Busca avançada

X

Criar um alerta por e-mail


Novos resultados para a sua pesquisa em seu e-mail, semanalmente.

Seu e-mail:

Tamanho do e-mail:



Seu endereço de e-mail não será divulgado.

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Publicações científicas
Publicações acadêmicas
  • Auxílios à Pesquisa
  • Bolsas
  • Programas voltados a Temas Específicos
  • Programas de Pesquisa direcionados a Aplicações
  • Programas de Infraestrutura de Pesquisa
  • Área do conhecimento
  • Situação
  • Ano de início
Excel (CSV)Alerta por e-mail   RSS
1.069 resultado(s)
|
Resumo

Os fungos estão largamente distribuídos no meio ambiente. Estes microrganismos causam deterioração de alimentos e algumas espécies produzem toxinas que representam sério risco à saúde humana e animal. A contagem de fungos em alimentos é um parâmetro importante no julgamento das condições de higiene e das práticas de estocagem durante a manufatura e distribuição de alimentos. Um componente importante da micologia de alimentos deve ser o desenvolvimento de meios de cultura novos e melhores para detecção e enumeração de fungos. Isto auxilia a avaliar o potencial de deterioração ou produção de micotoxinas. O presente trabalho visa comparar a eficiência de vários meios de cultura usados para contagem de bolores e leveduras e aperfeiçoá-los. (AU)

Resumo

Isolar no mínimo 100 linhagens de fungos marinhos a partir de amostras de algas marinhas, invertebrados marinhos e sedimentos marinhos em se utilizando 7 diferentes condições de meios de cultura. As linhagens isoladas e purificadas serão identificadas do ponto de vista taxonômico e submetidas a um estudo de crescimento em 3 diferentes meios de cultura artificial, variando-se o pH e a temperatura de crescimento para cada linhagem de fungo em cada meio de cultura diferente. Desta maneira, serão realizados 1800 experimentos de crescimento em meio de cultura. Serão obtidos extratos de solventes orgânicos a partir de cada um dos experimentos de crescimento, os quais serão submetidos a testes de atividade citotóxica contra 3 linhagens de câncer humano, atividade antibacteriana e antifúngica contra linhagens resistentes de microorganismos patogênicos, atividade antimicobacteriana contra Mycobacterium tuberculosis H37rv e atividade inibitoria da enzima adenosina fosforibosil transferase de Leishmania tarentolae. (AU)

Resumo

O flúor (F), na forma de fluoreto de sódio (NaF), é um elemento presente no cotidiano de quase a totalidade da população brasileira, sendo usado na água de abastecimento (Brasil), em produtos para uso caseiro e profissional visando a prevenção da cárie dentária (diversos países) e também na terapia da osteoporose (comumente na Europa). Assim sendo, é importante o entendimento do efeito do flúor tanto na prevenção das lesões dentárias quanto no reparo ósseo. Para o uso tópico na cavidade bucal, sais fluoretados cuja eficácia seja maior que o NaF deverão ser testados quanto à citotoxicidade de fibroblastos anteriormente a estudos clínicos, pensando em possíveis efeitos colaterais à mucosa bucal. Da mesma forma, diferentes agentes fluoretados deverão ser testados quanto à viabilidade de células pré-osteoblasticas, antes do uso terapêutico in vivo no tratamento da osteoporose, condição comumente encontrada na população mais idosa. Portanto, este trabalho será dividido em duas fases, sendo cada uma executada por um aluno de Iniciação científica. A 1ª etapa testará o efeito do TiF4 adicionado ao meio de cultura, em diferentes concentrações e pH, na viabilidade e morfologia de fibroblastos NIH3T3 em comparação ao NaF e ao meio de cultura sem agente fluoretado. Para tal, fibroblastos da linhagem NIH3T3 serão cultivados em meio DMEM. As células serão mantidas no meio de cultura durante 48h, a 37ºC e à atmosfera de CO2 5%. Na seqüência, as células serão divididas em 9 grupos de acordo com as seguintes condições do meio de cultura: a) controle: meio de cultura (pH 8,5); b) meio de cultura com NaF (2,45% F, pH 4,5); c) meio de cultura com NaF tamponado (2,45% F, pH 8,5); d) meio de cultura com NaF tamponado (1,225% F, pH 8,5); e) meio de cultura com NaF tamponado (0,6125% F, pH 8,5); f) meio de cultura com TiF4 (2,45% F, pH 1,2); g) meio de cultura com TiF4 tamponado (2,45% F, pH 4,5); h) meio de cultura com TiF4 tamponado (1,225% F, pH 4,5); e i) meio de cultura com TiF4 tamponado (0,6125% F, pH 4,5). Os ensaios de citotoxicidade levarão em conta a viabilidade celular que será analisada pela redução do MTT e a captação do vermelho neutro após 3, 6, 12, 24 e 48h. A avaliação da morfologia será realizada pela microscopia de luz, devendo ser descrita a morfologia geral das células, integridade da membrana, descolamento e lise celular. Na 2ª etapa, será avaliado, comparativamente, o comportamento de pré-osteoblastos tratados com diferentes doses e compostos de flúor. Células da linhagem MC3T3 (ATCC) serão incubadas com diferentes concentrações (5 µM, 10 µM, 100 µM e 1 mM) de fluoreto de sódio (NaF) e fluoreto de alumínio (AlF2), a 37oC, nos tempos de 24, 48, 72 e 96 horas. As células serão avaliadas quanto à viabilidade celular (redução do MTT e captação do Vermelho Neutro) e atividades de enzimas (fosfatase ácida total, fosfatase lisossomal e proteína tirosina fosfatase). Os dados serão tabulados e submetidos à análise estatística (p<0,05). (AU)

Kit para diagnóstico de microrganismos potencialmente deteriorantes

Processo:02/03050-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE  
Vigência: 01 de maio de 2002 - 31 de outubro de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biologia Geral
Pesquisador responsável:Soelly Magalhães do Valle
Beneficiário:
Empresa: Tecxhall Tecnologia Ltda
Vinculado ao auxílio:01/03075-4 - Kit para diagnóstico de micro organismos potencialmente deteriorantes, AP.PIPE
Resumo

A adequação do Laboratório de Preparação de Meio de Cultura de Drosophila visa atender projetos na área de Citogenética, Genética de Populações e Evolução e de Biologia Molecular de Insetos do Departamento de Biologia e do Curso de Pós-Graduação em Ciências Biológicas-Genética. Por conter vários equipamentos que liberam energia calorífica em local sem ventilação, atingindo o ambiente cerca de 40ºC no verão, por não ter saída de emergência e por conter regiões de aprisionamento, o laboratório foi classificado como local insalubre com risco máximo de acidente (Secretaria de Estado da Segurança e Saúde do Trabalhador e da CIPA). O presente projeto objetiva corrigir a situação insalubre através de ampliação da atual sala de lavagem e esterilização pela demolição parcial de uma divisória e construção de uma parede que permitirá separar as salas de Lavagem e Esterilização e de Preparação e Distribuição de Meio de Cultura, construção de bancadas e de tanques de lavagem apropriados. Esta divisão solucionará o problema da exposição dos usuários a altas temperaturas, a contaminação das culturas pela intercomunicação do local de descarte e esterilização do material com o de preparação e distribuição do meio de cultura, aumentando a eficiência da preparação e a qualidade do meio de cultura utilizados em 21 projetos de Iniciação Científica, Mestrado e Doutorado. (AU)

Resumo

O presente estudo irá avaliar, in vitro, a citotoxicidade dos monômeros isobutil metacrilato (IBMA) e 1,6-hexanediol dimetacrilato (1,6 HDMA), do plastificante dibutil-n-ftalato (DBNP) e dos ácidos metacrilato (MA) e benzóico (BA), em concentrações máximas liberadas por resinas acrílicas para reembasamento imediato. Para isso, fibroblastos de hamster (células L 929 - 1,0 X 104 celulas/mL) em meio de cultura Eagle serão colocados em uma placa com 96 orifícios e incubados em estufa com 5% de Co², a 37°C por 24 horas. Após este período, o meio de cultura será descartado e 20 µl de meio de cultura contendo 0,25 µCi de 3H-timidina será inserido em cada orifício da placa, juntamente com 50 µl de meio de cultura novo e 50 µl de meio de cultura contendo as substâncias, nas concentrações a serem testadas, e as placas serão incubadas por 24 horas em estufa com 5% de CO², à temperatura de 37°C. Para cada concentração, serão destinados 6 compartimentos de placa. Seis orifícios da placa, contendo células aderidas receberão apenas a solução de timidina e 100 µl de meio de cultura novo, servindo como grupo controle. A radioatividade incorporada será mensurada em um contador de cintilação e os resultados obtidos da síntese de DNA (células viáveis), em cintilação por minuto (cpm) serão submetidos à análise estatística. As concentrações, de cada substância avaliada, serão classificadas de acordo com a viabilidade celular, em relação ao grupo controle: acima de 75% - não citotóxica; entre 25 e 50%, - discretamente citotóxica; abaixo de 25% - intensamente citotóxica. (AU)

Resumo

Este projeto tem por objetivo principal estudar alguns aspectos da dependência das células tumorais do adenoma pleomórfico em relação a composição do meio de cultura (hormônios clássicos e fatores peptídicos de crescimento), e da interação célula tumoral - matrix extracelular. Espera-se com isto poder compreender melhor o papel da célula mioepitelial nos adenomas pleomórficos. (AU)

1.069 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s)
Marcar todos desta pagina | Limpar seleção