FAPESP Logo

Conteúdo relacionado

    "fones de inserção: um estudo em crianças audiologicamente normais e deficientes auditivas"

    Beneficiário:

    Instituição-sede da pesquisa: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo, SP, Brasil
    Pesquisador responsável:

    Daniela Gil

    Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fonoaudiologia
    Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
    Processo: 10/02052-0
    Vigência: 01 de abril de 2010 - 31 de dezembro de 2010
    Assunto(s):

    Audiologia

    Audiologia clínica

    Resumo
    O objetivo deste trabalho é de comparar os limiares auditivos obtidos com fones supra aurais e de inserção em 30 crianças separadas em dois grupos, sendo o primeiro envolvendo crianças com audição normal e o segundo com crianças com deficiência auditiva neurossensorial.Com este estudo poderemos observar se há diferença entre os dois tipos de fones em ambos os grupos e quais as vantagens e desvantagens da utilização dos mesmos para crianças deficientes auditivas e crianças audiologicamente normais.Os grupos serão submetidos a audiometria tonal e logoaudiometria com ambos os transdutores. (AU)
    CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

    R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
    cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP