site da FAPESP
 

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Publicações científicas
Auxílios à Pesquisa
Bolsas
Programas voltados a Temas Específicos
Programas de Pesquisa direcionados à Aplicação
Programas de Infraestrutura de Pesquisa
Área do conhecimento
Situação
Ano de início
Página 12 de 1.524 resultado(s)
|

Estudos visando a síntese de esqueletos hidrindanos

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Helena Maria Carvalho Ferraz
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:97/07298-0
Vigência: 01 de outubro de 1997 - 28 de fevereiro de 1999
Resumo
Investigar a generalidade de reação de contração de cetonas promovidas por sais de tálio (III), utilizando modelos relacionados com produtos naturais como o tapsanol e a Barnenolida para verificar a viabilidade de uma futura aplicação na síntese total destes compostos. (AU)

Estudos sobre a síntese de furanoeliangolidos pela reação de Diels-Alder

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Mauricio Gomes Constantino
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:01/01680-8
Vigência: 01 de agosto de 2001 - 28 de fevereiro de 2003
Resumo
Furanoeliangolidos são produtos naturais de estrutura, complexa, muitos são encontrados em plantas brasileiras e apresentam atividade biológica (esquistossomicida, citotóxica, tripanosomicida, etc.). Neste projeto propomos o estudo de métodos sintéticos para preparar a estrutura básica de vários desses compostos. (AU)

Obtenção de complexos produtos naturais metais e suas toxicidades potenciais como inseticidas frente formigas cortadeiras

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:João Batista Fernandes
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:06/07252-1
Vigência: 01 de junho de 2007 - 31 de dezembro de 2007
Assunto(s):Produtos naturais
Resumo
As formigas cortadeiras são consideradas pragas e causam sérios danos à agricultura. Atualmente, têm-se estudado produtos naturais isolados de plantas como um método alternativo de controle desses insetos, que cause menor impacto ao meio ambiente do que os inseticidas tradicionalmente utilizados.A complexação de compostos orgânicos com metais tem levado à produtos com maior atividade, provavelmente facilitando que os compostos orgânicos cheguem ao sítio de ação. Assim, sínteses de complexos de produtos naturais (ricinina, catequina e rauianina) do tipo cis-[M(bpy-X)2(Cl2)] onde M = Co(II/III), Cu(II/III), Mn(II/III), Fe(II/III) com os ligantes bpy-X = 2’,2’-bipiridina (X =H) e 2’,2’-bipiridinas substituídas com grupos cloro-, metil-, nitro- e 4,7 difenil-, X = H2O, Cl por reação direta, seguindo resultados da literatura devem ser alvo de estudos, assim como outros a serem desenvolvidos durante o desenvolvimento do projeto. Espera-se assim obter compostos com ação inseticida e ou fungicida com baixa ação sobre o meio ambiente e ao homem. (AU)

Potenciais toxicidades das substâncias majoritárias de Dimorphandra mollis Benth. (astilbina, isoatilbina e catequina), com propriedades inseticidas frente aos insetos sociais, em brachdanio rerio e ..

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:João Batista Fernandes
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:04/11880-2
Vigência: 01 de novembro de 2004 - 31 de outubro de 2006
Assunto(s):Produtos naturaisToxicidade

Estudos sobre a síntese de furanoeliangolidos pela reação de "Diels-Alder"

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Mauricio Gomes Constantino
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Processo:00/08939-4
Vigência: 01 de março de 2001 - 28 de fevereiro de 2002
Assunto(s):Reação de diels-alder
Resumo
Furanoeliangolidos constituem uma classe de produtos naturais, freqüentemente encontrados em plantas brasileiras, sendo que vários desses produtos apresentam importantes atividades biológicas. Neste projeto propomos um estudo de síntese de furanoeliangolidos aplicando resultados de metodologia anteriormente desenvolvida por nós, ampliando as possibilidades de aplicação e desenvolvendo novos métodos para contornar problemas específicos. (AU)

Síntese total assimétrica da t-crotonina

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Gil Valdo José da Silva
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:95/01454-5
Vigência: 07 de outubro de 1995 - 31 de março de 2000
Assunto(s):LactonasSíntese orgânica
Resumo
O projeto tem por objetivo o desenvolvimento de métodos de síntese de produtos naturais. A substância - alvo é a t-crotonina, isolada da planta amazônica Croton Cajuçara Benth. (AU)

Estudos visando a elucidação estrutural de dihidro-2h-piranonas naturais

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ronaldo Aloise Pilli
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:03/11703-0
Vigência: 01 de março de 2004 - 31 de julho de 2006
Resumo
Este trabalho visa realizar a síntese enantiossseletiva das di-hidropiranonas 13 e 14, utilizando-se reações de alilação catalítica e assimétrica de forma seqüencial e metátese de olefinas. As di-hidropiranonas sintetizadas serão comparadas com duas piranonas naturais isoladas por Cavalheiro e Yoshida de C. moscata a fim de estabelecer a configuração absoluta desses produtos naturais que ainda encontra-se desconhecida. (AU)

Síntese de compostos de otoba parvifolia

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luiz Gonzaga de Oliveira Matias
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Processo:94/02889-2
Vigência: 20 de abril de 1995 - 31 de março de 1996
Resumo
O presente trabalho visa à síntese dos produtos naturais isolados e identificados de Otoba porvifolia, que possuem interessantes características estruturais, sendo que alguns deles apresentam atividade Biológica. (AU)

Estudo das potencialidades de algumas espécies vegetais e produtos naturais e sintéticos para o controle de formigas cortadeiras

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:João Batista Fernandes
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:01/09931-0
Vigência: 01 de novembro de 2001 - 31 de outubro de 2003

Estudo das potencialidades de algumas espécies vegetais e produtos naturais e sintéticos para o controle de formigas cortadeiras

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:João Batista Fernandes
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:98/00440-9
Vigência: 01 de março de 1998 - 29 de fevereiro de 2000

Estudo de Jatropha gossypifolia e J. multifida (Euphorbiaceae), aplicando métodos in silico e de desreplicação, visando a detecção e elucidação in situ dos constituintes micromoleculares com atividades acetilcolinesterásicas, cicatrizantes e antioxidantes

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ian Castro-Gamboa
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:09/02648-2
Vigência: 01 de setembro de 2009 - 31 de janeiro de 2011
Assunto(s):AntioxidantesQuímica de produtos naturais
Resumo
O presente projeto visa à detecção, purificação, isolamento e elucidação estrutural dos constituintes micromoleculares antioxidantes, acetilcolinesterásicos e cicatrizantes de Jatropha gossypifolia e J. multifida, duas espécies pertencentes à famíla Euphorbiaceae, com poucos relatos na literatura sobre sua composição química. A detecção e elucidação das moléculas de interesse será realizada através de duas abordagens principais: utilizando bioensaios in vitro já estabelecidos no nosso grupo de pesquisa (Núcleo de Bioensaios, Biossíntese e Ecofisiologia de Produtos Naturais - NuBBE), assim como através da geração de perfis cromatográficos bioativos, visando a detecção in silico dos constituintes majoritários e orientando estratégias de separação e de desreplicação dos extratos brutos. Para tanto, o uso de bases de dados públicas e pertencentes ao NuBBE assim como, técnicas de vanguarda em separação de alta eficiência associadas a ferramentas espectroscópicas como espectrometria de massas de alta resolução (EMAR) e Ressonância Magnética Nuclear (RMN), serão incorporadas ao longo do projeto. (AU)

Mapeamento do potencial biossintético de Streptomyces: comparação com o modelo Streptomyces coelicolor

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luciana Gonzaga de Oliveira
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:09/03793-6
Vigência: 01 de março de 2010 - 31 de março de 2011
Assunto(s):Streptomyces
Resumo
A biodiversidade brasileira tem potencial para fornecer uma imensa variedade de moléculas com propriedades farmacológicas interessantes e atrativas como objetos de pesquisa. Essas moléculas são produtos do metabolismo secundário de plantas ou de outros organismos que os produzem e utilizam para diversos fins, o que torna fundamental o seu estudo. Devido ao insucesso da síntese combinatória vista como alternativa promissória para a obtenção de moléculas bioativas, a indústria farmacêutica voltou a investir em produtos naturais, como fonte de novos fármacos. Atualmente, com o auxílio de ferramentas da Biologia Molecular aliado ao vasto conhecimento de etapas metabólicas elucidadas pela bioquímica molecular é possível identificar genes responsáveis pela biossíntese de metabólitos e interferir em suas funções tornando possível a descoberta de novas moléculas. O progresso na utilização dessas ferramentas tem possibilitado o desenvolvimento de uma área multidisciplinar, na qual é possível compreender melhor as vias biológicas centrais e utilizá-las em benefício para a química de produtos naturais. Neste projeto será avaliado o potencial biossintético de uma linhagem de Streptomyces com potencial para produção de moléculas bioativas em comparação com uma linhagem padrão (S. coelicolor). (AU)

Desenvolvimento de filtros solares a partir de complexos metálicos de Zn2+ e/ou Ce³+ com produto natural para protetores solares

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Marian Rosaly Davolos
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:10/13493-7
Vigência: 01 de março de 2011 - 28 de fevereiro de 2013
Assunto(s):CérioQuercetinaZincoCompostos de coordenação
Resumo
O uso de protetores solares para a proteção da pele contra os raios UV emitidos pelo sol está se tornando imprescindível e o estudo tanto de filtros inorgânicos, orgânicos como das suspensões estáveis que constituem os protetores requerem pesquisa acadêmica. Este trabalho visa o desenvolvimento de novos tipos de filtros solares através da obtenção de complexos metálicos de Zn2+, Ce2+ e heterobimetálicos de Zn2+ e Ce2+ a fim de utilizá-los na formulação de protetores solares com melhor desempenho no fator de proteção solar (FPS), menor irritalibilidade. Dentre os diversos filtros orgânicos existentes podemos destacar os flavonóides, uma classe de compostos naturais que apresenta propriedades bactericidas, antioxidantes, antinflamatórias. Estes novos compostos, além de preencherem todos os requisitos para serem utilizados como filtros orgânicos solares, como por exemplo, absorção intensa na região UVA e UVB do espectro eletromagnético, apresentam o apelo do produto natural nas formulações de protetores solares. Desta forma o flavonóide quercetina (3,3',4',5,7 pentahidroxiflavona) será utlizado como ligante para obtenção dos complexos. As amostras obtidas serão caracterizadas por difratometria de raios X, análise térmica, espectroscopia de absorção na região do infravermelho, espectroscopia de absorção na região do UV-Vis, espectroscopia de fotoluminescência e análise elementar. Posteriormente os complexos serão combinados e utilizados como filtros em formulações de protetores e estas serão caracterizadas através de medidas reológicas e de espectroscopia de absorção na região do UV-Vis. (AU)

Estudos fitoquímicos biomonitorados de Duguetia lanceolata (Annonaceae) e Lithraea molleoides (Anacardeaceae) e desenvolvimento de processo de nanoencapsulação, associados ao controle de formigas cortadeiras

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:João Batista Fernandes
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Processo:10/18303-1
Vigência: 01 de março de 2011 - 28 de fevereiro de 2015
Assunto(s):Produtos naturais
Resumo
A importância dos produtos naturais se faz presente em diversos aspectos, dentre eles destaca-se a busca de compostos químicos de origem natural ou derivados destes não tóxicos, ao homem e animais, que possam controlar biorracionalmente o comportamento das pragas como as formigas cortadeiras.Neste sentido, o presente projeto visa os estudos fitoquímicos de Duguetia lanceolata (Annonaceae) e Lithraea molleoides (Anacardeaceae), analisando o seu perfil químico, bem como realização de ensaios biológicos frente às formigas cortadeiras Atta sexdens rubropilosa, ao seu fungo simbionte Leucoagaricus gongylophorus e desenvolvimento de nanocápsulas a partir de polímeros biodegradáveis, para nanoencapsulação de substâncias ativas isoladas e também de cedrelona isolada de Trichilia catigua visando sua aplicação no controle do fungo simbionte das formigas cortadeiras.Este projeto propõe também a modificações estruturais no limonóide cedrelona, para obtenção de novos compostos a serem ensaiados nas formigas e fungo a fim de potencializar sua atividade. (AU)

Avaliação do metabolismo in vivo e in vitro e determinação dos parâmetros farmacocinéticos da budleína a e correlatos

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Norberto Peporine Lopes
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:10/07413-0
Vigência: 01 de setembro de 2010 - 28 de fevereiro de 2014
Assunto(s):Espectrometria de massasProdutos naturais
Resumo
A utilização de plantas medicinais no tratamento de enfermidades é comum há séculos e em geral baseada no empirismo. Nas últimas décadas grandes avanços têm sido alcançados nas ciências que estudam os produtos naturais em relação às suas propriedades farmacológicas e composição química, o que tem tornado o uso deste tipo de medicação bastante difundido através de todas as classes sociais. Entretanto, existe entre a população o mito de que em sendo natural não faz mal, o que contraria a máxima de que todo medicamento possui efeitos colaterais. Baseado neste contexto, o presente projeto tem por objetivo gerar subsídios para o desenvolvimento de medicamentos seguros e eficazes através do estudo aprofundado do metabolismo in vivo e in vitro da budleína A, uma lactonas sesquiterpênicas do tipo furanoheliangolido com comprovada ação citotóxica e antinflamatória. Esse conhecimento dos possíveis produtos do metabolismo de fase 1 possibilitará o mapeamento dos metabólitos gerados e poderá suportar futuros ensaios clínicos. O desenvolvimento do projeto será iniciado com a simulação do metabolismo oxidativo in vitro utilizando-se metaloporfirina e enzimas hepáticas, e posterior monitoramento dos produtos de reação através de espectrometria de massas (EM). Na segunda etapa serão realizados testes farmacocinéticos em ratos com determinação de parâmetros de absorção, distribuição e eliminação. Para a execução das análises por EM serão previamente desenvolvidos e validados métodos cromatográficos por CLAE-EM que se adaptem à composição da amostra. (AU)

Estudo de aumento de escala de processo de extração supercrítica em leito fixo

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Maria Angela de Almeida Meireles
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Engenharia de Alimentos
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:06/01777-5
Vigência: 01 de setembro de 2006 - 30 de setembro de 2007
Resumo
Existem no Brasil muitos estudos de extração supercrítica de produtos naturais de plantas nativas. Porém, nenhuma unidade industrial operando com esta tecnologia existe no País. Ainda são escassos os estudos para aumento de escala desse processo de extração. Alguns estudos preliminares de custos do processo industrial estão sendo realizados. Porém, os dados necessários para se fazer uma estimativa mais próxima da realidade dependem dos dados de aumento de escala. Os dados de laboratório não são suficientes para determinar os parâmetros reais do processo, devido ao complexo comportamento da mistura do fluido supercrítico com os produtos naturais. Somente com os dados de aumento de escala será possível fazer uma estimativa mais próxima da realidade da viabilidade econômica da instalação de uma planta industrial operando com tecnologia de extração supercrítica no Brasil. Foi escolhido para o desenvolvimento deste trabalho o cravo-da-índia (Eugenia caryophyllus) como matéria-prima devido ao fato de que ele apresenta uma mistura simples de substâncias, dentre as quais está o eugenol, utilizado na indústria farmacêutica e de alimentos. Além disso, ele é rico em óleo essencial e existe vasto material na literatura sobre o cravo-da-índia. (AU)

Estudo fitoquímico biomonitorado das folhas de Ipomoea batatas e folhas e caule de rauia SP, sobre formigas cortadeiras(atta sexdens robropilosa) e seu fungo simbionte (Leucoagaricus gongylophorus)

Beneficiário:
Instituição: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:João Batista Fernandes
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:06/58337-7
Vigência: 01 de março de 2007 - 28 de fevereiro de 2009
Assunto(s):Formigas cortadeirasProdutos naturaisRutaceae
Resumo
As formigas constituem um dos grupos de insetos mais abundantes na biosfera. Entre elas estão às formigas cortadeiras (gêneros Atta e Acromyrmex) consideradas como o inseto que mais causa danos a agriculturas no Brasil. Estes insetos são organizados socialmente e vivem em simbiose com um fungo amorfo, Leucoagaricus gongylophorus, que vem se desenvolvendo em conjunto com as formigas cortadeiras, o qual utiliza o material vegetal como substrato para o seu crescimento, pois o fungo é o único alimento para larvas e pupas. Acredita-se que o fungo desempenhe a função de um estômago externo, digerindo a celulose, transformando aleloquímicos vegetais em substâncias palatáveis à formiga por meio de enzima. Este é um ponto a ser explorado considerando-se uma possível aplicação em métodos alternativos para o controle deste inseto, principalmente no uso de produtos naturais como óleos essenciais e feromônios sendo sua alta seletividade para o inseto-alvo uma das grandes vantagens. Este projeto visa o isolamento de substâncias ativas das folhas de Ipomoea batatas e folhas e caule de Rauia sp, acompanhadas por ensaios nas formigas cortadeiras (Atta sexdens rubropilosa), no seu fungo simbionte (Leucoagaricus gongilophurus) e nas enzimas provenientes do fluido fecal (pectinases). (AU)

Caracterização do perfil da ação de compostos fenólicos de origem natural sobre processos oxidativos in vitro e ex vivo

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Olga Maria Mascarenhas de Faria Oliveira
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Enzimologia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:07/57290-0
Vigência: 01 de março de 2008 - 28 de fevereiro de 2010
Assunto(s):AntioxidantesProdutos naturaisCompostos fenólicos
Resumo
As plantas medicinais desempenham um papel muito importante em saúde pública, principalmente em países em desenvolvimento. Compostos fenólicos oriundos do metabolismo secundário das plantas são considerados bons agentes antioxidantes naturais. O uso de extratos de vegetais no tratamento de patologias é um hábito difundido no Brasil, o que pode ser explicado, ao menos em parte, pelo baixo custo e pela crença de que tais produtos não promovem efeitos tóxicos. O consumo de frutas e vegetais auxilia na prevenção de processos degenerativos diminuindo, por exemplo, a incidência e a taxa de mortalidade por câncer ou doenças cardiovasculares. Diferentes compostos antioxidantes presentes na dieta desempenham importantes funções em retardar o desenvolvimento de doenças crônicas tais como doenças cardiovasculares, câncer, reações inflamatórias e Mal de Alzheimer. A busca por opções terapêuticas para diferentes patologias faz da pesquisa de produtos naturais um campo de importância, e fértil em opções de moléculas com diferentes atividades biológicas, o que proporciona a descoberta de novos fármacos e de plantas que apresentem substâncias que possam agir sobre as diferentes espécies oxidantes geradas em nosso organismo. Dentro desse contexto, é proposta deste trabalho avaliar, em diferentes processos oxidativos (químicos, enzimáticos e celulares - "ex vivo"), o efeito de compostos fenólicos de origem natural e derivados fornecidos pelo laboratório de Química Orgânica-IQ/UNESP. (AU)

Perfil cromatográfico dos metabólitos de espécies da família Flacourtiaceae: estudo fitoquímico biomonitorado

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Alberto José Cavalheiro
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:06/60151-9
Vigência: 01 de março de 2007 - 28 de fevereiro de 2010
Assunto(s):FitoquímicaFlacourtiaceaeProdutos naturais
Resumo
O presente projeto tem como objetivo principal obter substâncias bioativas patenteáveis e traçar o perfil químico-cromatográfico através de CLAE-DAD e CLAE-EM de Casearia arbórea, C. gossypiosperma, C. decandra, Prockia crucis e Xylosma pseudosaizmannii. As espécies selecionadas são pertencentes à família Flacourtiaceae de ocorrência em regiões de Mata Atlântica do estado de São Paulo e com pouco ou nenhum estudo químico-farmacológico relatado na literatura. O material vegetal será extraído com solvente orgânico usando técnicas apropriadas e serão avaliados através de bioensaios visando à detecção de atividade antiinflamatória, antioxidante, antimicrobiana e antiproliferativa frente a linhagens de células tumorais. Os extratos selecionados na triagem serão submetidos a fracionamento biomonitorado, para o isolamento e caracterização das estruturas dos princípios ativos. A metodologia proposta é ainda pouco utilizada no Brasil e visa formar recursos humanos qualificados na área de Química de Produtos Naturais, capacitados a difundirem o conhecimento adquirido. (AU)

Estudo da diversidade e abundância do virioplancton no Rio Amazonas, AM - Brasil

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Dolores Ursula Mehnert
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Processo:04/11287-0
Vigência: 01 de julho de 2005 - 31 de outubro de 2010
Resumo
Os vírus são os agentes biológicos mais comuns em ambientes aquáticos, encontrados tipicamente no número de 10 milhões por litro, na água do mar. O virioplâncton influencia muitos processos ecológicos e biogeoquímicos, como ciclagem de nutriente, taxa de afundamento de partículas, diversidade e distribuição de espécies de algas e bactérias, controle de florações de fitoplâncton, formação de dimetilsulfeto e transferência genética horizontal. O objetivo deste trabalho é analisar o virioplâncton do rio Amazonas em termos de abundância e diversidade, durante ambas as estações seca e chuvosa, avaliando o impacto do lançamento de esgoto sobre esta comunidade. A quantificação viral será feita pelo método de contagem direta por epifluorescência e o estudo da diversidade por PCR, DGGE, sequenciamento e microscopia eletrônica de transmissão. Serão coletadas amostras em 5 estações, ao longo do curso do rio, entre as cidades de Manacapuru (AM) e Itaquatiara (AM), nos meses de março e outubro de 2005. Este é um estudo pioneiro no Brasil, que estará fornecendo dados fundamentais a um melhor entendimento da diversidade desses agentes biológicos, permitindo-nos começar a esboçar a complexa relação entre o virioplâncton e o ecossistema. Dados microbiológicos sobre o rio Amazonas virão complementar os estudos de larga escala de biosfera e atmosfera (LBA), que vêm sendo realizados na região amazônica. (AU)

Estudos sintéticos visando a síntese e determinação estrutural das an guinomicinas c e d e estudos sintéticos visando a síntese e determina cão estrutural da criptomoscatona D2 e epimero em C2

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ronaldo Aloise Pilli
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:05/52976-5
Vigência: 01 de novembro de 2005 - 31 de julho de 2010
Resumo
O projeto visa alcançar a síntese estereosseletiva de um dos possíveis estereoisômeros das anguinomicinas C e D, produtos naturais isolados de Streptomyces sp responsáveis por indução de apoptose em células com a proteína supressora de tumor retinoblastoma (pRB) inativa e a inibição do ciclo-celular durante a fase G1 para células normais visando a comparação de suas propriedades espectroscópicas com aquelas descritas para o produto natural. A estereoquímica proposta para as anguinomicinas C e D está baseada naquela encontrada em outros policetídeos naturais e, em particular, (-)-delactomicina (I) isolada de outra linhagem de Streptomyces e cuja síntese estereosseletiva foi alcançada em nosso laboratório. Adicionalmente, pretendemos avaliar a atividade citotóxica de intermediários sintéticos e do produto final contra 8 linhagens de células de tumores humanos (melanoma-UACC62), mama (MCF-7), mama resistente a múltiplas drogas (NCI.ADR), rim (786-0), pulmão (NCI460), próstata (PCO.3), ovário (OVCAR03) e cólon (HT-29), em colaboração com o Dr. João Ernesto de Carvalho, CPQBA, Unicamp. (AU)

Avaliação do efeito do bloqueio de fator de necrose tumoral-a (TnT a) na resposta imune anti-mycobacterium tuberculosis in vitro em pacientes com psoríase moderada a grave

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Gil Benard
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:05/57761-7
Vigência: 01 de setembro de 2006 - 31 de agosto de 2008
Assunto(s):Imunidade celularPsoríaseTuberculose
Resumo
Um crescente número de pacientes com condições autoimunes e/ou inflamatórias, como artrite reumatóide, doença de Crohn, espondilite anquilosante, psoríase etc., tem se beneficiado muito com a utilização de agentes biológicos, como anti-TNF-alfa. No entanto, tem sido relatado um aumento da incidência de reativação de tuberculose (TB) em pacientes tratados com estes agentes. O propósito de nosso estudo é avaliar, em uma área de alta endemicidade para TB, a resposta imune anti-Mycobacterium tuberculosis em pacientes portadores de psoríase moderada à grave, potenciais candidatos à terapia com agentes biológicos. Os pacientes serão agrupados de acordo corna reatividade ao teste de hipersensibilidade tardia a tuberculina (PPD) e a resposta imune anti-Mycobacterium tuberculosis será avaliada in vitro com a utilização de antígeno bruto (sonicado da Mycobacterium tuberculosis) e antígenos purificados (ESAT-6 e 85B) da micobactéria. Será utilizado um grupo controle de indivíduos sadios reatores ao PPD. Os parâmetros avaliados serão a resposta linfoproliferativa e a produção de IFN-gama e TNF-alfa in vitro por meio de duas metodologias complementares: ELISA e ELISPOT. Os ensaios in vitro serão realizados na presença ou ausência de inibidores do TNF-alfa como infliximab e eternacept, e os resultados das diferentes condições experimentais comparados entre si e entre os grupos controle e de pacientes. (AU)

Rastreamento bioguiado de quimioprevenção de Eugenia jambolana, Garcinia xantochimus e Alchornea glandulosaem linhagem de hepatocarcinoma celular (HepG2 e HEPA1C1C7)

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Christiane Pienna Soares
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise Toxicológica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:10/00492-2
Vigência: 01 de fevereiro de 2010 - 31 de outubro de 2011
Assunto(s):GenotoxicidadeProdutos naturaisQuimioprevenção
Resumo
A variabilidade das regiões geográficas brasileiras favorece o desenvolvimento de diferentes espécies vegetais, o que estimula o estudo na busca de novos agentes bioativos. Dentre as espécies escolhidas para investigação de seu possível efeito quimiopreventivo estão as que pertencem ao gênero Eugenia e Alchornea, que por sua vez são amplamente reconhecidas por conter substâncias fenólicas com potencial efeito antioxidante, antiinflamatório, analgésico, antipirético, antifúngico e efeitos citotóxicos no desenvolvimento de algumas linhagens de células cancerígenas. A outra espécie escolhida (Garcinia) para o presente estudo pertencente a família Clusiaceae, e seu perfil químico revela a presença de xantonas, flavonóides, fenóis e acridonas como principais grupos de metabólitos especiais, apresentando atividade analgésica, antibacteriana, antioxidante, antiviral e antitumoral. O presente estudo tem por objetivo realizar o rastreamento bioguiado para atividade de quimioprevenção em extratos, frações semipurificadas e principalmente, de substâncias puras isoladas de Eugenia jambolana, Garcinia xanthochymus e Alchornea glandulosa como parte da bioprospecção de produtos naturais. Até o momento não existem estudos sobre a capacidade de quimiprevenção dessas espécies vegetais. No presente estudo será avaliada a indução da enzima quinona-redutase em células de hepatocarcinoma murino (Hepa 1c1c7); e a genotoxicidade/antigenotoxicidade em células de hepatocarcinoma humano (HepG2) competentes para metabolização de xenobióticos, através do ensaio do cometa. (AU)

Treinamento técnico para manutenção e bionesaios em laboratório com formigas cortadeiras

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Odair Correa Bueno
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Zoologia Aplicada
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:10/01515-6
Vigência: 01 de março de 2010 - 28 de fevereiro de 2011
Assunto(s):Formigas cortadeirasToxicidadeBioensaio
Resumo
BOLSA TT-2Bolsista 4:O bolsista 4 deverá atuar nos laboratórios de bioensaios e criação de formigas do Centro de Estudos de Insetos Sociais da UNESP - Rio Claro sob a responsabilidade do professor Dr. Odair Corrêa Bueno.PLANO DE TRABALHO, METODOLOGIA:O bolsista deverá contribuir na execução dos estudos em andamento no Centro de Estudos de Insetos Sociais (CEIS) da UNESP - Rio Claro relacionado ao projeto temático de equipe "CONTROLE DE FORMIGAS CORTADEIRAS, ESTUDOS INTEGRADOS" sendo treinada nas tarefas abaixo:1. Contribuir para realização de ensaios de produtos naturais e sintéticos baseados em produtos naturais em formigas cortadeiras, Atta sexdens rubropilosa, e participar da manutenção dos ninhos das formigas.2. Na tarefa de ensaios o bolsista deverá ser treinado em preparações das dietas artificiais e naturais e na realização dos ensaios. 3. Realizar análise estatística dos resultados obtidos, recebendo treinamento nesta área.4. Organizar os laboratórios de ninhos e ensaios de formigas, mantendo os ninhos diariamente e preparando soluções e dietas de uso comum. Neste treinamento espera-se que ao final do mesmo o bolsista possa ser responsável pelo andamento técnico do laboratório Espera-se também que ele tenha completo domínio em prepara de soluções inorgânicas e orgânicas.5. Manter organizado o almoxarifado. O bolsista deverá neste tópico poder, ao final do treinamento, controlar o almoxarife tanto em estoque quanto informando os materiais a serem adquiridos, assim como fazer levantamento de preços. (AU)

Ensaios de bancada aplicados ao isolamento de substâncias com atividades antifúngica e antitumoral

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Vanderlan da Silva Bolzani
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:09/00312-7
Vigência: 01 de março de 2009 - 31 de agosto de 2010
Assunto(s):Mata atlânticaCerradoPlantas nativasBioquímica
Resumo
O programa de atividades descrito abaixo compreende atividades rotineiras que exigem trabalho cuidadoso por técnicos de nível superior. As atividades visam subsidiar as três metas principais do projeto "CONSERVAÇÃO E USO SUSTENTÁVEL DA DIVERSIDADE DO CERRADO E DA MATA ATLÂNTICA: DIVERSIDADE QUÍMICA E BIO PROSPECÇÃO DE FÁRMACOS - FASE II", financiado pela FAPESP e em andamento nos laboratórios de Produtos Naturais do Instituto de Química da UNESP/Araraquara e da Seção de Fisiologia e Bioquímica do Instituto de Botânica/SMA-SP: (1) Busca de produtos naturais bioativos em espécies de Cerrado e da Mata Atlântica do Estado de São Paulo; (2) seleção de extratos de plantas e fungos através de bioensaios para a detecção de substâncias com potencial anticancerígeno, antifúngico, anticolinesterásico, antioxidante e antimalárico; (3) cultivo de plantas selecionadas visando estudos fisiológicos e químicos. (AU)

Avaliação da atividade de quimioprevenção e genotoxicidade/antigenotoxicidade

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Dulce Helena Siqueira Silva
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise Toxicológica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:09/07497-2
Vigência: 01 de maio de 2009 - 28 de fevereiro de 2010
Assunto(s):BioprospecçãoGenotoxicidadeProdutos naturaisQuimioprevençãoCitologia
Resumo
A quimioprevenção do câncer é feita pela prevenção, atraso ou reversão do processo de carcinogênese através da ingestão de compostos na dieta ou fármacos. Estratégias para a proteção contra carcinogênese envolvem a diminuição de enzimas responsáveis pela geração de espécies reativas (enzimas de fase 1) enquanto aumentam enzimas de fase 2 com o uso de substâncias naturais. Danos causados ao DNA por mutagênicos ambientais podem ser nocivos para diversos organismos, incluindo seres humanos. O acúmulo de mutações está relacionado com o desenvolvimento da maioria dos tumores malignos e desordens degenerativas. A fim de prevenir o risco genotóxico, é pertinente tanto identificar os mutagênicos e diminuir a exposição a eles, bem como aumentar a exposição a compostos antigenotóxicos como os que ocorrem naturalmente nas plantas. O estudo de produtos naturais com o ensaio da quinona redutase (QR) e do cometa é de fundamental importância para o descobrimento e desenvolvimento de novas substâncias capazes de prevenir o câncer. Nesse contexo, sera implantada metodologia para avaliacao de atividade quimiopreventiva pela verificacao da inducao de quinona-redutase e pelo ensaio do cometa. Para tanto serao preparadas as soluções utilizadas nos ensaios; Cultivo/manutencao de células de hepatoma murino Hepa 1c1c7 e hepatoma humano HepG2 utilizadas nos ensaios; avaliacao de substancias naturais fornecidas pelos laboratorios associados ao projeto tematico. (AU)

Síntese fragmento c10-c26 da dictiostatina e síntese total da okinonelina b

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luiz Carlos Dias
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:05/04537-2
Vigência: 01 de abril de 2006 - 31 de março de 2010
Assunto(s):AntibióticosSíntese orgânica
Resumo
A macrolactona dictiostatina apresenta potente atividade antitumoral, inibindo a proliferação de células cancerígenas em concentração nanomolar,3 exibindo atividade antiproliferativa superior a do (+)-discodermolideo (ED50 0,38nM, P388 células de leucemia).Nosso objetivo principal é promover uma síntese curta e eficiente para a dictiostatina, que possa fornecer maiores quantidades deste produto natural, além de derivados com potencial atividade farmacológica. O objetivo específico desta parte do projeto de pesquisas é a síntese do fragmento C10-C26 da dictiostatina. O aluno Ilton Barros Daltro de Castro estará trabalhando em conjunto com outra aluna de doutoramento, Caroline da Costa Silva Gonçalves, que estará trabalhando na síntese do fragmento C1-C17 da dictiostatina e cuja bolsa de doutorado está sendo solicitada na FAPESP. A segunda parte deste trabalho consiste em investigar uma rota sintética curta e eficiente para a obtenção da okinonelina-B. Este produto natural apresenta uma variedade de atividades biológicas, dentre elas antibacteriana, citotóxica e antiespasmódica (AU)

Produção de compostos de aroma através da biotransformação de monoterpenos por Pseudomonas SP

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Glaucia Maria Pastore
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:13/00338-1
Vigência: 01 de fevereiro de 2013 - 31 de julho de 2013
Assunto(s):PseudomonasTerpenosBiotransformaçãoBiotecnologia
Resumo
O aroma é responsável por grande parte do sabor de um alimento, sendo considerado um dos atributos mais importantes na aceitação do produto pelo consumidor. Atualmente, a crescente demanda do mercado consumidor por produtos naturais e saudáveis tem levado a maior utilização e pesquisa de processos biotecnológicos para síntese dos chamados bioaromas, que são aromas classificados como naturais. Os processos de biocatálise e biotransformação seletiva por micro-organismos possibilitam a conversão de terpenos em compostos de aroma de alto valor agregado, com possível aplicação nas indústrias de alimentos, cosmética e farmacêutica. Os terpenos são os responsáveis pelo aroma dos óleos essenciais, além de serem ótimos substratos para conversões estereoespecíficas. Estes já vêm sendo utilizados pela indústria de aromas, sendo geralmente rejeitos industriais que não possuem alto valor agregado, economicamente viável para aplicação em bioconversões. Enquanto que os micro-organismos são capazes de se adaptar a novos ambientes e metabolizar substâncias estranhas em fontes de carbono e nitrogênio pela transformação de grupos funcionais da molécula, resultando na formação de novos compostos de interesse. Os estudos pioneiros da utilização de terpenos como única fonte de carbono utilizaram linhagens de Pseudomonas sp. como agentes biológicos, sendo posteriormente utilizados em outros estudos de bioconversão de terpenos com resultados significativos. Assim essa classe de micro-organismos representa um grande potencial na produção de bioaromas. Desta forma, os objetivos do projeto serão isolar micro-organismos em meio seletivo para Pseudomonas sp. bem como avaliar seu potencial na biotransformação de monoterpenos (a-pineno, R-limoneno e citronelol), e avaliar os compostos obtidos através da Cromatografia Gasosa acoplada a Espectrometria de Massa (CG-EM). (AU)

Síntese e avaliação biológica da Brevipolida a e compostos relacionados

Beneficiário:
Instituição: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ronaldo Aloise Pilli
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Processo:13/16174-8
Vigência: 01 de abril de 2014 - 31 de março de 2015
Resumo
O projeto propõe a síntese da brevipolida A (1), policetídeo isolado de Hyptis brevipes, baseada em uma proposta modular envolvendo o acoplamento dos fragmentos I-III. A ausência de síntese total para este produto natural e o interesse em investigar a sua possível atividade citotóxica e de inibição de fosfatases, bem como de algumas diidropiran-2-onas alfa,beta-insaturadas a serem preparadas a partir de intermediários sintéticos e de outros representantes dessa família de produtos naturais, justificam a apresentação desta proposta (AU)

Produção de compostos de aromas através da biotransformação de monoterpenos por Pseudomonas SP

Beneficiário:
Instituição: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Glaucia Maria Pastore
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:11/17149-1
Vigência: 01 de outubro de 2011 - 30 de abril de 2012
Assunto(s):PseudomonasTerpenosBiotransformaçãoBiotecnologia
Resumo
O aroma é responsável por grande parte do sabor de um alimento, sendo considerado um dos atributos mais importantes na aceitação do produto pelo consumidor. Atualmente, a crescente demanda do mercado consumidor por produtos naturais e saudáveis tem levado a maior utilização e pesquisa de processos biotecnológicos para síntese dos chamados bioaromas, que são aromas classificados como naturais. Os processos de biocatálise e biotransformação seletiva por micro-organismos possibilitam a conversão de terpenos em compostos de aroma de alto valor agregado, com possível aplicação nas indústrias de alimentos, cosmética e farmacêutica. Os terpenos são os responsáveis pelo aroma dos óleos essenciais, além de serem ótimos substratos para conversões estereoespecíficas. Estes já vêm sendo utilizados pela indústria de aromas, sendo geralmente rejeitos industriais que não possuem alto valor agregado, economicamente viável para aplicação em bioconversões. Enquanto que os micro-organismos são capazes de se adaptar a novos ambientes e metabolizar substâncias estranhas em fontes de carbono e nitrogênio pela transformação de grupos funcionais da molécula, resultando na formação de novos compostos de interesse. Os estudos pioneiros da utilização de terpenos como única fonte de carbono utilizaram linhagens de Pseudomonas sp. como agentes biológicos, sendo posteriormente utilizados em outros estudos de bioconversão de terpenos com resultados significativos. Assim essa classe de micro-organismos representa um grande potencial na produção de bioaromas. Desta forma, os objetivos do projeto serão isolar micro-organismos em meio seletivo para Pseudomonas sp. bem como avaliar seu potencial na biotransformação de monoterpenos (a-pineno, R-limoneno e citronelol), e avaliar os compostos obtidos através da Cromatografia Gasosa acoplada a Espectrometria de Massa (CG-EM). (AU)
Página 12 de 1.524 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s) | Limpar seleção
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP