Busca avançada

Estudo de metabolismo in vitro de diterpenos biologicamente ativos

Processo: 10/06502-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2010
Vigência (Término): 30 de junho de 2011
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Norberto Peporine Lopes
Beneficiário:
Instituição-sede : Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/51812-0 - Desenvolvimento de uma plataforma para o estudo do metabolismo in vivo e in vitro de produtos naturais, uma necessidade para o sistema de ensaios pré-clínicos, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Espectrometria de massas   Produtos naturais   Afidicolina   Química de produtos naturais

Resumo

Os avanços da Química, Farmacologia e Biologia Molecular a partir de meados do século XX, aliados à introdução novos ensaios bioquímicos, conduziram ao desenvolvimento da Química Medicinal, com o planejamento racional fármacos baseado na abordagem fisiológica. Gradativamente os produtos sintéticos ganham posição de destaque no arsenal terapêutico. A introdução do "high-throughput screening" nos anos 90 por parte da indústria farmacêutica e o desenvolvimento da Química Combinatorial, diminuíram sensivelmente o interesse em produtos naturais entre 1984 e 2003, que se traduziu no menor volume investimentos da Indústria Farmacêutica neste setor. Entretanto diminuiu também, nos últimos anos, o número de novos fármacos lançados no mercado e pode-se observar um ressurgimento no interesse por produtos naturais como fonte de novas substâncias bioativas. Os avanços nas técnicas de separação, purificação e identificação de misturas complexas de produtos e a diversidade estrutural presente na natureza são os fatores responsáveis por este renovado interesse.Neste contexto, os diterpenos afidicolina e ácido caurenóico merecem uma investigação detalhada em virtude de comprovadas atividades biológicas. Dentre outras, estes diterpenos mostraram-se promissores principalmente contra doenças negligenciáveis como Leishmaniose e Doença de Chagas. Embora esses compostos tenham se mostrado promissores, ainda não existem estudos sobre sua absorção, metabolismo e distribuição em animais e humanos e, portanto, estudos preliminares de metabolismo in vitro serão necessários para uma melhor avaliação de suas propriedades, antes do desenvolvimento de um novo fármaco. Estudos de metabolismo in vitro representam o primeiro passo para determinar os possíveis metabólitos formados durante a administração desses compostos. Portanto, o presente projeto tem como objetivos estudar o metabolismo in vitro da afidicolina e do ácido caurenóico, utilizando microssomas hepáticos de ratos, frações citosólicas, supersomas e modelos biomiméticos baseados em reações empregando metaloporfirinas. Além disso, esse projeto pretende contribuir com o desenvolvimento de metodologias analíticas modernas e aplicáveis a estudos visando à obtenção de informações sobre as propriedades farmacocinéticas (metabolismo in vitro e in vivo) da afidicolina e do ácido caurenóico. (AU)