site da FAPESP
 

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Publicações científicas
Auxílios à Pesquisa
Bolsas
Programas voltados a Temas Específicos
Programas de Pesquisa direcionados à Aplicação
Programas de Infraestrutura de Pesquisa
Área do conhecimento
Situação
Ano de início
Página 12 de 1.671 resultado(s)
|

Gordon research conference marine Natural Products: from discovery to human health

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Associação Brasileira de Tecnologia de Luz Síncrotron (ABTLuS). Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (Brasil). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Daniela Barretto Barbosa Trivella
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Reunião - Exterior
Processo:14/01173-9
Vigência: 01 de março de 2014 - 10 de março de 2014
Assunto(s):Produtos naturaisBiossíntese

A aromaticidade da 1,4 benzoquinona

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Sergio Emanuel Galembeck
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:09/08635-0
Vigência: 01 de agosto de 2009 - 31 de julho de 2010
Assunto(s):Produtos naturaisQuímica teórica
Resumo
O objetivo desse plano de pesquisa é a investigação da estrutura eletrônica e da aromaticidade da 1,4 benzoquinona, de suas formas protonadas, oxidadas ou formando ligações de hidrogênio. (AU)

Estratégias para síntese de produtos naturais e análogos com atividade anti-cancerígena envolvendo reações multi-componentes organocatalisadas

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Arlene Gonçalves Corrêa
Pesquisador visitante: Daniel Garcia Rivera
Instituição do pesquisador visitante: Universidad de La Habana (UH) (Cuba)
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Processo:13/21599-8
Vigência: 05 de abril de 2014 - 02 de agosto de 2014
Assunto(s):Síntese orgânicaQuímica VerdeAntineoplásicosOrganocatálise
Resumo
Esta proposta descreve os objetivos, metas e resultados esperados da visita do Prof. Dr. Daniel García Rivera ao Departamento de Química da UFSCar. O Dr. Rivera é Professor Associado na Universidade de Havana e chefe do Laboratório de Química Biorgânica no Centro de Estudos de Produtos Naturais de Cuba. Nos últimos anos, ele também atuou como Pesquisador Visitante no Leibniz Institute of Plan Biochemistry, Alemanha, dirigindo projetos científicos e na supervisão de alunos de pós-graduação. Ele tem trabalhado nas seguintes linhas de pesquisa: reações multicomponentes, química de esteroides e síntese de pseudo-peptídeos derivados de produtos naturais e macrociclos com aplicações biológicas ou químicas. Esta presente proposta envolve a visita do Prof. Rivera por 4 meses no DQ-UFSCar. Durante este período ele irá atuar em pesquisa envolvendo reações multicomponentes organocatalisadas para a síntese de produtos naturais e análogos que serão posteriormente avaliados frente a atividade anticancerígena. Ele também irá atuar em ensino ministrando um minicurso para os alunos de pós-graduação. (AU)

Plano anual de recursos para infraestrutura institucional de pesquisa do CPQBA 2014

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas (CPQBA). Coordenadoria de Centros e Núcleos Disciplinares (COCEN). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Paulínia, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ivo Milton Raimundo Junior
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Reserva Técnica para Infra-estrutura Institucional de Pesquisa
Processo:14/22852-1
Vigência: 01 de dezembro de 2014 - 30 de novembro de 2015
Resumo
O plano anual de aplicação dos recursos da reserva técnica institucional contempla ações de suporte à infraestrutura do CPQBA, que beneficia todas as suas Divisões de Pesquisa (Química de Produtos Naturais; Química Orgânica e Farmacêutica; Agrotecnologia; Recursos Microbianos; Microbiologia; Farmacologia e Toxicologia; Bioprocessos e Química Analítica), que atuam nas seguintes linhas: atividades farmacológica e toxicológica de produtos naturais, fitotecnia e domesticação, melhoramento e cultivo de plantas medicinais, otimização pós-colheita, síntese e semi-síntese de compostos bioativos, moléculas bioativas de produtos naturais, ação antimicrobiana de produtos naturais, conservação de recursos genéticos vegetais e microbianos, genômica e metagenômica microbiana, microbiologia aplicada ao ambiente, agricultura e processos fermentativos, sistemática e ecologia molecular microbiana, resíduos de pesticidas em água, solo e alimentos, dentre outras.Este projeto tem por objetivo prover a infraestrutura de rede necessária para a conexão da Divisão de Farmacologia e Tecnologia à rede do CPQBA e a substituição da linha de gases do Laboratório de Instrumentação (LINST). (AU)

Investigação de compostos fotoproteteros de microalgas marinhas

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Pio Colepicolo Neto
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:09/17641-3
Vigência: 01 de fevereiro de 2010 - 31 de agosto de 2010
Assunto(s):Produtos naturais
Resumo
Descrição: Objetivos: Isolar e caracterizar compostos fotoprotetores denominados de aminoácidos tipo micosporinas (MAAs, "Mcosporine-like Amino Acids") encontrados em microalgas e estudar suas funções nestes organismos. (AU)

Avaliação da ação sistêmica de amêndoas de NIM (Azadirachta indica) no controle da traça-das-crucíferas (Plutella xylostella) (L.1758) (Lepidoptera: Plutellidae)

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Arlindo Leal Boica Junior
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:00/14951-7
Vigência: 01 de março de 2001 - 31 de dezembro de 2001
Assunto(s):RepolhoAzadirachta indicaProdutos naturais

Perfil químico e fitotóxico das raízes de plantas presentes na mina do Sossego-PA

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Thiago André Moura Veiga
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:14/20339-5
Vigência: 01 de outubro de 2014 - 30 de setembro de 2015
Convênio/Acordo de cooperação com a FAPESP: Vale-FAPEMIG-FAPESPA
Assunto(s):FotossínteseProdutos naturaisQuímica de produtos naturais
Resumo
Os produtos naturais, quando empregados como herbicidas, destroem o tecido vegetal através da ação de contato, apresentando ação rápida e em alguns casos, requerem menos de meia hora para que a planta alvo se torne vulnerável a estes compostos. O uso de produtos naturais como protótipos para descoberta de herbicidas é uma área que está sendo explorada lentamente, talvez pela pequena quantidade de pesquisadores na área, falta de trabalhos em biotecnologia de produção de herbicidas naturais, ou mesmo falta de ensaios que permitam conhecer o mecanismo de ação dos metabólitos. Nessa proposta, estudar-se-á o potencial fitotóxico de substâncias produzidas e isoladas a partir das raízes de plantas presentes em áreas de mineração da região da Mina do Sossego - Canaã dos Carajás - PA. O objetivo principal será a obtenção de modelos para novos herbicidas naturais que poderão ser patenteados e com possibilidade de abrir novas perspectivas de negócios. Alguns relatos mostram que metais presentes no solo podem alterar o metabolismo dos vegetais, aumentando ou diminuindo o potencial fitotóxico de exsudados radiculares, devendo este aspecto ser alvo de estudo. As substâncias isoladas serão submetidas a uma série de reações enzimáticas que esclarecerão seu (s) mecanismo (s) de ação frente à fotossíntese em cloroplastos de espinafre e aquelas com potenciais herbicidas para serem aplicadas em campo deverão sofrer modificações estruturais e/ou formulações para sua utilização. (AU)

Química de plantas da região da Mina do Sossego - PA

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Thiago André Moura Veiga
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:14/21970-0
Vigência: 01 de novembro de 2014 - 31 de outubro de 2015
Convênio/Acordo de cooperação com a FAPESP: Vale-FAPEMIG-FAPESPA
Assunto(s):FotossínteseProdutos naturaisQuímica de produtos naturais
Resumo
Os produtos naturais, quando empregados como herbicidas, destroem o tecido vegetal através da ação de contato, apresentando ação rápida e em alguns casos, requerem menos de meia hora para que a planta alvo se torne vulnerável a estes compostos. O uso de produtos naturais como protótipos para descoberta de herbicidas é uma área que está sendo explorada lentamente, talvez pela pequena quantidade de pesquisadores na área, falta de trabalhos em biotecnologia de produção de herbicidas naturais, ou mesmo falta de ensaios que permitam conhecer o mecanismo de ação dos metabólitos. Nessa proposta, estudar-se-á o potencial fitotóxico de substâncias produzidas e isoladas a partir das raízes de plantas presentes em áreas de mineração da região da Mina do Sossego - Canaã dos Carajás - PA. O objetivo principal será a obtenção de modelos para novos herbicidas naturais que poderão ser patenteados e com possibilidade de abrir novas perspectivas de negócios. Alguns relatos mostram que metais presentes no solo podem alterar o metabolismo dos vegetais, aumentando ou diminuindo o potencial fitotóxico de exsudados radiculares, devendo este aspecto ser alvo de estudo. As substâncias isoladas serão submetidas a uma série de reações enzimáticas que esclarecerão seu (s) mecanismo (s) de ação frente à fotossíntese em cloroplastos de espinafre e aquelas com potenciais herbicidas para serem aplicadas em campo deverão sofrer modificações estruturais e/ou formulações para sua utilização. (AU)

Busca de produtos naturais microbianos utilizando a metagenômica

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Mônica Tallarico Pupo
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Processo:12/16139-5
Vigência: 01 de novembro de 2012 - 30 de abril de 2015
Assunto(s):Produtos naturaisMetagenômicaBiologia molecular
Resumo
Nas últimas décadas houve um aumento significativo da busca por novas substâncias bioativas para o controle das mais diversas doenças, e neste contexto, os micro-organismos, especialmente aqueles pouco estudados ganharam destaque. Este projeto tem como proposta principal utilizar a metagenômica como uma ferramenta para a obtenção de produtos naturais microbianos bioativos a partir de micro-organismos de solo cultiváveis e não-cultiváveis, sendo esta, uma nova abordagem na busca de compostos naturais bioativos. A utilização da metagenômica para prospecção microbiana se torna uma promissora ferramenta na química de produtos naturais, uma vez que permite o acesso a uma biodiversidade ainda não explorada. Neste projeto, será isolado o eDNA (DNA ambiental, do inglês "environmental DNA") de micro-organismos cultiváveis e não-cultivaveis de solo de mata atlântica coletado na reserva do Parque Estadual de Vassununga, em Santa Rita do Passa Quatro, SP. Serão utilizadas técnicas de biologia molecular para o estudo do potencial químico/biológico destes micro-organismos, como a construção das bibliotecas a partir do eDNA e triagens fenotípica, antimicrobianas e baseadas em homologia a partir de primers para regiões conservadas de genes policetídeos sintases tipo I e II (PKS I e II). Os extratos e compostos isolados serão avaliados quanto ao potencial antimicrobiano in vitro. (AU)

Estudo químico e investigação do potencial esquistossomicida da ascídia Trididemnum orbiculatum

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Coordenadoria Adjunta de Graduação. Universidade de Franca (UNIFRAN). Franca, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ana Helena Januário
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:14/15483-0
Vigência: 01 de dezembro de 2014 - 30 de novembro de 2015
Assunto(s):Produtos naturaisQuímica de produtos naturaisUrocordados
Resumo
Neste projeto pretende-se realizar a investigação química do extrato metanólico da ascídia Trididemnum orbiculatum (Didemnidae), uma espécie abundante em todo o Canal de São Sebastião, uma área de alta biodiversidade para pesquisas marinhas. Esta região marinha foi selecionada para estudo, dentro do Projeto de Pesquisa "Produtos Naturais de Ascidias Brasileiras para Doenças Tropicais Negligenciadas" (CAPES Processo n. 23038.009588/2013-68). Segundo dados de literatura, existem poucos relatos descritos sobre estudos químicos e avaliação biológica para a espécie selecionada. Nenhuma informação foi encontrada sobre a investigação do potencial esquistossomicida in vitro de T.orbiculatum, portanto, a abordagem química proposta neste projeto será biomonitorada quanto a esta atividade. O ensaio esquistossomicida será realizado avaliando-se o ciclo de vida do vetor Schistosoma mansoni. As metodologias de análise a serem utilizadas, envolverão técnicas de separação cromatográfica (CC e CLAE/DAD) e a caracterização estrutural dos compostos isolados será realizada empregando métodos espectroscópicos como RMN1H e RMN13C uni e bi-dimensionais. O objetivo principal deste projeto será identificar substâncias naturais de origem marinha com potencial esquitossomicida, além de contribuir para a formação de recursos humanos na área de produtos naturais marinhos no país. (AU)

Avaliação de possíveis efeitos regulatórios de extrato de alecrim do campo sobre via glicolítica de Streptococcus mutans

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Augusto César Cropanese Spadaro
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise e Controle de Medicamentos
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:06/56573-5
Vigência: 01 de outubro de 2006 - 30 de setembro de 2007
Assunto(s):Baccharis dracunculifoliaStreptococcus mutans
Resumo
O microrganismo Streptococcus mutans é considerado um dos principais desencadeadores do processo de formação da cárie dental pois é capaz de catabolizar carboidratos fermentáveis da dieta alimentar através da via glicolítica, levando à formação de ácidos que provocam a desmineralização da estrutura mineral dos dentes. Além de seu caráter acidogênico, o S. mutans apresenta caráter acidúrico, pois ao contrário de outras espécies da microbiota bucal, é capaz de tolerar e se desenvolver em biofilme dental acídico, graças a sistemas versáteis de extrusão de prótons H+ mediados por ATPases de membrana. O desenvolvimento de resistência destes microrganismos a antimícrobianos usuais tem estimulado a pesquisa de produtos naturais como fonte de novos medicamentos. Recentemente, demonstramos que extratos apolares das folhas de Baccharis dracunculifolia (alecrim-do-campo), um arbusto nativo do Brasil, apresentaram efeitos inibitórios significativos sobre a produção de ácidos em S. mutans. No presente projeto, propomos a extensão destes estudos, selecionando os extratos de B. dracunculifolia com a referida atividade biológica para investigar, através de métodos enzimáticos, os possíveis mecanismos inibitórios / regulatórios que estes produtos naturais possam exercer sobre as vias metabólicas de S. mutans. A obtenção de resultados que confirmem a atividade terapêutica destes extratos contribuirá para reforçar a proposta de aplicação desta matéria-prima vegetal em formulações de uso odontológico. (AU)

A reação de Diels-Alder de para-benzoquinonas e suas mono-oximas: um estudo teórico e experimental

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Timothy John Brocksom
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:02/00483-7
Vigência: 01 de março de 2002 - 31 de dezembro de 2003
Resumo
A reação de Diels-Alder de para-benzoquinonas é estudada desde a descoberta desta reação, enquanto que a reatividade de seus derivados praticamente não foi investigada. Recentemente decidimos estudar as reações de Diels-Alder de derivados nitrogenados de timoquinona, com o intuito de complementar os nossos estudos com a própria timoquinona, e inclusive sofisticar o componente dienófilo para incorporação em sínteses enantiosseletivas de produtos naturais de origem terpênica. Entretanto os resultados experimentais destas-reações são negativos, enquanto a timocluinona reage de forma espetacular. Visando compreender esta diferença tão marcante de reatividade e, desse modo, se possível, predizer modificações estruturais que, mantendo as funções nitrogenadas necessárias à síntese dos produtos naturais de origem terpênica pretendidos, recuperem a desejada reatividade da reação de Diels-Alder, decidimos estudar teoricamente essas reações. Tais estudos envolverão cálculos de orbitais moleculares de fronteira (FMO) e seus correspondentes coeficientes, bem como de descritores globais e locais de reatividade química derivados da teoria do funcional de densidade (funções de Fukui, os conceitos de dureza e moleza, HSAB, etc.) dos dienos e dienófilos. (AU)

Síntese de produtos naturais de interesse biológico

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Mauricio Gomes Constantino
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo:07/53589-0
Vigência: 01 de novembro de 2007 - 31 de outubro de 2009
Assunto(s):Pentacloreto de nióbio
Resumo
O projeto consta de 3 linhas relativamente independentes, mas relacionadas entre si. 1. Estudos sobre a síntese de furanoeliangolidos através da reação de Diels-Alder: o objetivo é de desenvolver metodologia sintética para a preparação de furanoeliangolidos, que são produtos naturais (lactonas sesquiterpênicas) de grande interesse por apresentarem variada atividade biológica. Boa parte dos furanoeliangolidos conhecidos provêm de plantas brasileiras. O uso da reação de Diels-Alder não é obrigatório, mas em nossos estudos anteriores verificamos que esta reação constitui um método eficaz para a construção da estrutura básica dessas moléculas. 2. Estudos sobre a utilização de pentacloreto de nióbio como ácido de Lewis em síntese orgânica: o objetivo é de investigar as possibilidades de utilizar este importante produto brasileiro (o Brasil detém as maiores reservas mundiais de nióbio) em sínteses orgânicas. O pentacloreto de nióbio, conforme já demonstramos em estudos anteriores, pode ser um eficiente ácido de Lewis para muitas reações orgânicas. Recentemente (J. Org. Chem. 2006, 71, 9880-9883) demonstramos que uma reação de Diels-Alder (útil para preparar bakkanos), que não se processa na ausência de catalisadores, pode ser efetuada com certa facilidade utilizando NbCl5 como catalisador, o que nos permitiu realizar uma síntese de bakkenolida A. 3. Estudos sobre utilização do reagente de Stryker em síntese orgânica: o objetivo é de estudar o escopo e as limitações deste novo reagente, que apresenta a notável propriedade (que pode ser muito útil em síntese orgânica) de promover adição conjugada de hidreto a compostos carbonílicos alfa-beta-insaturados. (AU)

Hibridação molecular como ferramenta para a obtenção de derivados tiopiridinicos como inibidores de acetilcolinesterase

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Vanderlan da Silva Bolzani
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:07/57991-8
Vigência: 01 de setembro de 2008 - 28 de fevereiro de 2010
Assunto(s):AlcaloidesAcetilcolinesteraseSistema nervoso centralProdutos naturais
Resumo
O projeto em pauta está inserido numa das linhas de pesquisa do NuBBE, a química medicinal de produtos naturais e derivados sintéticos planejados por hibridação molecular de análogos naturais e sintéticos objetivando substâncias inéditas com ação farmacológica no Sistema Nervoso Central e como inibidores de acetilcolinesterase. Na presente pesquisa o objetivo é a obtenção de novos derivados sintéticos inibidores de aceticolinesterase utilizando a hibridação molecular como ferramenta de suporte aos derivados que serão planejados e sintetizados. As substâncias utilizadas como modelo molecular para a hibridação molecular são derivados de substâncias naturais derivatizadas no NuBBE (PCT-WO2006/039763 A1) e da tacrina, um medicamento utilizado para o tratamento da Doença de Alzheimer. Durante o estágio de IC (Bolsa CNPq -Balcão) da candidata a bolsa de MS foram planejados dois derivados com rendimentos excelentes e forte atividade inibitória da acetilcolinesterase. Partindo-se dos mesmos precursores serão planejados uma série molecular de 3 derivados sintéticos adicionais e de modificações nas suas estruturas moleculares. (AU)

Produção de compostos de aroma através da biotransformação de monoterpenos por Pseudomonas SP

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Glaucia Maria Pastore
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:13/00338-1
Vigência: 01 de fevereiro de 2013 - 31 de julho de 2013
Assunto(s):TerpenosBiotransformaçãoBiotecnologiaPseudomonas
Resumo
O aroma é responsável por grande parte do sabor de um alimento, sendo considerado um dos atributos mais importantes na aceitação do produto pelo consumidor. Atualmente, a crescente demanda do mercado consumidor por produtos naturais e saudáveis tem levado a maior utilização e pesquisa de processos biotecnológicos para síntese dos chamados bioaromas, que são aromas classificados como naturais. Os processos de biocatálise e biotransformação seletiva por micro-organismos possibilitam a conversão de terpenos em compostos de aroma de alto valor agregado, com possível aplicação nas indústrias de alimentos, cosmética e farmacêutica. Os terpenos são os responsáveis pelo aroma dos óleos essenciais, além de serem ótimos substratos para conversões estereoespecíficas. Estes já vêm sendo utilizados pela indústria de aromas, sendo geralmente rejeitos industriais que não possuem alto valor agregado, economicamente viável para aplicação em bioconversões. Enquanto que os micro-organismos são capazes de se adaptar a novos ambientes e metabolizar substâncias estranhas em fontes de carbono e nitrogênio pela transformação de grupos funcionais da molécula, resultando na formação de novos compostos de interesse. Os estudos pioneiros da utilização de terpenos como única fonte de carbono utilizaram linhagens de Pseudomonas sp. como agentes biológicos, sendo posteriormente utilizados em outros estudos de bioconversão de terpenos com resultados significativos. Assim essa classe de micro-organismos representa um grande potencial na produção de bioaromas. Desta forma, os objetivos do projeto serão isolar micro-organismos em meio seletivo para Pseudomonas sp. bem como avaliar seu potencial na biotransformação de monoterpenos (a-pineno, R-limoneno e citronelol), e avaliar os compostos obtidos através da Cromatografia Gasosa acoplada a Espectrometria de Massa (CG-EM). (AU)

Síntese do fragmento anidrido da tautomicetina

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luiz Carlos Dias
Local de pesquisa: Ecole Nationale Supérieure de Chimie de Montpellier (ENSCM) (França)
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Processo:12/11220-9
Vigência: 01 de setembro de 2012 - 28 de fevereiro de 2013
Assunto(s):Produtos naturais
Resumo
A tautomicetina (TTN) é um policetídeo natural isolado em 1989 a partir de Streptomyces griseochromogenes. TTN é o inibidor mais seletivo para PP-1 (proteína serina/treonina fosfatase tipo 1) conhecido atualmente e também um inibidor potente da proteína tirosina fosfatase-2 (SHP2). As proteínas fosfatases vêm sendo estudadas como uma nova estratégia para terapia do câncer. Propomos desenvolver uma rota sintética convergente com a qual poderemos obter quantidades significativas deste produto natural para mais investigações de sua atividade biológica, assim como, permitir a obtenção de análogos mais simples planejados racionalmente. (AU)

Síntese total de um sesquiterpeno

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luiz Fernando da Silva Júnior
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:13/05179-9
Vigência: 01 de junho de 2013 - 31 de maio de 2015
Assunto(s):Síntese orgânica
Resumo
Uma nova proposta para a síntese racêmica de um sesquiterpeno utilizando como etapa chave uma reação de contração de anel promovida por iodo(III) desenvolvida em nosso grupo é apresentada. Em dez etapas a partir de um material de partida disponível comercialmente - 5-metóxi-1-tetralona - poderemos chegar em um produto natural que não teve a sua síntese descrita até o momento. O produto natural, bem como intermediários sintéticos avançados contendo o esqueleto indânico, deverão ter sua atividade anti-tumoral avaliada no laboratório do Prof. J. E. de Carvalho, da UNICAMP. (AU)

Síntese e avaliação biológica da Brevipolida a e compostos relacionados

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ronaldo Aloise Pilli
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Processo:13/16174-8
Vigência: 01 de abril de 2014 - 31 de março de 2015
Resumo
O projeto propõe a síntese da brevipolida A (1), policetídeo isolado de Hyptis brevipes, baseada em uma proposta modular envolvendo o acoplamento dos fragmentos I-III. A ausência de síntese total para este produto natural e o interesse em investigar a sua possível atividade citotóxica e de inibição de fosfatases, bem como de algumas diidropiran-2-onas alfa,beta-insaturadas a serem preparadas a partir de intermediários sintéticos e de outros representantes dessa família de produtos naturais, justificam a apresentação desta proposta (AU)

Estudo fitoquímico e avaliação das atividades antimalárica, antimicrobiana e de inibição da enzima acetilcolinesterase de espécies nativas do Cerrado do Estado de São Paulo

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Pró-Reitoria Adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação. Universidade de Franca (UNIFRAN). Franca, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ana Helena Januário
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:08/05197-9
Vigência: 01 de agosto de 2008 - 31 de julho de 2009
Assunto(s):Química de produtos naturaisMetabólitos secundáriosCerradoPlantas medicinais
Resumo
O programa de atividades do bolsista inclue: Preparação dos extratos brutos das espécies vegetais em estudo; Recuperação de sílica gel 60 para cromatografia em coluna; Preparação de placas para Cromatografia em Camada Delgada Comparativa e preparativa (CCDC e CCDP); Preparo de soluções, Preparação de reveladores para Cromatografia em Camada Delgada; Gerenciamento dos equipamentos do Laboratório de Produtos Naturais tais como: rotaevaporadores, banho de refrigeração e banho de ultrasom; Recebimento, estocagem e controle de reagentes e solventes; Treinamento na operação do Cromatógrafo Líquido de Alta Eficiência Shimadzu, Modelo Prominence LC-6AD com detector UV-visível SPA-20 A e Treinamento na operação do Espectrofotômetro DAD UV-visível HP modelo 8453 (AU)

Fotossensibilizadores naturais em terapia fotodinâmica: prospecção químico-farmacológica em espécies vegetais e desenvolvimento de procedimentos analíticos

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Marcos José Salvador
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacognosia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:09/16940-7
Vigência: 01 de dezembro de 2009 - 30 de novembro de 2010
Assunto(s):Fitoquímica
Resumo
Neste projeto, propõe-se estudo para a prospecção químico-farmacológica de fotossensibilizadores naturais em espécies vegetais (principalmente, Amaranthaceae - tribo Gomphreneae e Myrtaceae - gêneros Campomanesia, Eugenia e Myrcia) para aplicação em terapia fotodinâmica (PDT) antimicrobiana e antitumoral. Para tanto, proceder-se-á adequação de metodologia de ensaios biológicos e de procedimentos para terapia fotodinâmica (PDT) antimicrobiana (frente a bactérias e fungos) e antiproliferativa (frente a linhagens de células tumorais), bem como o desenvolvimento de procedimentos analíticos, incluindo o estudo fitoquímico monitorado pela análise de absorção na região do visível de interesse em PDT e pelos bioensaios. O auxilio técnico dar-se-á no apoio ao preparo de material para os experimentos, manutenção das cepas microbianas e culturas de células, bem como na etapa fitoquímica e de irradiação das amostras com laser (Tabela 1). Assim, o bolsista terá um treinamento técnico multidisciplinar tanto na parte biológica, quanto na parte química. Terá a oportunidade de aprender a trabalhar em sistema asséptico, com sistemas celulares e métodos cromatográficos utilizados em estudos fitoquimicos. Com este treinamento o bolsista terá um treinamento que permitirá integrar conhecimento e aprender como proceder para realizar suas atividades com o rigor necessário. (AU)

Atividade anticâncer de extratos e frações ativas obtidos de Bidens sulphurea(Família: Asteraceae)

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas (CPQBA). Coordenadoria de Centros e Núcleos Disciplinares (COCEN). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Paulínia, SP, Brasil
Pesquisador responsável:João Ernesto de Carvalho
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Processo:11/02470-9
Vigência: 01 de maio de 2011 - 31 de dezembro de 2013
Assunto(s):CitotoxicidadeEtnofarmacologia
Resumo
As doenças do sistema cardiovascular são as únicas que superam o câncer em mortalidade da população na maioria dos paises desenvolvidos. Por meio de produtos naturais, nas últimas décadas, a pesquisa de drogas anticâncer através da triagem de extratos e princípios ativos possibilitou a descoberta e o desenvolvimento de diversos quimioterápicos que hoje são utilizados no tratamento do câncer. Com o aprimoramento dos métodos de cultivo celular o National Cancer Institute (NCI-USA) desenvolveu metodologia de triagem in vitro utilizando células tumorais oriundas de tumores humanos. O CPQBA implantou essa metodologia que vem sendo utilizada para triagem de extratos e princípios ativos obtidos de produtos naturais. Este projeto tem como objetivo avaliar a atividade anticâncer de extratos obtidos de Bidens sulphurea. Após a coleta da espécie será obtido extrato bruto e frações desse extrato, utilizando hexano e diclorometano como solventes. Com esse extrato será realizado teste de atividade anticâncer em nove linhagens celulares obtidas de tumores humanos. Os extratos com o melhor perfil de atividade serão submetidos a um processo de fracionamento que será monitorado pelo teste de atividade. (AU)

Produtos naturais bioativos de cianobactérias marinhas

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Marli de Fátima Fiore
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Processo:10/18732-0
Vigência: 01 de junho de 2011 - 31 de agosto de 2014
Assunto(s):Espectrometria de massasSideróforosSubstâncias bioativasCianotoxinas
Resumo
As cianobactérias são micro-organismos fotossintéticos oxigênicos pertencentes ao domínio Bacteria, apresentando distribuição cosmopolita na Terra. Estudos realizados no Laboratório de Ecologia Molecular de Cianobactérias (CENA/USP), com espécies originárias de diversas regiões terrestres e de água doce brasileiras, tem demonstrado a grande diversidade metabólica desses organismos para produção de cianopeptídeos sintetizados pela via não-ribossômica. A biossíntese cianobacteriana de peptídeos não-ribossômicos é catalisada por enzimas denominadas policetídeo sintase (PKS) e peptídeo sintetase não ribossômica (NRPS), sendo que muitas possuem sequências gênicas conhecidas. O objetivo geral desse estudo é a bioprospecção de produtos naturais bioativos de cianobactérias inéditas isoladas de ambientes marinhos da costa brasileira, ainda não exploradas, tendo como alvo a aplicação farmacêutica e biotecnológica. Para isso, propõe-se detectar e sequenciar genes envolvidos na biossíntese de NRPSs e PKSs, que indicarão as linhagens potencialmente capazes de produzir substâncias ativas. Em seguida, as linhagens com resultados positivos serão analisadas quanto à produção de metabólitos por meio da extração e purificação de cianopeptídeos. Esses cianopeptídeos serão identificados usando-se técnicas avançadas, tais como LC-MS, Q-TOF, MALDI-TOF e FTICR-MS. Cianopeptídeos ainda não descritos na literatura serão elucidados pela análise de dados espectroscópicos. Alguns genes envolvidos na síntese de cianotoxinas (mcyE, cyrJ e sxtI) também serão investigados. Desta forma, a contribuição pretendida com esse trabalho é gerar informações sobre moléculas bioativas produzidas por cianobactérias marinhas isoladas da costa do Estado de São Paulo e que apresentem potencial para aplicações biotecnológicas. (AU)

Desenvolvimento de filtros solares a partir de complexos metálicos de Zn2+ e/ou Ce³+ com produto natural para protetores solares

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Marian Rosaly Davolos
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:10/13493-7
Vigência: 01 de março de 2011 - 28 de fevereiro de 2013
Assunto(s):Compostos de coordenaçãoFiltros solaresQuercetinaZincoCério
Resumo
O uso de protetores solares para a proteção da pele contra os raios UV emitidos pelo sol está se tornando imprescindível e o estudo tanto de filtros inorgânicos, orgânicos como das suspensões estáveis que constituem os protetores requerem pesquisa acadêmica. Este trabalho visa o desenvolvimento de novos tipos de filtros solares através da obtenção de complexos metálicos de Zn2+, Ce2+ e heterobimetálicos de Zn2+ e Ce2+ a fim de utilizá-los na formulação de protetores solares com melhor desempenho no fator de proteção solar (FPS), menor irritalibilidade. Dentre os diversos filtros orgânicos existentes podemos destacar os flavonóides, uma classe de compostos naturais que apresenta propriedades bactericidas, antioxidantes, antinflamatórias. Estes novos compostos, além de preencherem todos os requisitos para serem utilizados como filtros orgânicos solares, como por exemplo, absorção intensa na região UVA e UVB do espectro eletromagnético, apresentam o apelo do produto natural nas formulações de protetores solares. Desta forma o flavonóide quercetina (3,3',4',5,7 pentahidroxiflavona) será utlizado como ligante para obtenção dos complexos. As amostras obtidas serão caracterizadas por difratometria de raios X, análise térmica, espectroscopia de absorção na região do infravermelho, espectroscopia de absorção na região do UV-Vis, espectroscopia de fotoluminescência e análise elementar. Posteriormente os complexos serão combinados e utilizados como filtros em formulações de protetores e estas serão caracterizadas através de medidas reológicas e de espectroscopia de absorção na região do UV-Vis. (AU)

Estudo de Jatropha gossypifolia e J. multifida (Euphorbiaceae), aplicando métodos in silico e de desreplicação, visando a detecção e elucidação in situ dos constituintes micromoleculares com atividades acetilcolinesterásicas, cicatrizantes e antioxidantes

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Ian Castro-Gamboa
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:09/02648-2
Vigência: 01 de setembro de 2009 - 31 de janeiro de 2011
Assunto(s):AntioxidantesQuímica de produtos naturais
Resumo
O presente projeto visa à detecção, purificação, isolamento e elucidação estrutural dos constituintes micromoleculares antioxidantes, acetilcolinesterásicos e cicatrizantes de Jatropha gossypifolia e J. multifida, duas espécies pertencentes à famíla Euphorbiaceae, com poucos relatos na literatura sobre sua composição química. A detecção e elucidação das moléculas de interesse será realizada através de duas abordagens principais: utilizando bioensaios in vitro já estabelecidos no nosso grupo de pesquisa (Núcleo de Bioensaios, Biossíntese e Ecofisiologia de Produtos Naturais - NuBBE), assim como através da geração de perfis cromatográficos bioativos, visando a detecção in silico dos constituintes majoritários e orientando estratégias de separação e de desreplicação dos extratos brutos. Para tanto, o uso de bases de dados públicas e pertencentes ao NuBBE assim como, técnicas de vanguarda em separação de alta eficiência associadas a ferramentas espectroscópicas como espectrometria de massas de alta resolução (EMAR) e Ressonância Magnética Nuclear (RMN), serão incorporadas ao longo do projeto. (AU)

Mapeamento do potencial biossintético de Streptomyces: comparação com o modelo Streptomyces coelicolor

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Luciana Gonzaga de Oliveira
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:09/03793-6
Vigência: 01 de março de 2010 - 31 de março de 2011
Assunto(s):Streptomyces
Resumo
A biodiversidade brasileira tem potencial para fornecer uma imensa variedade de moléculas com propriedades farmacológicas interessantes e atrativas como objetos de pesquisa. Essas moléculas são produtos do metabolismo secundário de plantas ou de outros organismos que os produzem e utilizam para diversos fins, o que torna fundamental o seu estudo. Devido ao insucesso da síntese combinatória vista como alternativa promissória para a obtenção de moléculas bioativas, a indústria farmacêutica voltou a investir em produtos naturais, como fonte de novos fármacos. Atualmente, com o auxílio de ferramentas da Biologia Molecular aliado ao vasto conhecimento de etapas metabólicas elucidadas pela bioquímica molecular é possível identificar genes responsáveis pela biossíntese de metabólitos e interferir em suas funções tornando possível a descoberta de novas moléculas. O progresso na utilização dessas ferramentas tem possibilitado o desenvolvimento de uma área multidisciplinar, na qual é possível compreender melhor as vias biológicas centrais e utilizá-las em benefício para a química de produtos naturais. Neste projeto será avaliado o potencial biossintético de uma linhagem de Streptomyces com potencial para produção de moléculas bioativas em comparação com uma linhagem padrão (S. coelicolor). (AU)

Estudos fitoquímicos biomonitorados de Duguetia lanceolata (Annonaceae) e Lithraea molleoides (Anacardeaceae) e desenvolvimento de processo de nanoencapsulação, associados ao controle de formigas cortadeiras

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos, SP, Brasil
Pesquisador responsável:João Batista Fernandes
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Processo:10/18303-1
Vigência: 01 de março de 2011 - 29 de fevereiro de 2016
Assunto(s):Produtos naturais
Resumo
A importância dos produtos naturais se faz presente em diversos aspectos, dentre eles destaca-se a busca de compostos químicos de origem natural ou derivados destes não tóxicos, ao homem e animais, que possam controlar biorracionalmente o comportamento das pragas como as formigas cortadeiras.Neste sentido, o presente projeto visa os estudos fitoquímicos de Duguetia lanceolata (Annonaceae) e Lithraea molleoides (Anacardeaceae), analisando o seu perfil químico, bem como realização de ensaios biológicos frente às formigas cortadeiras Atta sexdens rubropilosa, ao seu fungo simbionte Leucoagaricus gongylophorus e desenvolvimento de nanocápsulas a partir de polímeros biodegradáveis, para nanoencapsulação de substâncias ativas isoladas e também de cedrelona isolada de Trichilia catigua visando sua aplicação no controle do fungo simbionte das formigas cortadeiras.Este projeto propõe também a modificações estruturais no limonóide cedrelona, para obtenção de novos compostos a serem ensaiados nas formigas e fungo a fim de potencializar sua atividade. (AU)

Produção de compostos de aromas através da biotransformação de monoterpenos por Pseudomonas SP

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Glaucia Maria Pastore
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:12/04186-9
Vigência: 01 de maio de 2012 - 31 de janeiro de 2013
Assunto(s):TerpenosBiotransformaçãoBiotecnologiaPseudomonas
Resumo
O aroma é responsável por grande parte do sabor de um alimento, sendo considerado um dos atributos mais importantes na aceitação do produto pelo consumidor. Atualmente, a crescente demanda do mercado consumidor por produtos naturais e saudáveis tem levado a maior utilização e pesquisa de processos biotecnológicos para síntese dos chamados bioaromas, que são aromas classificados como naturais. Os processos de biocatálise e biotransformação seletiva por micro-organismos possibilitam a conversão de terpenos em compostos de aroma de alto valor agregado, com possível aplicação nas indústrias de alimentos, cosmética e farmacêutica. Os terpenos são os responsáveis pelo aroma dos óleos essenciais, além de serem ótimos substratos para conversões estereoespecíficas. Estes já vêm sendo utilizados pela indústria de aromas, sendo geralmente rejeitos industriais que não possuem alto valor agregado, economicamente viável para aplicação em bioconversões. Enquanto que os micro-organismos são capazes de se adaptar a novos ambientes e metabolizar substâncias estranhas em fontes de carbono e nitrogênio pela transformação de grupos funcionais da molécula, resultando na formação de novos compostos de interesse. Os estudos pioneiros da utilização de terpenos como única fonte de carbono utilizaram linhagens de Pseudomonas sp. como agentes biológicos, sendo posteriormente utilizados em outros estudos de bioconversão de terpenos com resultados significativos. Assim essa classe de micro-organismos representa um grande potencial na produção de bioaromas. Desta forma, os objetivos do projeto serão isolar micro-organismos em meio seletivo para Pseudomonas sp. bem como avaliar seu potencial na biotransformação de monoterpenos (a-pineno, R-limoneno e citronelol), e avaliar os compostos obtidos através da Cromatografia Gasosa acoplada a Espectrometria de Massa (CG-EM). (AU)

Uso de corantes naturais no tingimento e estamparia de substratos têxteis

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Maurício de Campos Araujo
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Processo:11/03880-6
Vigência: 01 de agosto de 2011 - 30 de abril de 2013
Assunto(s):Moda
Resumo
Este projeto trata do uso de corantes naturais em produtos de moda de origem têxtil para atender ao apelo mais do que necessário da sustentabilidade. No Brasil, apesar das discussões sobre ecologia e sustentabilidade serem relativamente recentes, tem despertado, cada vez mais, o interesse de diversos tipos de pessoas, o que leva a crer que investir nestas causas não é algo utópico, sendo que todos os setores existentes podem contribuir, como é o caso da moda e, mais especificamente da indústria têxtil, com um produto que implique em um menor impacto ambiental na sua produção. Assim, se estará colaborando efetivamente para a continuidade da vida na Terra. (AU)

Ensaios de bancada aplicados ao isolamento de substâncias com atividades antifúngica e antitumoral

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Vanderlan da Silva Bolzani
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:09/00312-7
Vigência: 01 de março de 2009 - 31 de agosto de 2010
Assunto(s):BioquímicaPlantas nativasMata atlânticaCerrado
Resumo
O programa de atividades descrito abaixo compreende atividades rotineiras que exigem trabalho cuidadoso por técnicos de nível superior. As atividades visam subsidiar as três metas principais do projeto "CONSERVAÇÃO E USO SUSTENTÁVEL DA DIVERSIDADE DO CERRADO E DA MATA ATLÂNTICA: DIVERSIDADE QUÍMICA E BIO PROSPECÇÃO DE FÁRMACOS - FASE II", financiado pela FAPESP e em andamento nos laboratórios de Produtos Naturais do Instituto de Química da UNESP/Araraquara e da Seção de Fisiologia e Bioquímica do Instituto de Botânica/SMA-SP: (1) Busca de produtos naturais bioativos em espécies de Cerrado e da Mata Atlântica do Estado de São Paulo; (2) seleção de extratos de plantas e fungos através de bioensaios para a detecção de substâncias com potencial anticancerígeno, antifúngico, anticolinesterásico, antioxidante e antimalárico; (3) cultivo de plantas selecionadas visando estudos fisiológicos e químicos. (AU)

Avaliação da atividade de quimioprevenção e genotoxicidade/antigenotoxicidade

Beneficiário:
Instituição-sede da pesquisa: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Pesquisador responsável:Dulce Helena Siqueira Silva
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise Toxicológica
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Processo:09/07497-2
Vigência: 01 de maio de 2009 - 28 de fevereiro de 2010
Assunto(s):GenotoxicidadeBioprospecçãoQuimioprevençãoProdutos naturaisCitologia
Resumo
A quimioprevenção do câncer é feita pela prevenção, atraso ou reversão do processo de carcinogênese através da ingestão de compostos na dieta ou fármacos. Estratégias para a proteção contra carcinogênese envolvem a diminuição de enzimas responsáveis pela geração de espécies reativas (enzimas de fase 1) enquanto aumentam enzimas de fase 2 com o uso de substâncias naturais. Danos causados ao DNA por mutagênicos ambientais podem ser nocivos para diversos organismos, incluindo seres humanos. O acúmulo de mutações está relacionado com o desenvolvimento da maioria dos tumores malignos e desordens degenerativas. A fim de prevenir o risco genotóxico, é pertinente tanto identificar os mutagênicos e diminuir a exposição a eles, bem como aumentar a exposição a compostos antigenotóxicos como os que ocorrem naturalmente nas plantas. O estudo de produtos naturais com o ensaio da quinona redutase (QR) e do cometa é de fundamental importância para o descobrimento e desenvolvimento de novas substâncias capazes de prevenir o câncer. Nesse contexo, sera implantada metodologia para avaliacao de atividade quimiopreventiva pela verificacao da inducao de quinona-redutase e pelo ensaio do cometa. Para tanto serao preparadas as soluções utilizadas nos ensaios; Cultivo/manutencao de células de hepatoma murino Hepa 1c1c7 e hepatoma humano HepG2 utilizadas nos ensaios; avaliacao de substancias naturais fornecidas pelos laboratorios associados ao projeto tematico. (AU)
Página 12 de 1.671 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s) | Limpar seleção
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP