Busca avançada

Filogeografia comparada de Passeriformes com um padrão de distribuição circum-Amazônico

Processo: 15/16092-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2016
Vigência (Término): 30 de junho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia
Pesquisador responsável:Luís Fábio Silveira
Beneficiário:
Instituição-sede : Museu de Zoologia (MZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Assunto(s):Filogeografia   Passeriformes   Evolução animal   Biogeografia   Distribuição animal

Resumo

Diferentes padrões biogeográficos e de distribuição são descritos para a região Neotropical. Um padrão singular é o conhecido como "padrão de distribuição circum-Amazônico". Os táxons que apresentam este padrão se distribuem ao sul e à leste da Amazônia, nos Andes, na faixa costeira Venezuelana nos Tepuis. Elucidar a história evolutiva destes táxons permitiria propor hipóteses biogeográficas explicando este padrão de distribuição, bem como verificando a sua congruência espacial e temporal. Igualmente, o uso de dados genômicos destes grupos de espécies com distribuição similar permite uma estimativa mais exata dos parâmetros evolutivos necessários para reconstruir a historia das regiões e dos conjuntos de táxons. Estudos comparativos abrangentes destinados a desvendar os mecanismos evolutivos e biogeográficos por trás deste padrão não foram realizados ainda, e só uma escassa informação descritiva foi publicada. Portanto, o principal objetivo deste projeto será elucidar os mecanismos históricos e biogeográficos subjacentes ao padrão de distribuição circum-Amazônico desenvolvendo análises comparativas baseadas em dados genômicos de um grupo de Passeriformes. Dados genômicos (Ultraconserved Elements - UCEs) serão obtidos para estimar parâmetros populacionais e as arvores genealógicas de cada espécie. Posteriormente, análises comparativas (usando uma aproximação hABC) serão elaborados para identificar congruências entre as historias genealógicas dos taxa, e para propor hipóteses biogeográficas plausíveis sobre o padrão circum-Amazônico. Os resultados deste estudo fornecerão nova evidência sobre a biogeografia das espécies que possuem o padrão de distribuição circum-Amazônico. (AU)