Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de nanoestruturas e filmes de ZnO para aplicação em sensores e nanogeradores

Processo: 11/19561-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 30 de novembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Maria Aparecida Zaghete Bertochi
Beneficiário:Glenda Biasotto
Instituição-sede : Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:98/14324-0 - Multidisciplinary Center for Development of Ceramic Materials, AP.CEPID
Assunto(s):Técnicas biossensoriais   Materiais nanoestruturados   Filmes finos   Sensores   Engenharia de materiais

Resumo

A presente proposta objetiva estudar nanoestruturas e filmes finos de óxido semicondutores crescidos via síntese hidrotérmica assistida por microondas e depositados em diferentes tipos de substratos visando aplicações de grande interesse tecnológico como biosensores, sensores de gases, e nanogeradores. Os materiais sintetizados terão suas propriedades estruturais e morfológicas caracterizadas por microscopia de força atômica (AFM), microscopia eletrônica de varredura (SEM), difração de raios-X (XRD) e microscopia eletrônica de transmissão. O material utilizado será o óxido de zinco (ZnO) devido às propriedades funcionais desse óxido, além de ser biocompatível. Filmes das nanoestruturas serão crescidos diretamente sobre substratos de vidro, diamante e langasite, durante o processo de síntese ou serão sintetizados e depositados posteriormente através de spin coating. O desempenho dos filmes sensores (sensibilidade, velocidade de resposta, seletividade, estabilidade) serão avaliados quanto à sensitividade, biocompatividade, capacidade de conversão (parâmetros piezoeletricos). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre a bolsa:
Diagnóstico precoce de câncer