Busca avançada
Ano de início
Entree

A ação hipotalâmica da leptina regulando a secreção de insulina pelo pâncreas

Processo: 11/11736-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2011
Vigência (Término): 31 de agosto de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Mario Jose Abdalla Saad
Beneficiário:Guilherme Haelvoet Correa
Instituição-sede : Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Assunto(s):Hipotálamo   Diabetes mellitus   Leptina   Obesidade   Insulina

Resumo

Com o aumento mundial da prevalência de obesidade, diabetes, dislipidemia e hipertensão, tem-se como elo comum a resistência a insulina. Além do quadro de resistência à insulina, temos pessoas que apresentam grandes quantidades de leptina na circulação, que entretanto, não apresentam os efeitos de saciedade e inibição do apetite esperados. Tendo em vista a importância da leptina nessas comorbidades, e sabendo-se dos efeitos pleiotrópicos desse hormônio no organismo humano, mais especificamente do cross-talk de insulina e leptina no sistema nervoso central no hipotálamo, o estudo da leptina torna-se fundamental para elucidar os mecanismos de regulação da secreção de insulina pancreática em indivíduos com síndromes metabólicas. O estudo se dará através de ratos que serão divididos em diversos grupos de acordo com os objetivos do projeto. Como objetivos do projeto, além de corroborar a regulação da secreção de insulina pancreática pela leptina central, temos a investigação da via de sinalização da leptina pela qual se dá a regulação (JAK ou AKT). Ademais, o projeto busca investigar se o mecanismo pelo qual a sinalização de leptina central chega ao pâncreas é por via nervosa: Parassimpática, através do nervo vago, ou simpática. Para tal, serão realizados vagotomias e simpatectomias. Outros métodos de estudo serão por meio de realização de GTT e imunoblotting Ao final do estudo, pretende-se ter um panorama melhor da regulação da secreção de insulina no pâncreas pela leptina central. (AU)