Busca avançada

X

Criar um alerta por e-mail


Novos resultados para a sua pesquisa em seu e-mail, semanalmente.

Seu e-mail:

Tamanho do e-mail:



Seu endereço de e-mail não será divulgado.

Refine sua pesquisa

Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Publicações científicas
Publicações acadêmicas
  • Auxílios à Pesquisa
  • Bolsas
  • Programas voltados a Temas Específicos
  • Programas de Pesquisa direcionados a Aplicações
  • Programas de Infraestrutura de Pesquisa
  • Área do conhecimento
  • Situação
  • Ano de início
Excel (CSV)Alerta por e-mail   RSS
1.057 resultado(s)
|
Resumo

Introdução: A obesidade é caracterizada como uma doença complexa, multifatorial e crônica, com consequências biológicas e sociais desencadeadoras de diversas comorbidades que diminuem a qualidade e expectativa de vida. Os números crescentes de pessoas acometidas por sobrepeso e obesidade aumentam o desenvolvimento de modelos de intervenções para adequação do estilo de vida pautadas na regulação do balanço energético que frequentemente colidem com problemas de motivação, barreiras ambientais e pessoais dificultando o sucesso, implementação e a adesão aos programas. Nesta perspectiva, os meios eletrônicos e o fácil acesso à internet podem ser aliados de programas de emagrecimento estruturados e embasados cientificamente por agregar inúmeras ferramentas educacionais, de controle e de comunicação. Objetivo: O objetivo principal deste estudo é verificar a influência do modelo de intervenção semipresencial e multidisciplinar com orientações de estilo de vida em mulheres adultas obesas. Metodologia: Serão selecionados 300 mulheres adultas obesas, com idades entre 20 a 45 anos, classificados com obesidade de acordo com o Índice de Massa Corporal (IMC). As voluntárias serão submetidos 12 semanas de terapia multidisciplinar semipresencial com avaliação física, orientação dietética e de atividades físicas, com suporte online através de emails, whatsapp®, mídias sociais e vídeos com temas educativos sobre obesidade em uma plataforma online. Após a seleção (basal) e do período de intervenção, os pacientes realizarão a análise da composição corporal, análise do nível de atividade física, análises bioquímicas (glicose, insulina, perfil lipídico - colesterol total, frações e triglicérides, marcadores do balanço energético - adiponectina, leptina, NPY e dos marcadores de transdiferenciação celular - FGF-21 e peptídeo natriurético atrial) e pressão arterial (PA). Serão calculados os índices de resistência à insulina (HOMA-IR) e sensibilidade a insulina (QUICKI). O protocolo será composto por três sessões presenciais com apoio em grupo que trabalharão as dificuldades encontradas no estilo de vida, incluindo hábitos alimentares, exercício físico e motivação durante todo o protocolo por meios eletrônicos. Nestes encontros serão aplicados os questionários para investigação de sintomas de depressão, ansiedade, bulimia, auto-imagem corporal, alteração de humor, nível de atividade física, freqüência alimentar, rastreamento metabólico, hábitos alimentares, registro alimentar de três dias, qualidade de vida e feitas medidas antropométricas de peso, estatura, circunferências, PA e composição corporal. Nas semanas não presenciais o peso será monitorado por auto relato e ao final de toda semana os voluntários responderão um quiz de perguntas sobre os temas trabalhados. A análise do reganho de peso pós-intervenção será feita via meios eletrônicos durante 12 e 24 semanas subsequentes aos estudos. Os resultados serão analisados utilizando o software Statistica versão 7.0. Será verificada a normalidade dos dados e o comportamento das variáveis durante a intervenção será analisada pelo o teste ANOVA para medidas repetidas com adotando p d 0,05. Será verificado o comportamento de dependências das variáveis por regressão linear simples. (AU)

Resumo

Atualmente, a alimentação e nutrição são temas recorrentes na mídia, o que indica maior interesse da população por assuntos relacionados à dieta e saúde. Além dos programas televisivos, o advento das plataformas digitais como blogs, sites, facebook têm estimulado a disseminação de informações entre a população, que nem sempre são baseadas em evidências científicas sólidas. Some-se a isso inconsistências entre estudos científicos publicados (por exemplo, o papel das gorduras saturadas nas doenças metabólicas) que geram confusão e fazem com que mitos sejam estabelecidos, fundamentados em diferentes crenças e afetando as escolhas alimentares entre a população. Nesse sentido, a filosofia dessa 14a edição do Congresso Nacional da Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição (SBAN) é justamente buscar discutir esses aspectos e daí o seu tema "Alimentação e Nutrição: Mitos e Fatos". Considerando-se sua complexidade, serão abordados, por renomados pesquisadores nacionais e internacionais, em conferências, simpósios, conversas científicas e módulos de educação continuada, diferentes assuntos ligados a esse tema pela perspectiva da Nutrição Clínica, Sáude Coletiva e Unidades de Alimentação e Nutrição, Alimentos e Gastronomia, Nutrição Experimental, Genômica Nutricional, e Nutrição e Atividade Física. (AU)

Resumo

Em fêmeas de corte, a expressão de estro durante o protocolo de sincronização tem impacto positivo na taxa de concepção ao otimizar função ovariana, desenvolvimento embrionário, e também reconhecimento materno da gestação. Pesquisas recentes também demonstraram que a intensidade de estro em fêmeas de corte, mensurada através do nível de ativação de detectores de cio Estrotect, foi positivamente associada com concentrações circulantes de glicoproteínas associadas à prenhez (PAGs) no dia 28 da gestação e consequentemente à viabilidade embrionária. Contudo, mais pesquisas são necessárias para melhor entender os parâmetros de fertilidade e desenvolvimento gestacional associados com expressão de estro, e também melhor caracterizar a intensidade de estro em fêmeas de corte. Uma alternativa para a segunda questão apresentada é através do uso de pedômetros durante o protocolo de sincronização com o objetivo de estimar atividade física do animal, que é diretamente associada com intensidade de estro. Portanto, o experimento aqui proposto tem como objetivo avaliar o impacto da expressão e intensidade de estro em parâmetros associados com fertilidade e estabelecimento gestacional em fêmeas de corte. Quatrocentos vacas Nelore, multíparas, lactantes e entre 70 e 90 dias pós-parto serão designadas ao seguinte protocolo de sincronização de ovulação + inseminação artificial (IA) em tempo fixo: dia -11) 2 mg de benzoato de estradiol + dispositivo intravaginal contendo 1.9 g de progesterona; dia -4) 12,5 mg de prostaglandina F2±; dia -2) remoção do dispositivo intravaginal + administração de 0,6 mg de cipionato de estradiol e 300 UI de eCG' dia 0) IA em tempo fixo, sendo que vacas serão inseminadas pelo mesmo inseminador e sêmen do mesmo touro e partida. No dia -4 do protocolo, 1 pedômetro será anexado acima do ombro direito de cada vaca, dentro de bolsa de poliéster. No dia -2 do protocolo, a atividade física (passos por dia) de cada vaca será avaliada e considerada como atividade basal, e detectores de cio Estrotect serão anexados entre a anca e a base da cauda de cada vaca. No dia 0, detector de cio e pedômetros serão avaliados. Vacas serão classificadas de acordo com expressão ou não de estro com base na ativação do detector de cio. Além disso, dentro das que expressaram estro, vacas serão classificadas em estro de baixa intensidade (50% da população com menor atividade física) e estro de alta intensidade (50% da população com com maior atividade física). Ultrassom ovariano será realizado no momento da IA (dia 0) e 7 dias pós-IA (dia 7) para determinação de taxas de ovulação e sincronização, assim como diâmetro folicular (dia 0) e volume do corpo lúteo (dia 7). Sangue será coletado junto com ultrassom para avaliação de estradiol (dia 0) e progesterona (dias 0 e 7). No dia 20pós-IA, sangue será coletado em tubos especiais para manutenção da integridade de RNA para análise de expressão de genes estimulados por interferon-tau. No dia 30 pós-IA, sangue será coletado para analise plasmática de PAGs, e ultrassom realizado para diagnostico de concepção. Taxa final de prenhez será avaliada de acordo com taxa de parição. Com essas informações, iremos melhor entender os impactos fisiológicos da expressão e intensidade de estro que resultam em melhor eficiência reprodutiva em fêmeas de corte, incluindo parâmetros maternos e embrionários. Esses resultados irão contribuir para estratégias que visem otimizar eficiência reprodutiva de fêmeas de corte durante protocolos de sincronização + IA. (AU)

Resumo

Os trabalhos em curso em nosso laboratório têm como objetivo principal a elucidação dos efeitos metabólicos e moleculares do desenvolvimento do estado caquético em função do crescimento tumoral. A Caquexia, imposta pelo câncer, é considerada um dos principais problemas no tratamento de tumores sólidos, particularmente do pâncreas, estômago, pulmão e cólon, pois nesses pacientes, pela intensa mobilização de substratos dos tecidos do hospedeiro, há depleção preferencialmente da proteína muscular em função do aumento da degradação e/ou diminuição da síntese proteica no músculo. Por outro lado, pacientes com Caquexia têm expectativa de vida muito reduzida e, por consequente, menor qualidade de vida quanto maior o grau de perda de peso, que parece não ser mediado por redução na ingestão alimentar, mas sim por fator catabólico produzido pelo tumor. Por outro lado, das complicações clínicas que podem surgir durante a gravidez, a doença neoplásica é especialmente importante, mais pela sua coexistência com outra complexa condição metabólica, do que pela sua incidência. A mãe sofre da mesma agressividade do câncer, com um agravante maior, trata-se de dois pacientes: mãe e feto. Então, o conhecimento do mecanismo molecular, bioquímico, proteômico e metabolômico da Caquexia poderia ser utilizado para que o tratamento clínico desses pacientes fosse melhorado, mas também seria bastante interessante se fosse caracterizado o início do estado caquético e quantificada a intensidade desse estado. Dessa forma, os nossos trabalhos de pesquisas (até então financiados pela FAPESP) visam investigar os efeitos do crescimento do tumor de Walker e do adenocarcinoma de colo MAC16, modelos experimentais de Caquexia, sobre a espoliação da carcaça e principalmente os mecanismos envolvidos no catabolismo proteico e na inibição da síntese proteica muscular desses animais. Atualmente, temos por principal interesse elucidar o mecanismo do turnover proteico tecidual em ensaios in vivo, avaliando a ativação do sistema proteossomico e aumento da degradação de proteína, assim como os processos de inibição da síntese proteica nesses ensaios, para isso estão envolvidos projetos descritos a seguir baseados nos dois modelos experimentais de Caquexia - tumor de Walker 256 e também o adenocarcinoma de colo MAC16, avaliando os processos bioquímicos e moleculares de sinalização celular e também envolvidos com os perfis metabolômico e proteômico, associado ao time-course desse processo. Adicionalmente, avaliaremos a suplementação da dieta com aminoácidos de cadeia ramificada, especificamente leucina, pois além desse aminoácido ser utilizado como fonte energética pelo músculo esquelético, em trabalhos anteriores, verificamos seus efeitos benéficos sobre a musculatura esquelética dos animais portadores de tumor, preservando assim a massa proteica corpórea. Assim, é de especial interesse a investigação dos processos de sinalização celulares envolvidos na ativação do catabolismo e síntese proteica no desarranjo do tecido hospedeiro em função do crescimento tumoral quando associado à suplementação nutricional de leucina. Desse modo, nesse projeto temático propomos agrupar os diferentes temas desenvolvidos em nosso laboratório como câncer associado ao estado de gravidez, ao estado de crescimento e desenvolvimento e à atividade física, visando que todos esses temas têm grande importância quanto o melhor conhecimento básico para que tenha possibilidade de translação para a clínica. Objetivamos estudar mais profundamente os mecanismos bioquímicos e moleculares envolvidos no metabolismo proteico do hospedeiro, que baseado nas nossas experiências prévias, tratará do organismo materno e fetal, do organismo em crescimento, do organismo senil e submetido ao exercício físico, focando nos tecidos musculares, hepático, tecidos fetais e placentário, em animais portadores de tumor de Walker e portadores de adenocarcinoma de cólon MAC16, submetidos ou não a dieta rica em leucina. (AU)

Resumo

O Deep Water Running é uma modalidade de exercício que consiste na simulação dos movimentos de corrida terrestre, porém realizados em piscinas profundas, com o indivíduo na posição vertical, com auxílio de flutuadores e halteres que evitam o contado do pé com o piso da piscina. Esse método de treinamento pode contribuir para a redução da porcentagem de gordura, melhora da capacidade funcional e qualidade de vida em adultos obesos. O objetivo principal do estudo será investigar a influência do programa de Deep Water Running no sistema de treinamento intervalado na composição corporal, capacidade funcional e qualidade de vida em adultos pré-obesos e obesos. Trata-se de um ensaio clínico controlado, de dois braços em paralelo, com aleatorização em bloco. Após a aleatorização, os voluntários serão alocados em dois grupos: grupo experimental (GE) e grupo controle (GC). Participarão do estudo, voluntários de ambos os sexos, adultos pré-obesos ou obesos. A avaliação será composta por dados pessoais, investigação dos hábitos de vida e da prática de atividade física, anamnese, bioimpedanciometria, teste de caminhada de seis minutos, testes de resistência muscular e questionário de qualidade de vida. O programa terá duração de 12 semanas e consistirá de exercícios em água funda no sistema de treinamento intervalado com temperatura da água mantida a 32º C. Após o término do programa de intervenção, espera-se que ocorra redução na porcentagem de gordura corporal, aumento da capacidade funcional e melhora na qualidade de vida no GE. (AU)

Resumo

15/069 :00 as 17:00 - Minicursos19:00 - Abertura19:45 - ConferênciaProf. Dr. Rui Curi - Universidade Cruzeiro do SulAspectos genéticos e metabólicos na saúde e performance humana16/068:30 as 10:00 - Mesa Redonda "Práticas Corporais no Esporte e no Lazer"Susana Carla Alves Franco - Escola Superior de Desporto - Rio Maior - PortugalGiuliano Gomes de Assis Pimentel - Universidade Estadual de Maringá - UEM10:00 as 10:30 - Break10:30 as 12:00 - Tema-Livre I14:00 as 15:30 - Mesa Redonda "Atividade Física e Envelhecimento"Carlos Ugrinowitsch - Escola de Educação Física e Esporte - USPIsmael Forte de Freitas Júnior - Universidade Estadual Paulista - UNESP/PP14:00 as 15:30 - Mesa Redonda "A Educação Física na Base Nacional Comum Curricular"Marcos Garcia Neira - Escola de Educação - USPSuraya C. Darido - Universidade Estadual Paulista - UNESP/RC15:30 as 16:30 - Sessão de Pôsteres I16:30 as 16:45 - Break16:45 as 18:15 - Tema-Livre II17/068:30 as 10:00 - Mesa Redonda "Neurociências e Atividade Física"Arthur Kramer - Northeastern University - Estados UnidosEduardo Budnariuc Fontes - Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN10:00 as 10:30 - Break10:30 as 12:00 - Tema-Livre III14:00 as 15:30 - Mesa Redonda "Influências Implícitas e Explícitas na Realização de Ações Motoras"Mathias Weigelt - University of Paderborn - AlemanhaJosé A. Barela - Universidade Estadual Paulista - UNESP/RC14:00 as 15:30 - Mesa Redonda "Gestão e Marketing do Esporte e do Lazer"Ary José Rocco Júnior - Escola de Educação Física e Esporte - USPHelder Isayama - Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional - UFMG15:30 as 16:30 - Sessão de Pôsteres II16:30 as 16:45 - Break16:45 as 18:15 - Tema-Livre IV18/068:30 as 10:00 - Tema-Livre Especial10:00 as 10:30 - Break10:30 as 11:30 - Conferência EncerramentoProf. Dr. Geert Savelsbergh - Vrije UniversityAtlhetic Skills Model11:30 - Encerramento Premiação (AU)

Resumo

A visita do Prof. Dr. Philip Newsholme será importante para discutir, direcionar e fortalecer ações para a promoção de atividades acadêmico-científicas colaborativas entre as Instituições de pesquisa participantes, assim como irá contribuir significativamente para a aprendizagem e o estabelecimento de novas metodologias entre a Universidade de Curtin (Perth, Austrália) e as Instituições de pesquisa do Estado de São Paulo: Instituto de Ciências da Atividade Física e do Esporte, da Universidade Cruzeiro do Sul (ICAFE/UNICSUL, São Paulo, SP); Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) e Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) da Universidade de São Paulo (USP, São Paulo, SP); e Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia (IDPC, São Paulo, SP). O Prof. Dr. Philip Newsholme é Diretor e Professor da Faculdade de Ciências Biomédicas da Universidade de Curtin (Perth, Austrália), com ampla experiência nas áreas de Bioquímica, Imunologia e Endocrinologia, com ênfase em: a) Regulação da secreção de insulina, b) Ação da insulina, c) Estresse oxidativo e diabetes, d) Metabolismo de aminoácidos e e) Lipídeos e saúde. Os pesquisadores brasileiros da presente proposta vêm publicando artigos científicos em colaboração com o Dr. Philip desde 1986, o que irá facilitar a interação e discussão de novos projetos e direcionamentos. Além da discussão dos projetos de pesquisa em vigência, estratégias para captação de recurso, publicação de trabalhos, realização de eventos científicos e intercâmbios de estudantes e docentes serão discutidas. Os resultados obtidos em nossos grupos de pesquisa referentes ao efeito de diferentes metabólitos (aminoácidos e ácidos graxos) e do exercício físico na função de diferentes modelos celulares, animais e humanos serão discutidos. Nosso grupo vem estudando a função de vários tipos celulares, incluindo células musculares esqueléticas, leucócitos, adipócitos, hepatócitos, células cardíacas e células beta pancreáticas, em condições fisiológicas e patológicas. Resultados obtidos pelos grupos de pesquisa participantes serão apresentados e discutidos, com o objetivo de direcionar estratégias e melhorar o impacto dos resultados a serem realizados para a conclusão. A elaboração de novos projetos em colaboração também será foco da visita do Dr. Newsholme. Dentre suas atividades acadêmico-científicas durante sua visita, incluem-se: a) Apresentação e discussão de projetos de pesquisa em vigência de diferentes grupos de pesquisa; b) Participação na Disciplina de Seminários em Integração do Processo Saúde-doença; c) Proferimento da palestra de abertura do XXI Encontro de Iniciação Científica e do X Encontro de Iniciação à Docência da Universidade Cruzeiro do Sul; d) Discussão de estratégias para a promoção de intercâmbios de estudantes e docentes entre Instituições brasileiras e a Universidade de Curtin; e)Elaboração do artigo de revisão sobre "Cellular and molecular mechanisms involved in the regulation of metabolism and inflammation in obesity and diabetes". (AU)

Resumo

Plano de trabalho: Previsão de datas para desenvolvimento do projeto: 01 de Agosto a 15 de Setembro de 2017: 1-3 de Agosto: Avaliação da pressão arterial. 100 animais serão aleatoriamente monitorados de acordo com o protocolo experimental. As sessões serão de 15min para cada medição por animal; 3-15 de Agosto: Avaliação da variabilidade da frequência cardíaca e do tônus/balance autonômico (farmacológico) frente ao exercício físico. Tempo estimado de 40 min por animal, 8 dias no total; 16-22 de Agosto: Protocolos de comportamento: testes de reconhecimento de objetos novos. Estima-se 12min por animal por sessão (necessidade de 2 sessões). 5 dias no total; 23 de agosto a 1° setembro: Protocolos de comportamento: Morris Water Maze. Estima-se 20min por animal por sessão (necessidade de 2 sessões). 8 dias no total; 4-8 de setembro: experimentos de condicionamento contextual. Tempo estimado de 12min estimado por sessão/animal (2 sessões necessárias). 5 dias no total; 11 de setembro: Seminário no Departamento de Fisiologia e Biofísica para o sobre a tecnologia de vetor viral e função genômica; 13-14 de setembro: arquivamento de dados*; 15 de setembro: retorno a Londres. *As análises dos dados serão concluídas após a coleta. Neste plano de trabalho não está contemplado o tempo de análise de dados no intuito de para maximizar a coleta de resultados. (AU)

Resumo

Os avanços tecnológicos para a restauração da marcha bem como para as atividades físicas e esportes dificilmente alcançam as pessoas com deficiências. Visando esses objetivos, dispositivos biomédicos e dados e dados devem ser disseminados. A aplicação de cargas nos membros superiores e inferiores será modelada para melhorar o desempenho e a segurança. Os resultados clínicos dos efeitos da atividade física sobre a desintometria óssea, bioimpedância, seringomielia, espasticidade, condição cardiovascular e disreflexia autonômica serão levantados e exibidos, por meio da coleta de dados e da computação em nuvem. Plataformas de software e aplicativos para a população de cadeirantes, por exemplo, amputados na Holanda e Iesados medulares no Brasil e vice-versa, contendo dados sobre a fisiologia e funcionalidade. que não estão disponíveis atualmente, serão gerados para a comunidade, empresas e hospitais púbicos e privados. (AU)

Resumo

A atividade física é um importante fator de impacto na saúde geral e a falta dela está entre as causas de doenças crônicas como hipertensão arterial, diabetes tipo 2 e obesidade. No entanto, com o maior acesso da população a informações e influências sobre um estilo de vida mais saudável, a procura por hábitos como alimentação saudável e prática de esportes vem crescendo consideravelmente, buscando não apenas saúde, mas também estética. Para isso, muitos buscam os treinos hipertróficos, um tipo de exercício que busca o aumento volumétrico dos músculos por meio de treinos com grande carga de força. Em vista do grande esforço muscular realizado nesta prática, é necessário avaliar possíveis relações entre o treino hipertrófico e a musculatura do aparelho estomatognático. O objetivo deste estudo será avaliar a influência da atividade física hipertrófica na eficiência mastigatória, força máxima de mordida e atividade elétrica dos músculos masseter e temporal. Serão selecionados 20 indivíduos (10 homens e 10 mulheres) que praticam atividade física hipertrófica regularmente de acordo com os critérios de inclusão e exclusão pré-estabelecidos. Será feita então a coleta dos dados sociodemográficos e as análises iniciais de eficiência mastigatória, força máxima de mordida e análise eletromiográfica dos músculos masseter e temporal. Será realizado então um treino de hipertrofia padronizado pré-determinado pelo educador físico, e logo após o treino, todas as análises serão repetidas. Os dados obtidos serão submetidos ao teste de normalidade, e caso seja constatada diferença estatisticamente significante, será aplicado o teste adequado de probabilidade, e se possível, testes de correlação. (AU)

Resumo

A corrida é eficaz no aumento do nível de atividade física e promove diversos efeitos benéficos à saúde. Porém, a implementação da corrida como atividade física não está livre de efeitos colaterais. As lesões relacionadas à corrida constituem o efeito colateral que apresenta o maior risco para a população em geral. As consequências relacionadas às lesões da corrida aumentam a probabilidade dos corredores lesionados em desistirem de praticar corrida, e ainda pode desmotivar a prática de atividade física de maneira geral. Isso contrapõe os esforços em aumentar os níveis de atividade física da população, sendo esta uma prioridade da Organização Mundial de Saúde (OMS). Porém, intervenções eficazes na prevenção de lesões da corrida são escassas. Assim, o objetivo principal desse projeto de pesquisa será desenvolver e avaliar a implementação de um programa de prevenção de lesões relacionadas à corrida em corredores iniciantes e recreacionais. Para tal, um modelo misto de pesquisa (qualitativo e quantitativo) com implementação sequencial em três etapas será conduzido. A etapa 1 do projeto terá como objetivo desenvolver um programa de prevenção de lesões da corrida envolvendo a comunidade (corredores, treinadores, profissionais da saúde, integrantes de grupos de corrida, pesquisadores, etc.). A etapa 2 será um ensaio controlado aleatorizado com o objetivo de monitorar e avaliar o processo de implementação do programa de prevenção desenvolvido. A etapa 3 terá como objetivo identificar facilitadores e barreiras em relação ao desenvolvimento e implementação do programa de prevenção de lesões da corrida. Com os resultados obtidos por esse projeto de pesquisa, poderemos obter não apenas o primeiro programa de prevenção de lesões da corrida, em todo o mundo, testado e avaliado para efetiva implementação na "vida real", como também obter mais conhecimento sobre como desenvolver e avaliar programas de prevenção de lesões relacionadas à atividade física ou esporte. (AU)

Resumo

Nos dias atuais, o transplante renal (TxR) é a melhor alternativa terapêutica para os pacientes no estágio final da doença renal. Para que o transplante renal seja realizado, são definidos critérios que incluem avaliações médica, cirúrgica e psicossocial do paciente, além da verificação da compatibilidade com o possível doador. Todas essas avaliações são realizadas com o intuito de minimizar possíveis complicações pós-TxR. Outra avaliação que deveria ter mais atenção no período pré e pós-TxR é a nutricional, que possui fundamental importância, visto que o estado nutricional do paciente pode interferir nos desfechos do transplante. Recentemente, uma nova ferramenta tem sido utilizada como possível preditora dos desfechos do TxR, a avaliação da fragilidade. Trata-se de uma medida de reserva fisiológica que tem se relacionado com a ocorrência de função tardia do enxerto, readmissão hospitalar precoce e mortalidade. A associação entre a condição nutricional prévia ao transplante renal e a fragilidade como possíveis preditores de desfechos clínicos infecciosos e não infecciosos após o transplante parecem ser inéditas na literatura. O objetivo do presente estudo será avaliar a fragilidade e o estado nutricional dos pacientes como preditores de desfechos clínicos infecciosos e não infecciosos após o transplante renal. Será desenvolvido na Serviço de Transplante Renal do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP (HC-FMB). A casuística deverá ser composta de pacientes com idade superior a 18 anos, submetidos ao transplante renal entre março de 2017 e março de 2018. Será aplicado o escore de fragilidade, através de autorrelato de cansaço, perda de peso e de atividade física, além do teste de caminhada e da medida da força da preensão palmar. A avaliação do estado nutricional será feita através da composição corporal, pela bioimpedância segmentar, e dos dados antropométricos. Os dados serão coletados em dois momentos, imediatamente antes e três meses após o TxR. A coleta de informações demográficas, sobre antecedentes pessoais e sobre o transplante renal será realizada através do prontuário eletrônico. A fragilidade e avaliação da composição corporal serão relacionadas com os desfechos clínicos infecciosos e não infecciosos no período pós-TxR. (AU)

Resumo

O acesso a espaços públicos abertos é importante para aumentar a prática de caminhada no tempo de lazer em países de renda alta, mas existem poucas evidências em países de renda média. Nós conduzimos uma análise transversal para verificar as relações da caminhada no lazer com a presença de diferentes tipos (ciclovias, parques e praças) e a combinação destes destinos recreacionais próximos das residências de adultos que participaram do Inquérito de Saúde de São Paulo (n=3.145). A caminhada no lazer foi avaliada por questionário. Nós delineamos buffers (500, 1.000 e 1.500 metros) a partir das residências dos adultos usando sistema de informação geográfica. Nós utilizamos regressão logística multinível com clusters/agregação dos setores censitários e das casas e ajustando por características sociais, demográficas e de saúde. Os principais resultados mostraram que a presença de pelo menos dois tipos de destinos recreacionais dentro de buffers de 500 metros em relação às residências foram associados com o aumento no odds ratio para caminhada no lazer comparado com buffers onde não havia nenhum destino (OR=1,65; 95% IC 1,09-2,55). Não foram encontradas associações para buffers mais distantes das residências. Estes resultados apoiam ações do novo plano Diretor para a cidade de São Paulo e poderiam ser utilizados para destacar a importância do acesso à combinação de espaços públicos abertos para a promoção da atividade física em megacidades de países de renda média. (AU)

Resumo

A proposta está voltada para coleta e processamento de dados baseados em diagnóstico funcional para pessoas com deficiências (amputados e lesados medulares), p.ex. ombro, coluna,quadril, joelho, tornozelo, variações metabólicas e neurológicas determinadas pela atividade física, em atletas paralímpicos entre outros.Inovação se dará em equipamentos na área de saúde, esportes em cadeiras de rodas (rugby, p.ex.), colocando evidência na prática clínica, implementando aplicativos e disseminando o conhecimento por meio de computação em nuvem.O projeto viabilizará análise de movimento, preensão, equilíbrio (mão, pé, coluna) e avaliação de forças e momentos nas articulações, durante esportes paralímpicos, etc.. (AU)

Resumo

O presente simpósio pretende discutir estratégias não farmacológicas de integração de dois grandes desfechos do envelhecimento: a fragilidade e a neurodegeneração. A partir de palestras e debates, pretende-se discutir as convergências entre esses dois desfechos, e em seguida destacar o papel da Nutrição e da Atividade Física nesse contexto. (AU)

1.057 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s)
Marcar todos desta pagina | Limpar seleção