site da FAPESP
 

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Auxílios à Pesquisa
Bolsas
Programas voltados a Temas Específicos
Programas de Pesquisa direcionados à Aplicação
Programas de Infraestrutura de Pesquisa
Área do conhecimento
Situação
Ano de início
Página 22 de 747 resultado(s)
|

Estrutura da crosta e manto superior no Sudeste do Brasil

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Marcelo Sousa de Assumpção
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:97/03640-6
Vigência: 01 de agosto de 1997 - 31 de outubro de 2000
Assunto(s):LitosferaSismologiaTomografia
Resumo
O "Brazilian Lithospheric Seismic Project" (BLSP) operou várias estações sismografias no sudeste do Brasil, desde 1992, para estudar a estrutura da crosta e manto superior em São Paulo e sul de Minas Gerais, cobrindo parte da bacia do Paraná, a parte sul do cráton do São Francisco e as faixas de dobra-mentos adjacentes Brasília e Ribeira. Várias linhas de pesquisa têm sido realizadas: tomografia do manto superior com ondas P e S, dispersão de ondas de superfície para estrutura da litosfera e astenosfera, anisotropia do manto superior, e função do receptor para estudar estrutura da crosta. Neste Auxílio à Pesquisa planeja-se estender os estudos de estrutura da crosta e manto superior para cobrir as Serras da Mantiqueira e do Mar (MG e SP), e o Arco de Ponta Grossa (PR). Solicita-se apoio para compra de duas estações de banda-larga para complementar as cinco já existentes no IAG-USP, e apoio para trabalho de campo de instalação e operação de estações temporárias em 10 novos locais, por seis meses cada uma. (AU)

Análise tomográfica da formação óssea após enxerto em fissura lábio palatal preenchida com osso autógeno e dois substitutos ósseos

Beneficiário:
Instituição: Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC). Universidade de São Paulo (USP). Bauru, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Renato Yassutaka Faria Yaedú
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Cirurgia Buco-maxilo-facial
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:10/19581-5
Vigência: 01 de março de 2011 - 28 de fevereiro de 2013
Assunto(s):Fenda labialTransplante ósseoCirurgia bucalOrtodontia
Resumo
O enxerto ósseo secundário consiste em um procedimento fundamental para a reabilitação do paciente com fissura lábio-palatal. Ele permite a movimentação dentária na região da fissura alveolar, instalação de implantes osseointegrados e reanatomização do soalho nasal e rebordo alveolar. Idealmente é realizado antes da erupção do canino permanente e preenchido com osso medular da crista do ilíaco. Atualmente, observa-se na literatura, a busca incessante por um substituto ósseo ou uma área doadora alternativa para a realização do enxerto. É irrefutável o trauma cirúrgico e o tempo de convalescência pós-operatória com a área doadora sendo a crista do ilíaco. Portanto, o presente estudo visa avaliar o comportamento clínico e tomográfico de dois substitutos ósseos no preenchimento da fissura lábio-palatal e compará-los com o enxerto da crista do ilíaco. (AU)

Correlação entre marcadores precoces da lesão pulmonar induzida pela ventilação mecânica e padrões da tomografia de impedância elétrica

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Marcelo Britto Passos Amato
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Processo:02/07897-1
Vigência: 01 de setembro de 2003 - 31 de agosto de 2004
Resumo
Objetivo: Num modelo de ventilação mecânica em porcos com insuficiência respiratória induzida pela lavagem do surfactante pulmonar com solução salina, determinar o preço biológico, em termos de resposta inflamatória, de diferentes níveis de colapso/hiperdistensão pulmonar monitorados pela tomografia de impedância elétrica (TIE). Procedendo-se a uma monitoração "on-line" com a TIE, os animais serão submetidos a diferentes níveis de PEEP/pressão inspiratória, coletando-se amostras de sangue e de lavado broncoalveolar em cada situação. Dosagens de Interleucina-1, Interleucina-6 e TNF-a serão realizadas no sangue e lavado broncoalveolar, para cada passo do experimento. Serão realizados lavados diferenciados, nas regiões dependentes e não-dependentes do pulmão, de forma a se estudar os diferentes tipos de estresse imposto a estas regiões opostas. Paralelamente à dosagem de citocinas, pretendemos quantificar a apoptose e a lesão do epitélio bronquiolar desencadeadas por cada padrão ventilatório. (AU)

Síndrome de Apert - correlação entre as alterações cranianas e encefálicas, avaliação neuropsicológica e momento cirúrgico

Beneficiário:
Instituição: Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC). Universidade de São Paulo (USP). Bauru, SP, Brasil
Pesquisador responsável:José Pindaro Pereira Plese
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:00/08080-3
Vigência: 01 de setembro de 2001 - 31 de agosto de 2003
Assunto(s):NeuropsicologiaRessonância magnética
Resumo
Objetivo: Sistematizar as alterações encefálicas (evidenciadas à Ressonância Magnética) e cranianas (evidenciadas à Tomografia Helicoidal) observadas nos pacientes com Síndrome de Apert, correlacionando-as aos achados de exame neurológico e neuropsicológico. Tal correlação objetiva também definir qual é o melhor momento para a indicação do tratamento cirúrgico e qual a tática cirúrgica a ser instituída. Metodologia: A casuística reúne 21 casos de pacientes com diagnóstico de Síndrome de Apert, 6 do sexo masculino e 15 do sexo feminino, com idade variando de 20 meses a 24 anos. A avaliação dos pacientes é realizada por uma equipe multidisciplinar que compreende especialistas nas áreas de pediatria, neurologia, neurocirurgia, otorrinolaringologia, genética, cirurgia plástica, cirurgia craniofacial, fonoaudiologia, psicologia, neuropsicologia, odontologia e radiologia. O estudo por imagem inclui tomografia helicoidal (TH) com reconstrução tridimensional (3D) do crânio e ressonância magnética (RM) nas diversas seqüências (T1, T2 e IR) e nos diferentes planos. (AU)

Avaliação de custos e efeitos incrementais da angiotomografia coronariana não invasiva usando tomografia computadorizada de 320-detectores (MDCT320)

Beneficiário:
Instituição: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Carlos Eduardo Rochitte
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Radiologia Médica
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa em Políticas Públicas para o SUS
Processo:09/53100-7
Vigência: 01 de julho de 2010 - 30 de abril de 2013
Convênio/Acordo de cooperação com a FAPESP: CNPq - PPSUS
Publicação FAPESP sobre o auxílio:http://media.fapesp.br/bv/uploads/pdfs/Pesquisa...publicas_223_170_170.pdf
Assunto(s):TomografiaAngiografiaDoença da artéria coronariana
Resumo
Devido aos rápidos avanços de software e hardware dos computadores, o InCor-HC/FMUSP incorporou o primeiro tomógrafo computadorizado com 320 camadas de detectores (MDCT320) do Brasil. A avaliação precoce pode permitir modular sua incorporação no sistema de saúde. Estudo de custos e efeitos da MDCT320 comparativo com a angiografia coronariana convencional, para verificar, se existe ou não estenose luminal coronariana ≥ 50% e/ou um defeito na perfusão do miocárdio em pacientes com dor torácica similar à angina, relativamente aos resultados do estudo anterior com o MDCT64. (AU)

Estudo teórico da contribuição do espalhamento nuclear não elástico na trajetória de prótons de energias entre 50 e 250 MEV em materiais de interesse em radiologia: aplicação em tomografia com prótons

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Joel Mesa Hormaza
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física Nuclear
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:08/09610-8
Vigência: 01 de janeiro de 2009 - 31 de dezembro de 2009
Assunto(s):Método de monte carlo
Resumo
O objetivo do presente projeto é a implementação através de simulação de um estudo dos processos de interação de feixes de prótons com a matéria, empregando para isso os códigos baseados no método de Monte Carlo SRIM (Stopping and Range of Ions in Matter) e MCNPX (Monte Carlo N-Particle eXtended) v2.50. Este trabalho servirá como suporte ao desenvolvimento de um sistema tomográfico com feixe de prótons. O estudo será desenvolvido para alvos compostos pelos materiais: água, Polimetilmetacrilato (PMMA), substituto de tecido MS20, entre outros, para feixes de prótons entre 50 MeV e 250 MeV, que é o intervalo de energias de interesse clínico. Serão estudadas a perda de energia de cada próton após atravessar uma camada do material com uma determinada espessura, os desvios angular e lateral do mesmo com respeito a sua direção incidente, assim como a magnitude da diminuição do número de prótons do feixe com e sem inclusão de interações nucleares. Este projeto tem estreita relação com outras áreas da Física Médica e a Física de Materiais como são as de interação da radiação com a matéria, os fenômenos de transporte de partículas, os métodos experimentais em Física Nuclear, assim como a simulação e modelagem computacional de processos pelo método de Monte Carlo. (AU)

Prevalência de doença pulmonar obstrutiva crônica em pacientes encaminhados para tomografia de coronária e a associação entre a magnitude da obstrução das vias aéreas com o escore de cálcio coronariano

Beneficiário:
Instituição: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Alberto Cukier
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:12/06670-5
Vigência: 01 de maio de 2012 - 30 de abril de 2013
Assunto(s):Doença pulmonar obstrutiva crônicaDoença das coronáriasTomografia computadorizada por raios xEspirometriaPneumologia
Resumo
Estamos solicitando bolsa de treinamento técnico por considerarmos de extrema necessidade o auxílio técnico no desenvolvimento do projeto, principalmente no auxílio das técnicas laboratoriais propostas. Com relação à bolsa solicitada ser de nível III, justifica-se pelo perfil do candidato ser recém formado, não vinculada a programa de pós-graduação e dispor de tempo para aprendizagem e desenvolvimento das atividades A bolsista concentrará suas atividades na avaliação funcional pulmonar, auxiliando na realização das espirometrias dos pacientes selecionados. Suas atribuições incluirão: a orientação dos pacientes; acolhimento e medidas antropométricas; realização dos exames; triagem de candidatos com a aplicação do Questionário Inicial de Recrutamento para o Estudo clínico; monitoração dos pacientes durante os testes de função pulmonar. O Bolsista também será responsável pelo registro dos resultados em planilha e compilação dos dados (AU)

Reconstrução 3D em tomografia por emissão de pósitrons adquirida por câmaras de cintilação em coincidência

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Física (IF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Cecil Chow Robilotta
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física Geral
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:99/06773-2
Vigência: 01 de setembro de 1999 - 31 de janeiro de 2003
Assunto(s):Métodos iterativos
Resumo
Este trabalho visa promover um estudo sobre reconstrução 3D de imagens em tomografia por emissão de pósitrons (PET) com sistemas híbridos. Em tais sistemas, ao contrário daqueles utilizados em PET convencional, onde há anéis de detectores em torno do objeto de estudo/paciente, são utilizadas 2 câmaras de cintilação separadas de 180 graus, que detectam os fótons de aniquilação dos pósitrons emitidos por radionuclídeos presentes no objeto. Serão feitas simulações Monte Cario para aquisição de projeções (com modelos matemáticos) e aquisições reais (com modelos físicos) em equipamento instalado no InCor (HC-FMUSP) em São Paulo. A partir das projeções será feita a reconstrução 3D utilizando-se técnicas analíticas, como a retroprojeção filtrada, e métodos iterativos, como os que se baseiam em maximização de expectativa (EM). Os resultados serão analisados de modo a determinar um método de trabalho que possa fornecer informações metabólicas quantitativas confiáveis para o diagnóstico médico. (AU)

O tecido adiposo marrom em humanos - conexões funcionais com o hipotálamo

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Licio Augusto Velloso
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Processo:11/23945-5
Vigência: 01 de fevereiro de 2012 - 31 de outubro de 2012
Assunto(s):Diabetes mellitusObesidadeEndocrinologia
Resumo
Obesidade, e as condições clínicas que freqüentemente a ela se associam, constituem-se hoje num dos mais prevalentes grupos de doenças em populações de várias regiões do planeta, inclusive no Brasil. Apesar dos avanços no conhecimento sobre a sua patogênese, as modalidades terapêuticas disponíveis permanecem restritas. O tecido adiposo marrom é um tecido altamente especializado que regula o gasto energético através de um processo denominado termogênese adaptativa. Acreditava-se que este tecido estivesse presente em humanos somente até a primeira infância. A recente identificação deste tecido em humanos adultos saudáveis trouxe perspectivas para o desenvolvimento de novos tratamentos para distúrbios metabólicos como a obesidade e o diabetes mellitus tipo 2. Este projeto visa avaliar, por meio de tomografia por emissão de pósitrons combinada à tomografia computadorizada (PET-CT) e de ressonância magnética funcional, o impacto da redução de peso após cirurgia bariátrica na atividade do tecido adiposo marrom e sua relação com a atividade hipotalâmica. Para atingir tal objetivo, serão estudados vinte e cinco pacientes com índice de massa corpórea superior a 40 kg/m2, submetidos à cirurgia bariátrica. As avaliações por imagem serão obtidas no início e ao final do período de acompanhamento e serão acompanhadas de biópsia de tecido adiposo branco e marrom. Os pacientes serão comparados a dez voluntários pareados por idade e gênero, com índice de massa corpórea menor que 25 kg/m2, os quais serão submetidos apenas a uma avaliação. Esperamos com esse estudo obter avanços na caracterização da presença e atividade do tecido adiposo marrom e sua relação com a atividade hipotalâmica em diferentes grupos de indivíduos, que pode estar associada à gênese da obesidade. (AU)

Desenvolvimento de um circuito adaptativo da impedância negativa a ser utilizado na fonte de corrente em tomografia de impedância elétrica (cinfeit)

Beneficiário:
Instituição: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Pedro Bertemes Filho
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Bioengenharia
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa Primeiros Projetos
Processo:03/11153-0
Vigência: 01 de agosto de 2004 - 31 de outubro de 2005
Convênio/Acordo de cooperação com a FAPESP: CNPq - Programa Primeiros Projetos
Assunto(s):Processamento de sinaisImpedância bioelétrica
Resumo
O monitoramento de pacientes sob ventilação artificial em UTIs é de extrema importância estratégica/metodológica na avaliação da condição pulmonar e definição da estratégia ventilatória. A preservação da microestrutura pulmonar depende desta estratégia ventilatória - que teoricamente deve minimizar o estresse mecânico imposto aos tecidos - e determina o prognóstico do paciente. A técnica da Tomografia de Impedância Elétrica (TIE) vem sendo usada na geração de imagens do interior do corpo humano, particularmente do ciclo respiratório, e potencialmente se presta à monitoração da ventilação artificial, com quantificação do estresse mecânico. Os sistemas TIE utilizam as medições de vários eletrodos para a obtenção da imagem, sendo que uma corrente constante é injetada entre dois eletrodos e uma diferença de potencial é medida entre outros dois eletrodos. Estes potenciais são convertidos cm imagens relativas ou absolutas através de um algoritmo matemático. (AU)
Página 22 de 747 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s) | Limpar seleção
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP