Avaliação do emprego de sulfato de condroitina no tratamento de osteoartrite induzida por imobilização contínua em coelhos

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Sheila Canevese Rahal
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:99/12010-1
Vigência: 01 de junho de 2000 - 31 de maio de 2002
Assunto(s):CãesCirurgiaDescompressão
Resumo
O objetivo do trabalho será avaliar, em dois grupos, um diferente método de descompressão dorsolateral quanto à manipulação vertebral, lesão ligamentar, facilidade de acesso ao disco intervertebral e complicações pós-cirúrgicas. O espaço selecionado será t13-l1. A avaliação pré-cirúrgica consistirá de exame clínico e neurológico, radiografia simples e mielografia. Além de tomografia computadorizada. Será feita uma incisão de pele transversal aos processos espinhosos, a fáscia tóracolombar incisada e os músculos desinseridos até a altura dos processos articulares. O foram em intervertebral será ampliado com uma pinça kerrison e o ligamento flavo será mantido no grupo i e lesado no grupo ii. Os animas serão acompanhados no pós-cirúrgico e mantidos apenas com drogas analgésicas e não antiinflamatórias. Os cães serão reavaliados 30 dias após a cirurgia, tanto radiograficamente, incluindo mielografia, quanto tomograficamente, sendo posteriormente sacrificados. A análise histológica avaliará a eficiência na curetagem do disco e as possíveis alterações pós-cirúrgicas que o método possa induzir. (AU)

Desenvolvimento de metodologia de quantificação em tomografia por emissão de pósitrons

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Física (IF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Cecil Chow Robilotta
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física Geral
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:00/00521-0
Vigência: 01 de maio de 2000 - 30 de abril de 2003
Resumo
A Tomografia por Emissão de Pósitrons é uma modalidade de aquisição de imagens utilizada para o diagnóstico em Medicina Nuclear. São utilizados radionuclídeos emissores de pósitrons, que podem ser ligados a moléculas orgânicas, para então serem administrados aos pacientes. Assim, é possível obter imagens que representam a bioquímica do metabolismo de certas substâncias no órgão ou tecido de interesse in vivo. Neste projeto, os fótons provenientes da aniquilação pósitron/elétron serão detectados por câmaras de cintilação em coincidência. Existem dificuldades inerentes ao método de aquisição das imagens relacionadas às interações físicas da radiação com o corpo do paciente e com o detector, ruído devido à natureza estatística destas interações e de todo o processo de detecção e metodologia de aquisição dos exames (preparo e posicionamento do paciente, taxa de contagens). O objetivo deste trabalho é o de realizar um estudo de métodos de correção propostas na literatura e explorar novas possibilidades de utilização dos mesmos, além dos parâmetros de aquisição, preparo dos pacientes e processamento das imagens visando à elaboração de uma metodologia adequada para a quantificação em PET. Para tanto, utilizar-se-ão simulações Monte Carlo e aquisições realizadas com simuladores físicos. (AU)

Ramo descendentes da artéria circunflexa lateral femoral na revascularização do miocárdio: remodelamento e patência em 3 meses de seguimento

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Noedir Antônio Groppo Stolf
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Processo:07/52268-6
Vigência: 01 de agosto de 2007 - 31 de janeiro de 2009
Assunto(s):Aterosclerose
Resumo
A cirurgia de revascularização do miocárdio é procedimento estabelecido para o tratamento da doença aterosclerótica obstrutiva coronariana. Os enxertos empregados são arteriais ou venosos. Os enxertos arteriais promovem melhores resultados em longo prazo e as artérias torácicas internas são as ideais. A pesquisa de outros enxertos arteriais é constante e o ramo descendente da artéria circumflexa lateral pode ser uma ótima opção. O projeto em questão visa analisar o seu remodelamento e patência em 3 meses de seguimento, tendo como método a tomografia computadorizada de múltiplos cortes. Os pacientes submetidos à revascularização com o enxerto a ser analisado serão submetidos à avaliação tomográfica com 7 e 90 dias de seguimento. O ramo descendente da artéria circumflexa lateral femoral é semelhante histologicamente às artérias torácicas internas e pode apresentar grande potencial de remodelamento, uma vez que é via de formação de circulação colateral quando há extensa doença aterosclerótica femoral. Comporta-se como artéria supra-numerária em indivíduos sem aterosclerose femoral e pode ser removida sem efeitos deletérios: a cirurgia plástica emprega e difunde o retalho de músculo vasto-lateral com pedívulo nesta artéria. O projeto pode mostrar dados interessantes e sinalizar para a melhor opção de revascularização do miocárdio. (AU)

Uso de tomografia de ressonância magnética para classificação e seleção de frutas

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Nelson Delfino D'Avila Mascarenhas
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Metodologia e Técnicas da Computação
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:00/08763-3
Vigência: 01 de outubro de 2000 - 31 de março de 2002
Resumo
O projeto visa à utilização de técnicas bastante modernas e avançadas, que combinam vários classificadores estatísticos (tendo assim um desempenho significativamente superior em relação às técnicas de classificação que existem atualmente) nas imagens obtidas através de tomografia de ressonância magnética de frutas (imagens estas, com três bandas espectrais). A classificação destas será feita de acordo com características, tais como: presença de parasitas, quantidade de água e de açúcar. Desta maneira, estas frutas poderão ser selecionadas de acordo com tais características para venda tanto no mercado interno como externo. Sendo estas técnicas bastante novas, ainda não existe nenhuma pesquisa ou trabalho que as utilize. Para tal será utilizado o tomógrafo do CNPDIA da Embrapa de São Carlos, para obtenção das imagens e o laboratório do GAPIS da UFSCar para o desenvolvimento dos algoritmos e processamento processamento digital destas. (AU)

Reconhecimento de padrão anatômico para indexação e recuperação de imagens de tomografia computadorizada a partir de conteúdo

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Paulo Mazzoncini de Azevedo Marques
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Radiologia Médica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:00/03908-3
Vigência: 01 de junho de 2000 - 31 de maio de 2002
Assunto(s):Redes neurais
Resumo
Este trabalho propõe o desenvolvimento de um algoritmo baseado em Redes Neurais Artificiais (RNAs) para reconhecimento de padrões anatômicos em imagens de Tomografia Computadorizada (TC), visando a indexação e recuperação de imagens com base em conteúdo pictórico dentro de sistemas de arquivamento e comunicação de imagens (Picture Archiving and Communication Systems - PACS). Este trabalho relaciona-se com a proposta de estruturação de um mini-PACS junto ao Serviço de Radiodiagnóstico do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. A proposta é o desenvolvimento de, um algoritmo baseado em Redes Neurais que funcione como um "filtro" no processo de arquivamento de imagens de TC, separando-as por regiões anatômicas (crânio, tórax, abdome, extremidades, etc...), possibilitando posteriormente à extração de características para indexação recuperação baseadas em conteúdo. Espera-se também que os resultados obtidos possam servir como base para o desenvolvimento de "filtros" para outras modalidades de exames como Ressonância Magnética e Ultra-Som, por exemplo. (AU)

Estudo da obtenção de imagens de Tomografia por Impedância Elétrica (TIE) do pulmão pelo método de otimização topológica (MOT)

Beneficiário:
Instituição: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Emílio Carlos Nelli Silva
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Bioengenharia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:02/01625-0
Vigência: 01 de maio de 2002 - 25 de fevereiro de 2005
Assunto(s):Método dos elementos finitosTomografia
Resumo
Um tomógrafo por impedância elétrica permite obter imagens de uma seção do corpo humano mediante os valores de voltagem obtidas nos eletrodos quando uma corrente de intensidade constante é aplicada por dois ou mais eletrodos, segundo um certo padrão de excitação. Esses eletrodos são posicionados ao redor do corpo do paciente num plano correspondente a uma seção transversal do corpo. O objetivo desse projeto de doutorado é o estudo da aplicação do método de otimização topológica para obter imagens do pulmão utilizando-se um tomógrafo de impedância elétrica (TIE). Esse projeto está inserido num projeto temático cujot objetivo é desenvolver um TIE para monitorar de forma precisa a ventilação forçada do pulmão. Isso auxiliará a aplicação correta das técnicas de ventilação forçada contribuindo para reduzir a mortalidade geral de pacientes sob ventilação, artificial, estimando-se que é possível evitar, no mínimo, em torno de 15.000 mortes/ano no Brasil. No projeto temático está prevista uma competição de métodos, sendo um deles o método de otimização topológica (MOT). A formulação de MOT desenvolvida deverá ser capaz de obter os valores de condutividade absoluta dos materiais no interior do domínio tomografado. O MOT tem como principal vantagem a possibilidade de inclusão de várias restrições no problema de construção da imagem restringindo facilmente o espaço de solução àquele esperado na clínica, evitando imagens sem significado clínico. (AU)

Desenvolvimento de um circuito adaptativo da impedância negativa a ser utilizado na fonte de corrente em tomografia de impedância elétrica (cinfeit)

Beneficiário:
Instituição: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Raul Gonzalez Lima
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Bioengenharia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Processo:03/01917-3
Vigência: 01 de junho de 2003 - 28 de fevereiro de 2005
Resumo
O monitoramento de pacientes sob ventilação artificial em UTIs é de extrema importância estratégica/metodológica na avaliação da condição pulmonar e definição da estratégia ventilatória. A preservação da microestrutura pulmonar depende desta estratégia ventilatória - que teoricamente deve minimizar o estresse mecânico imposto aos tecidos - e determina o prognóstico do paciente. A técnica da Tomografia de Impedância Elétrica (TIE) vem sendo usada na geração de imagens do interior do corpo humano, particularmente do ciclo respiratório, e potencialmente se presta à monitoração da ventilação artificial, com quantificação do estresse mecânico. Os sistemas TIE utilizam as medições de vários eletrodos para a obtenção da imagem, sendo que uma corrente constante é injetada entre dois eletrodos e uma diferença de potencial é medida entre outros dois eletrodos. Estes potenciais são convertidos em imagens relativas ou absolutas através de um algoritmo matemático. Um dos objetivos do projeto temático 01/05303-4 é a obtenção de imagens absolutas dos pulmões durante o ciclo respiratório em pacientes sob ventilação artificial, pois isto permitiria diagnósticos clínicos mais apurados. (AU)
Página 22 de 729 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s) | Limpar seleção
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP