Busca avançada

Desenvolvimento de máquina para inspeção e controle de qualidade de mudas florestais

Processo: 16/20687-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 31 de março de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Pesquisador responsável:Fernando Antonio Torres Velloso da Silva Neto
Beneficiário:
Empresa:Mvisia Comércio de Equipamentos Eletrônicos Inovadores Ltda
Vinculado ao auxílio:15/08706-5 - Desenvolvimento de máquina para inspeção e controle de qualidade de mudas florestais, AP.PIPE
Assunto(s):Visão computacional   Aprendizado computacional   Eucalipto   Mudas (plantas)   Controle da qualidade

Resumo

Motivados pela finalização bem-sucedida do processo PIPE FAPESP Fase I (nº 2012/50974-9), o pesquisador responsável e equipe submetem o presente projeto de pesquisa, visando incorporar a tecnologia validada anteriormente a um produto que atenda ao mercado florestal, por apresentar maior relevância para economia nacional. A economia florestal é de grande importância para o Brasil, sendo responsável por 4% de nosso PIB. Além disso, o Brasil é um dos maiores produtores e o maior consumidor mundial de produtos de origem florestal. Apesar dessa posição de destaque, nem o mercado nacional e nem mesmo o internacional oferecem uma solução para a automação da inspeção dessas mudas, ainda que se trate de um produto desejado por todos os produtores contatados durante a elaboração deste projeto. A inspeção e classificação pré-plantio de mudas florestais é etapa importante da cadeia produtiva dessa indústria, pois garante que apenas mudas de boa qualidade e sem doenças sejam levadas ao campo, evitando perda de produtividade nos investimentos de longo prazo característicos da produção florestal. Atualmente essa tarefa é realizada de forma manual, o que faz com que o resultado seja inconsistente e custoso. Dada a natureza visual da inspeção, um sistema de visão computacional pode ser empregado para automatizar essa tarefa. Nesse sistema, diversos parâmetros das mudas são extraídos através de técnicas de processamento de imagens, que servem de entrada para um classificador. A construção desse classificador é feita com algoritmos de aprendizado de máquina, a partir de exemplos previamente classificados por especialistas. O objetivo do presente projeto é, portanto, criar uma solução (máquina) capaz de realizar a inspeção, classificação e separação das mudas de eucalipto automaticamente e em escala comercial. Ao final da realização deste projeto de pesquisa, espera-se obter esse protótipo da máquina funcionado corretamente e validado por uso em campo. Futuramente, novas versões poderão ser fabricadas, efetivando a criação de um produto que possibilitará o aumento da produtividade, qualidade e rentabilidade dos produtores nacionais. (AU)