FAPESP Logo

Conteúdo relacionado

    Estudo da contribuição do processo inflamatório na discinesia induzida por L-DOPA na Doença de Parkinson

    Processo: 14/25029-4
    Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
    Vigência: 01 de abril de 2016 - 31 de março de 2019
    Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Neuropsicofarmacologia
    Pesquisador responsável:Elaine Aparecida Del Bel Belluz Guimarães
    Beneficiário:
    Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
    Pesq. associados:Vitor Tumas ; Wilson Marques Junior
    Bolsa(s) vinculada(s):16/17045-5 - Capacitação em técnicas imunohistoquímicas e histológicas e análise em microscopia ótica, BP.TT
    16/06602-0 - Estudo da contribuição do processo inflamatório na discinesia induzida por L-DOPA na Doença de Parkinson, BP.PD
    Assunto(s):

    Doenças neurodegenerativas

    Dopamina

    Óxido nítrico

    Canabidiol

    Resumo
    A doença de Parkinson representa um dos distúrbios neurodegenerativos relacionados à idade mais comuns em seres humanos, não tem cura, e o seu custo sócio-econômico é elevado. A discinesia induzida pelo tratamento com L-DOPA se caracteriza pela presença de movimentos involuntários anormais que incapacitam o paciente. Descobrimos que inibidores da síntese de óxido nítrico (NO) bloqueiam o desenvolvimento da discinesia, observação que foi reproduzida em primatas não humanos. Esta descoberta tem potencial uso terapêutico desde que não se conhece a causa da discinesia. Pode contribuir para a manifestação da discinesia processo inflamatório demonstrado no cérebro de pacientes Parkinsonianos (in vivo e post-mortem) e em modelos animais. Como o sistema nitrérgico participa do processo inflamatório a hipótese a ser testada neste estudo é que o sistema nitrérgico participa do desencadeamento e manutenção da discinesia induzida pelo tratamento crônico com L-DOPA e que interage com componentes do processo inflamatório. Para analisar esta hipótese os nossos objetivos são 1-investigar o efeito de drogas anti-inflamatórias e a expressão de proteínas, mediadores lipídicos e citocinas relacionadas ao processo inflamatório no estriado com depleção de dopamina de animais Parkinsonianos (lesão unilateral de neurônios dopaminérgicos com a neurotoxina 6-OHDA), e/ou com discinesia induzida por L-DOPA e respectivos controles. 2- Para testar a hipótese em pacientes será avaliada a presença de mediadores do processo inflamatório no líquido cefalorraquidiano e/ou no soro. Como os pacientes em regra estão sobre tratamento, serão avaliados pacientes com ou sem discinesia.. (AU)

    Publicações científicas
    (Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
    CARTA, ANNA R.; MULAS, GIOVANNA; BORTOLANZA, MARIZA; DUARTE, TERENCE; PILLAI, ELISABETTA; FISONE, GILBERTO; VOZARI, RITA RAISMAN; DEL-BEL, ELAINE. L-DOPA-induced dyskinesia and neuroinflammation: do microglia and astrocytes play a role?. European Journal of Neuroscience, v. 45, n. 1, p. 73-91, JAN 2017. Citações Web of Science: 0.
    CARTA, ANNA R.; MULAS, GIOVANNA; BORTOLANZA, MARIZA; DUARTE, TERENCE; PILLAI, ELISABETTA; FISONE, GILBERTO; VOZARI, RITA RAISMAN; DEL-BEL, ELAINE. l-DOPA-induced dyskinesia and neuroinflammation: do microglia and astrocytes play a role?. European Journal of Neuroscience, v. 45, n. 1, SI, p. 73-91, JAN 2017. Citações Web of Science: 0.
    Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
    X

    Reporte um problema na página


    Detalhes do problema:
    CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

    R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
    cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP