site da FAPESP
 

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Auxílios à Pesquisa
Bolsas
Programas voltados a Temas Específicos
Programas de Pesquisa direcionados à Aplicação
Programas de Infraestrutura de Pesquisa
Área do conhecimento
Situação
Ano de início
Página 22 de 747 resultado(s)
|

Avaliação de enxertos arteriais após cinco anos de revascularização do miocárdio por meio da tomografia computadorizada de multidetectores

Beneficiário:
Instituição: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:José Rodrigues Parga Filho
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:11/21066-4
Vigência: 01 de março de 2012 - 28 de fevereiro de 2014
Assunto(s):CardiologiaEnxerto vascularVasos coronáriosRevascularização miocárdicaTomografia computadorizada de emissão
Resumo
Avaliação de enxertos arteriais após cinco anos de revascularização do miocárdio por meio da tomografia computadorizada de multidetectoresIntrodução: os enxertos arteriais são amplamente utilizados na cirurgia de revascularização do miocárdio por serem de maior durabilidade. Em indivíduos com lesões multiarteriais maiores que 50%, o uso de três a quatro enxertos é requerido e, por vezes, são utilizados enxertos arterial e venoso. Entretanto, no seguimento clínico, observa-se a maior ocorrência de eventos cardiovasculares no território com enxerto venoso comparada ao leito do enxerto arterial. No entanto, comportamento anatômico e funcional dos enxertos dos arteriais foi pouco estudado, principalmente naqueles pacientes com uso exclusivo de enxertos arteriais e assintomáticos ou com eventos subclínicos. Com o advento da tomografia computadorizada de multiplos detectores é possível analisar as arterias coronarianas e enxertos arteriais com resultados aceitáveis para a avaliação da patência, grau de estenose e presença de placas ateroscleróticas.Objetivo: determinar a taxa de perviedade dos enxertos arteriais e quantificar as eventuais lesões e placas ateroscleróticas em indivíduos com revascularização do miocárdio em uso exclusivo de enxertos arteriais com pelo menos cinco anos por meio da tomografia computadorizada de multidetectores. Métodos: participarão 50 paciente selecionado do banco de dados do Prof Dr Luiz Boro Puig da Unidade de Cirurgia Coronariana do InCor-HCFMUSP que foram revacularizados apenas com enxertos arteriais com mais de cinco anos do procedimento. Serão excluídos indivíduos: com insuficiência renal (definido com clearance de creatinina menor a 70mg/dl), insuficiência hepática, neoplasias, alérgicos ao contraste iodado, fibrilação atrial com alta resposta ventricular e síndrome coronariana aguda. Os pacientes selecionados serão submetido a uma consulta clinica e em dia marcado serão encaminhados ao Setor de Ressonância e Tomografia Computadorizada do InCor- HCFMUSP para a realização do exame de angiotomografia de coronárias. Os exames realizados serão analisados na estação de trabalho Vítrea por observador experiente em tomografia para garantir a reprodutibilidade dos dados.Variáveis analisadas: 1) da tomografia computadorizada de múltiplos detectores: presença dos enxertos e quantificação de eventuais lesões; avaliação do diâmetro dos enxertos em três pontos (terço proximal, médio e distal); 2 ) da consulta clinica: fatores de riscos cardiovasculares; medicações em uso; ocorrência de eventos cardiovasculares (infarto do miocárdio, angina instável e estável) após revascularização.Analise estatística: As variáveis serão inicialmente analisadas descritivamente. Para as variáveis qualitativas serão calculadas as freqüências absolutas e relativas. Para as variáveis quantitativas serão calculados os valores mínimo, máximo,médio, desvio-padrão e mediana. Toda a avaliação estatística será supervisionada por um estatístico. (AU)

Uso de tomografia de ressonância magnética para classificação e seleção de frutas

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Nelson Delfino D'Avila Mascarenhas
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Metodologia e Técnicas da Computação
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:00/08763-3
Vigência: 01 de outubro de 2000 - 31 de março de 2002
Resumo
O projeto visa à utilização de técnicas bastante modernas e avançadas, que combinam vários classificadores estatísticos (tendo assim um desempenho significativamente superior em relação às técnicas de classificação que existem atualmente) nas imagens obtidas através de tomografia de ressonância magnética de frutas (imagens estas, com três bandas espectrais). A classificação destas será feita de acordo com características, tais como: presença de parasitas, quantidade de água e de açúcar. Desta maneira, estas frutas poderão ser selecionadas de acordo com tais características para venda tanto no mercado interno como externo. Sendo estas técnicas bastante novas, ainda não existe nenhuma pesquisa ou trabalho que as utilize. Para tal será utilizado o tomógrafo do CNPDIA da Embrapa de São Carlos, para obtenção das imagens e o laboratório do GAPIS da UFSCar para o desenvolvimento dos algoritmos e processamento processamento digital destas. (AU)

Reconhecimento de padrão anatômico para indexação e recuperação de imagens de tomografia computadorizada a partir de conteúdo

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Paulo Mazzoncini de Azevedo Marques
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Radiologia Médica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:00/03908-3
Vigência: 01 de junho de 2000 - 31 de maio de 2002
Assunto(s):Redes neurais
Resumo
Este trabalho propõe o desenvolvimento de um algoritmo baseado em Redes Neurais Artificiais (RNAs) para reconhecimento de padrões anatômicos em imagens de Tomografia Computadorizada (TC), visando a indexação e recuperação de imagens com base em conteúdo pictórico dentro de sistemas de arquivamento e comunicação de imagens (Picture Archiving and Communication Systems - PACS). Este trabalho relaciona-se com a proposta de estruturação de um mini-PACS junto ao Serviço de Radiodiagnóstico do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. A proposta é o desenvolvimento de, um algoritmo baseado em Redes Neurais que funcione como um "filtro" no processo de arquivamento de imagens de TC, separando-as por regiões anatômicas (crânio, tórax, abdome, extremidades, etc...), possibilitando posteriormente à extração de características para indexação recuperação baseadas em conteúdo. Espera-se também que os resultados obtidos possam servir como base para o desenvolvimento de "filtros" para outras modalidades de exames como Ressonância Magnética e Ultra-Som, por exemplo. (AU)

Estudo da obtenção de imagens de Tomografia por Impedância Elétrica (TIE) do pulmão pelo método de otimização topológica (MOT)

Beneficiário:
Instituição: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Emílio Carlos Nelli Silva
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Bioengenharia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:02/01625-0
Vigência: 01 de maio de 2002 - 25 de fevereiro de 2005
Assunto(s):Método dos elementos finitosTomografia
Resumo
Um tomógrafo por impedância elétrica permite obter imagens de uma seção do corpo humano mediante os valores de voltagem obtidas nos eletrodos quando uma corrente de intensidade constante é aplicada por dois ou mais eletrodos, segundo um certo padrão de excitação. Esses eletrodos são posicionados ao redor do corpo do paciente num plano correspondente a uma seção transversal do corpo. O objetivo desse projeto de doutorado é o estudo da aplicação do método de otimização topológica para obter imagens do pulmão utilizando-se um tomógrafo de impedância elétrica (TIE). Esse projeto está inserido num projeto temático cujot objetivo é desenvolver um TIE para monitorar de forma precisa a ventilação forçada do pulmão. Isso auxiliará a aplicação correta das técnicas de ventilação forçada contribuindo para reduzir a mortalidade geral de pacientes sob ventilação, artificial, estimando-se que é possível evitar, no mínimo, em torno de 15.000 mortes/ano no Brasil. No projeto temático está prevista uma competição de métodos, sendo um deles o método de otimização topológica (MOT). A formulação de MOT desenvolvida deverá ser capaz de obter os valores de condutividade absoluta dos materiais no interior do domínio tomografado. O MOT tem como principal vantagem a possibilidade de inclusão de várias restrições no problema de construção da imagem restringindo facilmente o espaço de solução àquele esperado na clínica, evitando imagens sem significado clínico. (AU)

Estudo comparativo de biomateriais no tratamento de defeitos ósseos segmentares no rádio de coelhos

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Sheila Canevese Rahal
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:02/09216-1
Vigência: 01 de março de 2003 - 31 de julho de 2004
Resumo
O trabalho tem por objetivos avaliar, por meio de estudos radiológicos, tomográficos e histológicos, a ação da mistura de osso bovino inorgânico, matriz bovina orgânica, colágeno e proteínas morfogenéticas ósseas (BMPs)(Gen-Tech), envolta por membrana reabsorvível de cortical óssea descalcificada liofiliza (Gen-Derm), em comparação à combinação de matriz orgânica (Gen-Ox) e BMPs (Gen-Pro), envolta por membrana reabsorvível de cortical óssea descalcificada liofiliza (Gen-derm), na regeneração de defeitos ósseos segmentares, induzidos em rádio de coelhos. Serão utilizados 15 coelhos da raça Norfolk, fêmeas, com idade entre seis e sete meses e peso médio de 4 kg. Com os animais anestesiados, será realizada incisão longitudinal de pele e tecido subcutâneo na região crânio-medial do terço médio do rádio direito, afastamento dos músculos extensor radial do carpo e extensor digital comum e isolamento do rádio por meio de rugina. Uma falha óssea segmentar de 1 cm será induzida em terço médio do rádio, pela retirada de fragmento osteoperiosteal com o uso de serra óssea circular. O defeito será preenchido com Gen-Tech envolto por Gen-Derm. No membro esquerdo será realizado o mesmo procedimento cirúrgico do direito; entretanto, a falha óssea será preenchida com Gen-Ox envolto por Gen-Derm. Os exames radiográficos e tomográficos serão realizados no pós-operatório imediato e aos 30, 90 e 150 dias de pós-cirúrgico, visando o aspecto da regeneração óssea. Cinco animais serão submetidos à eutanásia aos 30, 90 e 150 dias de pós-cirúrgico, para colheita de material para avaliação histológica quanto ao tipo de tecido produzido. (AU)

Projeto de operadores pela aprendizagem e marca dágua de autenticação no espaço de escala (poamae)

Beneficiário:
Instituição: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Hae Yong Kim
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:03/13752-9
Vigência: 01 de abril de 2004 - 31 de março de 2006
Assunto(s):Processamento de imagens
Resumo
Este projeto de pesquisa está composto por três subprojetos: 1) Difusão anisotrópica no processamento de ressonância magnética funcional (fMRI): No projeto FAPESP anterior, estudamos a aplicação da difusão anisotrópica robusta (RAD) para melhorar o processamento de fMRI e reconstrução tomográfica. Neste projeto, propomos continuar esses estudos, aplicando RAD para os métodos de processamento de fMRI e reconstrução tomográfica ainda não considerados. 2) Projeto automático de operadores pela aprendizagem de máquina (ML): No projeto anterior, estudamos as diferentes aplicações da ML para projetar operadores, tais como aumento de resolução de imagens meio-tom e meio-tom inverso. Propomos aplicar ML na análise de imagens de sensoriamento remoto. 3) Marca d'água para autenticação de imagens: A marca d'água é um sinal invisível inserido na imagem. No projeto anterior, pesquisamos meios para tornar mais segura marca d'água para autenticação de imagens em tonalidade contínua. Neste projeto, propomos estender esta técnica para as imagens binárias. (AU)

Efeitos da aplicação da carga funcional precoce e tardia sobre a remodelação de enxertos ósseos e estabilidade de implantes. estudo histométrico, tomográfico e de RFA em cães

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luiz Antonio Salata
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Cirurgia Buco-maxilo-facial
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:04/01072-6
Vigência: 01 de agosto de 2004 - 30 de novembro de 2007
Resumo
O aumento vertical de processos alveolares com enxertos ósseos, com a finalidade de viabilizar a instalação de implantes, resulta na maioria das vezes em ganho insuficiente de suporte ósseo e osseointegração. Nestes casos, a atividade de reabsorção parece predominar sobre a de deposição óssea durante a remodelação do enxerto. O tipo de enxerto utilizado e o grau de revascularização do mesmo têm sido implicados nesta resposta. Evidências de que o estímulo mecânico desencadeia processos fisiológicos de neoformação óssea, podem apontar para a necessidade de aplicação de novos protocolos nos casos em que a combinação de implantes com enxertia óssea é requerida. Este estudo visa comparar os efeitos das cargas precoce e tardia em implantes instalados em enxerto ósseo sobre: 1) o volume e densidade ósseas medidas por meio de tomografias computadorizadas; 2) a estabilidade dos implantes, medida através do método da freqüência de ressonância (Osstell); 3) as características histológica e histomorfométrica (computadorizada) da relação enxerto ósseo-implante. (AU)

Influência do processo de revascularização sobre a remodelação de enxertos ósseos "onlay". estudo histométrico, imunohistoquímico e tomográfico em coelhos

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luiz Antonio Salata
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Cirurgia Buco-maxilo-facial
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:04/01113-4
Vigência: 01 de setembro de 2004 - 31 de agosto de 2006
Resumo
A literatura mostra controvérsias evidentes quanto às causas do insucesso de enxertos autógenos "onlay". Embora um número razoável de autores tenham enfocado esta questão, não há estudos que tenham abordado o processo de remodelação destes enxertos em diferentes aspectos e de maneira multidisciplinar. O objetivo deste estudo é quantificar e qualificar o tecido ósseo na área do enxerto por meio de análises histológica, histométrica e tomográfica e correlacionar estes dados com a cronologia do processo de re-vascularização do enxerto (presença do VEGF e densidade microvascular) e com o balanço da reabsorção e aposição óssea (TRAP/ALP), todos utilizando técnicas de imunocitoquímica. Para isto, enxertos ósseos fixados "onlay" serão avaliados em mandíbula de 60 coelhos, divididos em dois grupos: 30 animais terão a cortical do leito receptor perfurada para expor o osso esponjoso subjacente, enquanto nos demais o leito receptor será mantido intacto. Seis coelhos de cada grupo serão sacrificados aos 5, 10, 21, 30 e 90 dias após a cirurgia e submetidos às avaliações propostas. (AU)

Desenvolvimento da tomografia geoelétrica para aplicação em estudos ambientais e hidrogeológicos

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Geociências (IGC). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:José Domingos Faraco Gallas
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:04/01239-8
Vigência: 01 de junho de 2004 - 31 de outubro de 2006
Assunto(s):Geofísica aplicadaGeologia de engenhariaHidrogeologiaMeio ambiente
Resumo
Propõe-se o aperfeiçoamento/desenvolvimento de uma metodologia, mais eficiente que as atuais, para tomografia elétrica, tanto no que se refere à aquisição dos dados (escolha da disposição de eletrodos mais adequada, potencialidades e limitações frente ao tipo de problema a ser solucionado etc.), como nas formas e opções de processamento, visando o melhor imageamento da subsuperfície. A aquisição dos dados será feita em 2D. Entretanto, pretende-se a realização de um ensaio 3D, analisando a performance desta metodologia, tal qual descrita por Loke & Barker (1996b) e recomendada em ambientes complexos/heterogêneos (Dahlin & Bernstone, 1997; Ogilvy et al., 2002) ou em monitoramentos temporais (Shi et al., 1997). A tese de doutorado de Otávio Coaracy Brasil Gandolfo também é um dos objetivos deste Projeto, cujos resultados serão parte fundamental da mesma. Além disso, este Projeto estará interligado com outros já em andamento (os resultados e os softwares deste Projeto subsidiarão os mesmos - Processos FAPESP 02/07202-3; 2003/08714-0 e 02/00509-6). (AU)

Estrutura da crosta e manto superior no Sudeste do Brasil

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Marcelo Sousa de Assumpção
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:97/03640-6
Vigência: 01 de agosto de 1997 - 31 de outubro de 2000
Assunto(s):LitosferaSismologiaTomografia
Resumo
O "Brazilian Lithospheric Seismic Project" (BLSP) operou várias estações sismografias no sudeste do Brasil, desde 1992, para estudar a estrutura da crosta e manto superior em São Paulo e sul de Minas Gerais, cobrindo parte da bacia do Paraná, a parte sul do cráton do São Francisco e as faixas de dobra-mentos adjacentes Brasília e Ribeira. Várias linhas de pesquisa têm sido realizadas: tomografia do manto superior com ondas P e S, dispersão de ondas de superfície para estrutura da litosfera e astenosfera, anisotropia do manto superior, e função do receptor para estudar estrutura da crosta. Neste Auxílio à Pesquisa planeja-se estender os estudos de estrutura da crosta e manto superior para cobrir as Serras da Mantiqueira e do Mar (MG e SP), e o Arco de Ponta Grossa (PR). Solicita-se apoio para compra de duas estações de banda-larga para complementar as cinco já existentes no IAG-USP, e apoio para trabalho de campo de instalação e operação de estações temporárias em 10 novos locais, por seis meses cada uma. (AU)
Página 22 de 747 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s) | Limpar seleção
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP