site da FAPESP
URL curto

Vírus da dengue

Apoio FAPESP em números
12Auxílios à pesquisa em andamento 
68Auxílios à pesquisa concluídos 
26Bolsas no país em andamento 
86Bolsas no país concluídas 
1Bolsa no exterior em andamento 
4Bolsas no exterior concluídas 
197 Todos os Auxílios e Bolsas
*Quantidades atualizadas em 25/02/2017
Refinar por
Auxílios à Pesquisa
Bolsas
Área do conhecimento
Instituição
Ano de início
Vírus da dengue em auxílios à pesquisa e bolsas apoiadas pela FAPESP.

Auxílios à pesquisa em andamento (mais recentes)

  • Plataforma de microarranjo de DNA para detecção e vigilância de vírus transmitidos por pequenos mamíferos e artrópodes, PUB.ART

    Plataforma de microarranjo de DNA para detecçã...

    Os vírus transmitidos por pequenos mamíferos e artrópodes representam uma ameaça pra humanos. A maioria dos agentes virais emergentes e re-emergentes são transmitidos por estes grupos, portanto é de grande interesse o desenvolvimento de métodos de amplo espectro para vigilância desses vírus. Neste estudo, descrevemos uma plataforma de DNA (SMAvirusChip) que pode ser utilizada para moni...

  • Transmissão vertical natural de Flavivirus de interesse médico em Aedes Aegypti e Aedes albopictus, AP.R

    Transmissão vertical natural de Flavivirus de ...

    Aedes aegypti e Aedes albopictus são vetores importantes na transmissão de várias arboviroses. Entre os vírus transmitidos por artrópodes com importância médica destacam-se os do gênero Flavivírus (família Flaviviridae) como vírus Dengue (DENV), vírus Zika (ZIKV), vírus da Febre Amarela (YF) e Vírus da encefalite Saint Louis (SLEV), os quais possuem grande relevância em saúde pública n...

  • Processo para o desenvolvimento de um kit diagnóstico para a detecção de vírus Zika, AP.PIPE

    Processo para o desenvolvimento de um kit diag...

    O vírus ZIKA (ZIKV) é um arbovírus pertencente à família Flaviviridae e ao gênero Flavivirus assim como os vírus da Dengue (DENV), Febre Amarela (YFV), Encefalite de Saint Louis (SLEV), Nilo Ocidental (WNV) e Encefalite Japonesa (JEV). Em humanos foi isolado pela primeira vez em 1952, em Uganda e na Tanzania. Em 2007 foi o causador de uma epidemia na Micronésia, no Pacífico Sul, no Gab...

Ver todos os Auxílios à pesquisa em andamento

Auxílios à pesquisa concluídos (mais recentes)

Ver todos os Auxílios à pesquisa concluídos

Bolsas no país em andamento (mais recentes)

  • Detecção in vitro do Zika vírus (ZIKV) em plaquetas provenientes de indivíduos não expostos ao vírus, BP.IC

    Detecção in vitro do Zika vírus (ZIKV) em plaq...

    Plaquetas são fragmentos citoplasmáticos de megacariócitos oriundos da medula óssea que mantêm permeabilidade vascular e atuam na coagulação do sangue. Estudos recentes já associaram as plaquetas como carreadores de vírus na circulação de pacientes infectados. As plaquetas já foram associadas ao carreamento do Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV), Vírus da Hepatite C (VHC) e, Vírus d...

  • Processo para o desenvolvimento de um kit diagnóstico para a detecção do vírus Zika, BP.PIPE

    Processo para o desenvolvimento de um kit diag...

    O vírus Zika (ZIKV) é um arbovirus pertencente à família Flaviviridae e ao gênero Flavivirus assim como os vírus da Dengue (DENV), Febre Amarela (YFV), Encefalite de Saint Louis (SLEV), Nilo Ocidental (WNV) e Encefalite Japonesa (JEV). Em humanos foi isolado pela primeira vez em 1952, em Uganda e na Tanzania. Em 2007 foi o causador de uma epidemia na Micronésia, no Pacífico Sul, no Gab...

  • Estudos funcionais de inibidores de proteases utilizando cultivos celulares de carrapato e mosquito, BP.PD

    Estudos funcionais de inibidores de proteases ...

    O projeto temático ao qual o presente projeto de pós-doutorado esta inserido tem como objetivo principal entender o papel das proteases e seus inibidores na relação parasita-hospedeiro, identificados em ectoparasitas relevantes para saúde pública e para agropecuária. Dentre os vetores estudados estão: o carrapato da espécie Rhipicephalus (Boophilus) microplus, vetor do parasita Babesia...

Ver todas as Bolsas no país em andamento

Bolsas no país concluídas (mais recentes)

  • Expressão e ativação dos receptores TAM durante a infecção de macrófagos e células dendríticas por Zika vírus, BP.IC

    Expressão e ativação dos receptores TAM durant...

    O Zika Vírus (ZIKV) emerge como problema de saúde mundial e demanda esforços da comunidade científica para o entendimento dos mecanismos moleculares envolvidos na infecção. O ZIKV faz parte do gênero dos Flavivirus, como o vírus da Dengue, cujo mecanismo de invasão celular está elucidado na literatura. É claro o envolvimento de receptores Axl, Tyro3 e Mer (Família TAM) na infecção pelo...

  • Direcionamento do domínio III da proteína e do vírus da dengue para células dendríticas por meio de vacina de DNA, BP.IC

    Direcionamento do domínio III da proteína e do...

    A dengue é uma infecção causada pelo vírus da dengue (DENV) que acomete milhões de pessoas por ano, causando sintomas como febre, diarreia, dores de cabeça e vômitos. Apesar de sua importância epidemiológica e incidência crescente, uma vacina efetiva contra o DENV ainda não foi desenvolvida. Um dos antígenos utilizados na formulação de vacinas contra o DENV é a proteína do envelope (E)...

  • Investigação de arbovírus em Chiroptera, BP.IC

    Investigação de arbovírus em Chiroptera

    As arboviroses apresentam ampla distribuição mundial, com destaque para países de clima subtropical e tropical como o Brasil, apresentando grande impacto na saúde pública. Essas regiões apresentam condições propícias para os artrópodes vetores facilitando sua persistência e disseminação. Os arbovírus, importantes patógenos humanos, são encontrados principalmente em três gêneros Alphavi...

Ver todas as Bolsas no país concluídas

Bolsa no exterior em andamento (mais recentes)

Bolsas no exterior concluídas (mais recentes)

  • A rede FAPESP-Keele fase 2: geração de linhagens mutantes do mosquito Aedes Aegypti por CRISPR-Cas9, BE.PQ

    A rede FAPESP-Keele fase 2: geração de linhage...

    Para lidar com o risco de infecção provocado pela exposição a vários micróbios, os insetos desenvolveram um sistema imune com uma variedade de mecanismos de defesa que trabalham em sinergia. Recentes estudos não publicados desenvolvidos em nosso laboratório, no âmbito da rede de cooperação FAPESP-Keele, utilizando populações naturais de Aedes aegypti com níveis distintos de susceptibil...

  • Influência do peptídeo de fusão da dengue em monocamadas de Langmuir e bicamadas modelo, BE.EP.PD

    Influência do peptídeo de fusão da dengue em m...

    A possibilidade de estudar mecanismos de funcionamento e a complexidade de um sistema biológico utilizando-se sistemas auto-organizados é de grande interesse na comunidade científica. Grande parte dos processos biológicos se dá na interface da membrana biológica e a mimetização desta através de monocamadas de Langmuir e bicamadas lipídicas se mostra de grande valia por serem de fácil o...

  • Mapeamento estrutural de epitopos-chave para neutralização e aumento da infectividade mediada por anticorpos presentes no envelope do vírus da dengue, BE.EP.PD

    Mapeamento estrutural de epitopos-chave para n...

    Os resultados da primeira fase da nossa pesquisa mostram que camundongos imunizados com o domínio III da glicoproteína de envelope e desafiados com uma dose letal de vírus da dengue (o mesmo serotipo que diz respeito à proteína), em contraste com o que se esperava , morreram antes que os animais não imunizados (cinco experimentos) . Os animais imunizados com o domínio III desenvolveram...

Ver todas as Bolsas no exterior concluídas

Linha de fomento

Auxílios + Bolsas: Acumulado dos anos

Selecione o ano

Mostrar os anos em sequência

Série histórica -