FAPESP Logo

Estudo comparativo da composição bioquímica do líquido amniótico de fetos bovinos, produzidos por fecundação in vivo, fecundação in vivo com transferência de embriões e produção in vitro

Pesquisador responsável:

Nereu Carlos Prestes

Beneficiário:

Instituição-sede da pesquisa: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu, SP, Brasil
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo: 05/51247-0
Vigência: 01 de agosto de 2005 - 30 de novembro de 2007
Assunto(s):

Fertilização in vitro

Líquido amniótico

Transferência de embriões

Resumo
Com as pressões impostas pela globalização e o aumento da competitividade, tornou-se essencial que a pecuária de corte brasileira buscasse o aumento da eficiência reprodutiva e produtiva. O impulso inicial para a seleção em bovinos foi dado pela inseminação artificial (IA) e pelos programas de teste de progênie e, posteriormente, pela transferência de embriões (TE). Incremento ainda maior pôde ser obtido com o desenvolvimento da técnica de produção in vitro (PIV) e sua incorporação no setor produtivo. Tendo em vista, a inconsistência dos resultados, a incidência de problemas fetais ligados ao momento do parto e a escassez de pesquisas que determinem a composição do líquido amniótico, comparando os diferentes sistemas de produção embrionária, este trabalho tem como objetivo, avaliar a composição bioquímica dos fluidos fetais de embriões produzidos in vivo (30 amostras), in vivo com transferência de embriões (30 amostras) e in vitro (30 amostras) e procurar correlacioná-los aos estudos que estão sendo efetuados com a placenta destes animais, por outros pesquisadores brasileiros. A análise estatística empregada será ANOVA e teste t. (AU)

CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP