FAPESP Logo

Comunidade de aves em área de restauração ativa e passiva do interior paulista

Processo: 15/13383-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2015
Vigência (Término): 31 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Marco Aurelio Pizo Ferreira
Beneficiário:
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/50718-5 - Restauração ecológica de florestas ciliares, de florestas nativas de produção econômica e de fragmentos florestais degradados (em APP e RL), com base na ecologia de restauração de ecossistemas de referência, visando testar cientificamente os preceitos do Novo Código Florestal Brasileiro, AP.BTA.TEM
Assunto(s):

Aves

Resumo
O presente projeto tem como objetivo comparar áreas de restauração ativa (i.e., em que mudas foram plantadas para a recuperação da vegetação florestal) e passivas (i.e., que contam com o processo natural de regeneração) quanto à estrutura das comunidades de aves (i.e., abundância, riqueza, composição) e seu perfil funcional. Também pretende-se avaliar a influência da paisagem no entorno das áreas restauradas sobre a avifauna. Para isso serão amostradas aves utilizando-se a metodologia de pontos fixos em áreas retauradas ativa e passivamente localizadas no domínio das florestas estacionais semideciduais do interior paulista. Características funcionais das espécies de aves serão definidas com base em dados morfológicos e uso de recursos, que possuem relação direta ou indireta com processos e funções ecossistêmicas. (AU)
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP