Busca avançada

Descoberta de antígenos e desenvolvimento de métodos de diagnóstico sorológico e estratégias vacinais contra o Vírus Zika (ZIKV)

Processo: 16/20045-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de dezembro de 2017 - 30 de novembro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Luis Carlos de Souza Ferreira
Beneficiário:
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisadores principais:Edison Luiz Durigon
Assunto(s):Antígenos  Vírus Zika 

Resumo

O presente pedido de financiamento para projeto de pesquisa temático tem como principal objetivo o financiamento de pesquisas relacionadas ao Vírus Zika (ZIKV) atualmente em andamento nos Laboratórios de Virologia (LV) e Desenvolvimento de Vacinas (LDV) da USP. O trabalho está centrado em quatro pontos principais, a se saber: I) geração e utilização de antígenos recombinantes derivadas do ZIKV para uso em estratégias vacinais e desenvolvimento de métodos de diagnóstico sorológicos específicos; II) desenvolvimento de diferentes modelos experimentais in vitro e in vivo, assim como marcadores, que permitam avaliar e monitorar a imunidade induzida pelo ZIKV e a imunidade protetora conferida por formulações vacinais; III) desenvolvimento e teste de formulações vacinais voltadas para o controle da infecção pelo ZIKV, incluindo diferentes antígenos, adjuvantes, e vias de inoculação; e (IV) desenvolvimento de testes sorológicos específicos a partir de antígenos recombinantes derivados do ZIKV. O trabalho será feito em parceria com diferentes grupos de pesquisa na USP, e fora dela, com ênfase no Instituto Butantan, Fiocruz e Instituto Pasteur. Os LV e LDV tem experiência no desenvolvimento de antígenos, desenvolvimento de formulações vacinais e testes de diagnóstico contra o Vírus Dengue (DENV) e outros vírus e patógenos. O trabalho proposto está respaldado na experiência demonstrada pelos grupos proponentes nos últimos anos. Além disto, resultados obtidos no contexto do projeto já resultaram em publicações, pedidos de patente e descobertas científicas que vem sendo utilizadas por diferentes instituições de pesquisa no país e no exterior. Os resultados esperados trarão impactos importantes tanto para o melhor entendimento da sorologia da infecção pelo ZIKV como em pesquisas que resultem no desenvolvimento de formulações vacinais passíveis de serem utilizadas em seres humanos. Espera-se que os resultados a serem alcançados tenham desdobramentos acadêmicos significativos e resulte no desenvolvimento de tecnologias com aplicação a curto e médio prazo no país. (AU)