FAPESP Logo

Aplicação de polieletrólito em floculador de manta de lodo seguido de decantador de alta taxa no tratamento de água de abastecimento

Pesquisador responsável:

Tsunao Matsumoto

Beneficiário:

Instituição: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira, SP, Brasil
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Processo: 98/14395-5
Vigência: 01 de março de 1999 - 28 de fevereiro de 2002
Resumo
A presente proposta de pesquisa visa avaliar a aplicação de polieletrólitos em sistema de decanta-floculação composto por floculador de manta de lodo e decantador de alta taxa, pois, o emprego de polieletrólitos, naturais ou sintéticos, no tratamento de água de abastecimento está se tornando uma prática cada vez mais comum, visto que, sua aplicação possibilita uma redução no consumo de coagulantes primários e ainda, melhora a qualidade da água tratada. Assim como, o uso do floculador de manta de lodo possibilita aumentar a taxa de aplicação superficial no decantador. Isto pôde ser comprovado em experiência recente, na qual foi comparado a eficiência de remoção de turbidez entre sistemas de floculação hidráulica de manta de lodo e por chicanas (Alabama) associados à decantadores de alta taxa (Tangerino et al. (1998). Os valores obtidos na experiência, demonstram que a água decantada do sistema com floculador hidráulico de manta de lodo foram melhores para taxas de aplicação de até 120 m³/m²/dia no decantador. Com base nesta experiência, propõe-se realizar o emprego de auxiliar de floculação como os polieletrólitos, cuja características principal é tornar os flocos maiores e mais pesados, que seguramente, contribuirão para formação de uma manta de lodo mais densa, que possibilitará maiores taxas aplicação no decantador e conseqüentemente, obter maior volume de água decantada de boa qualidade. (AU)

CDi/FAPESP - Centro de Documentação e Informação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo

R. Pio XI, 1500 - Alto da Lapa - CEP 05468-901 - São Paulo/SP - Brasil
cdi@fapesp.br - Converse com a FAPESP