FAPESP Logo

Entendimento das causas dos vieses que determinam o início da estação chuvosa na Amazônia nos modelos climáticos usando observações do GoAmazon e CHUVA

Pesquisador responsável:

Jose Antonio Marengo Orsini

Beneficiário:

Instituição-sede da pesquisa: Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Nacionais (CEMADEN). Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (Brasil). Cachoeira Paulista, SP, Brasil
Pesquisador responsável no exterior: Rong Fu
Instituição no exterior: University of Texas at Austin (UT), Estados Unidos
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo: 13/50538-7
Vigência: 01 de janeiro de 2014 - 31 de dezembro de 2016
Bolsa(s) vinculada(s):15/11353-7 - Integração de dados GO Amazon e chuva em experimentos de modelagem utilizando o modelo regional ETA e modelos BESM globais para estudar início da estação chuvosa na Amazônia: avaliações de viés, BP.TT
Convênio/Acordo de cooperação com a FAPESP: Pesquisa Colaborativa GOAmazon
Publicação FAPESP sobre o auxílio:http://media.fapesp.br/bv/uploads/pdfs/science_of_the_amazon_18_44_45.pdf
Assunto(s):

Amazônia

Chuva

Seca

Gases do efeito estufa

Modelos meteorológicos

Resumo
O início da estação chuvosa na Amazônia apresente uma grande variabilidade espacial e temporal, e também um forte impacto na variabilidade da distribuição de aerossóis, funcionamento de ecossistemas, duração estação seca, fogo e fluxos de carbono, agricultura e geração de energia hidroelétrica. Mudanças na duração da estação seca e uma intensificação da resiliência da estação seca devido a fertilização do CO2 são dois fatores importantes de mudança climática e na determinação do Amazon die back o colapso da floresta Amazônica a meados do Século XXI. Duas grandes secas tem acontecido na Amazônia durante os últimos 20 anos (2005 e 2010) e a duração da estação seca tem aumentado pelo menos um mês. Porém, avaliações dos modelos climáticos do CMIP3 e CMIP5 sugerem que muitos destes modelos subestimam a variabilidade observada do início da estação chuvosa e consequentemente na duração da estação seca, e projetam virtualmente não mudanças nessas variáveis quando os modelos são forçados com uma forçante intensa de gases de efeito estufa no cenário de emissões RCP8.5. Porque os modelos subestimam a variabilidade do início da estação chuvosa, e ser que esse viés pode dar lugar a uma subestimativa da sensibilidade climática da duração da estação seca devido a forçante radiativa antropogênica? isso ainda permanece pouco conhecido. Esta proposta está dirigida a explorar o uso das medições a ser fornecidas pelos experimentos de campo GoAmazon e CHUVA, juntamente com o uso de modelos climáticos globais e regionais, para explicar os processos que contribui na subestimativa da variabilidade modelada do início da estação seca, com foco nos modelos WRF e CESM usados por investigadores de USA, e do modelos Eta e BESM (Brazilian Earth System Model) usados pelos parceiros brasileiros do INPE. (AU)
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Estudo investiga atraso da estação chuvosa na Amazônia
Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio:
Danse de la pluie
Dança da chuva

Publicações científicas (8)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARENGO, J. A.; ESPINOZA, J. C. Extreme seasonal droughts and floods in Amazonia: causes, trends and impacts. INTERNATIONAL JOURNAL OF CLIMATOLOGY, v. 36, n. 3, p. 1033-1050, MAR 15 2016. Citações Web of Science: 0.
BOERS, NIKLAS; BARBOSA, HENRIQUE M. J.; BOOKHAGEN, BODO; MARENGO, JOSE A.; MARWAN, NORBERT; KURTHS, JUERGEN. Propagation of Strong Rainfall Events from Southeastern South America to the Central Andes. Journal of Climate, v. 28, n. 19, p. 7641-7658, OCT 2015. Citações Web of Science: 0.
MARENGO, JOSE A.; BERNASCONI, MAURO. Regional differences in aridity/drought conditions over Northeast Brazil: present state and future projections. Climatic Change, v. 129, n. 1-2, p. 103-115, MAR 2015. Citações Web of Science: 1.
BOERS, NIKLAS; BOOKHAGEN, BODO; MARENGO, JOSE; MARWAN, NORBERT; VON STORCH, JIN-SONG; KURTHS, JUERGEN. Extreme Rainfall of the South American Monsoon System: A Dataset Comparison Using Complex Networks. Journal of Climate, v. 28, n. 3, p. 1031-1056, FEB 1 2015. Citações Web of Science: 3.
CARLO ESPINOZA, JHAN; MARENGO, JOSE ANTONIO; RONCHAIL, JOSYANE; MOLINA CARPIO, JORGE; NORIEGA FLORES, LUIS; LOUP GUYOT, JEAN. The extreme 2014 flood in south-western Amazon basin: the role of tropical-subtropical South Atlantic SST gradient. ENVIRONMENTAL RESEARCH LETTERS, v. 9, n. 12 DEC 2014. Citações Web of Science: 4.
BOERS, N.; BOOKHAGEN, B.; BARBOSA, H. M. J.; MARWAN, N.; KURTHS, J.; MARENGO, J. A. Prediction of extreme floods in the eastern Central Andes based on a complex networks approach. NATURE COMMUNICATIONS, v. 5, OCT 2014. Citações Web of Science: 10.
OBREGON, GUILLERMO O.; MARENGO, JOSE A.; NOBRE, CARLOS A. Rainfall and climate variability: long-term trends in the Metropolitan Area of Sao Paulo in the 20th century. CLIMATE RESEARCH, v. 61, n. 2, p. 93-107, SEP 2014. Citações Web of Science: 0.
DRUMOND, A.; MARENGO, J.; AMBRIZZI, T.; NIETO, R.; MOREIRA, L.; GIMENO, L. The role of the Amazon Basin moisture in the atmospheric branch of the hydrological cycle: a Lagrangian analysis. HYDROLOGY AND EARTH SYSTEM SCIENCES, v. 18, n. 7, p. 2577-2598, 2014. Citações Web of Science: 2.
Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
X

Reporte um problema na página


Detalhes do problema:
CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP