FAPESP Logo

Uso de modernas técnicas de autópsia na investigação de doenças humanas (MODAU)

Processo: 13/21728-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de novembro de 2014 - 31 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Paulo Hilário Nascimento Saldiva
Beneficiário:
Instituição-sede: Instituto de Estudos Avançados (IEA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisadores principais:Maria de Fátima Andrade ; Thais Mauad ; Pérola de Castro Vasconcellos ; Ligia Vizeu Barrozo ; Elaine Maria Frade Costa ; Gregório Cardoso Tápias Ceccantini ; Edson Amaro Junior ; Julio da Motta Singer ; João Eduardo Ferreira ; Carlos Augusto Gonçalves Pasqualucci ; Mitiko Saiki ; Marisa Dolhnikoff ; Luiz Fernando Ferraz da Silva
Pesq. associados:Luiz Alberto Amador Pereira ; Wilson Jacob Filho ; Milton de Arruda Martins ; Claudia Kimie Suemoto ; Silvia Helena Gelás Lage ; Gisela Tunes da Silva ; Ruy de Camargo Pires Neto ; Lea Tenenholz Grinberg ; Paulo Afonso de André ; Suzana Pasternak ; Henrique César Santejo Silveira ; Carmen Diva Saldiva de André ; Ricardo Nitrini ; Alexandre Valotta da Silva ; Maria Lucia Bueno Garcia ; Mariana Matera Veras ; Lucia Maria Machado Bógus ; Aline Pivetta Cora ; Leila Antonangelo ; Renata Elaine Paraizo Leite ; Reinaldo Paul Pérez Machado ; Mônica Valeria Marquezini ; Marina Jorge de Miranda ; Regina Maura de Miranda ; Paulo Sergio Panse Silveira ; Lucia Pereira Barroso ; Renata Eloah de Lucena Ferretti Rebustini ; Ana Luiza de Souza Bierrenbach ; Claudia da Costa Leite ; Antonio Carlos Pedroso de Lima ; Nelson Ithiro Tanaka ; Silvia Regina Dias Medici Saldiva ; Paulo Justiniano Ribeiro Junior ; José Marcelo Farfel
Bolsa(s) vinculada(s):16/23339-1 - Caracterização molecular e ocorrência de compostos orgânicos na fase gasosa e particulada do material atmosférico coletado no Pólo Petroquímico de Capuava (SP), BP.DD
16/09411-1 - Modelo espaço-temporal para a predição da concentração de material particulado fino (MP2.5) na Região Metropolitana de São Paulo, BP.DR
16/22793-0 - Doença de Alzheimer no epitélio olfatório: correlação com o meio ambiente, BP.PD
+ mais bolsas vinculadas 16/15989-6 - Áreas verdes e saúde humana: impacto da presença de áreas verdes na saúde da população da Região Metropolitana de São Paulo, BP.PD
16/17936-7 - Aerossol secundário: precursores e contribuição para o material particulado atmosférico, BP.PD
16/03461-7 - Comparação da autópsia minimamente invasiva em relação à autópsia convencional para o diagnóstico post-mortem de neoplasias malignas, BP.PD
15/25511-3 - Reconstrução do clima e da poluição baseada nos registros de anéis de crescimento de árvores urbanas, BP.PD
15/03932-7 - MetroHealth data warehouse: multidimensional data visualization and data extract, BP.TT
15/02770-3 - Estudos da viabilidade do uso de estratégias semiautomatizadas e automatizadas de coregistro para correlação entre análise de imagens radiológicas e patológicas no sistema nervoso central, BE.PQ
15/01798-1 - MetroHealth data warehouse: conceptual modeling and implementation, BP.TT - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):

Autopsia

Humanos

Tomografia computadorizada

Poluição

Resumo
Ao longo de toda a história, desde os primeiros estudos anatômicos conhecidos na Idade Média até o uso de modernas técnicas moleculares para o estudo de processos fisiopatológicos, a autópsia mostrou ser um processo importante e fonte de muito material para o avanço do conhecimento científico. Apesar do surgimento de um amplo conjunto de técnicas de imagem vários estudos têm demonstrado que a autópsia continua a ser crucial para a avaliação integrada do processo de doença, a avaliação de novas patologias e controle de qualidade do serviço médico. Dado o amplo acesso a material biológico, ela permite também o desenvolvimento concomitante de diversos projetos de pesquisa. A Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo procura fazer o melhor uso possível do grande potencial que representam suas 14 mil autópsias anuais. Embora pareça razoável que o aumento da capacidade, dos métodos de imagem pode garantir uma correlação mais confiável com a realidade, estas validações são, em geral, realizadas apenas no dia-a-dia do uso de equipamentos e não de forma estruturada levando em contas aspectos clínicos e patológicos de forma correlata. Uma alternativa é a realização destes estudos post-mortem, mas ainda em pequeno número, já que é difícil a obtenção de amostras rotineiramente. A presente proposta tem como objetivo principal utilizar exames de imagem e a autópsia para explorar dois temas importantes a saber: (a) o conceito de autópsia minimamente invasiva como uma alternativa para aumentar o número de autópsias, para entender os processos de doenças e avaliar o diagnóstico clínico e tratamento, e (b) o papel da autópsia como ferramenta de investigação dos efeitos do ambiente urbano na determinação de doenças humanas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ZACCARELLI-MARINO, MARIA ANGELA; SALDIVA ANDRE, CARMEN DIVA; SINGER, JULIO M. Overt Primary Hypothyroidism in an Industrial Area in Sao Paulo, Brazil: The Impact of Public Disclosure. INTERNATIONAL JOURNAL OF ENVIRONMENTAL RESEARCH AND PUBLIC HEALTH, v. 13, n. 11 NOV 2016. Citações Web of Science: 0.
Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema:
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP